Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 2 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Morre menino soterrado em Osasco, oitava vítima de temporais em SP



18/02/2020 | 09:06


O menino Kauê Tavares, de 7 anos, que ficou soterrado em um deslizamento de terra causado pelas chuvas no último dia 10, em Osasco, morreu no domingo, dia 16, no hospital em que estava internado, em Barueri, na região metropolitana de São Paulo. A criança havia ficado soterrada por cerca de 30 minutos, depois que sua casa, na Vila Socó, foi destruída pelo escorregamento de um barranco.

Retirado com vida, o menino estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Municipal de Barueri, que confirmou o óbito. O corpo da criança foi levado para o estado do Piauí, onde o sepultamento acontece nesta terça-feira, 18.

Com a morte de Kauê, sobe para oito o número de vítimas dos temporais que atingiram o Estado de São Paulo no último dia 10. Três mortes foram registradas no distrito de Vitoriana, em Botucatu. As vítimas estavam em um carro arrastado por uma enchente que cobriu a estrada.

Outras duas pessoas morreram quando o veículo que elas dirigiam caiu em crateras abertas pelas chuvas em rodovias, em Botucatu e Júlio de Mesquita.

As inundações causaram as outras mortes em Araçariguama - um homem foi arrastado pela correnteza - e em Cabreúva, onde um idoso morreu após ter a casa invadida pelas águas da cheia no Rio Tietê.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Morre menino soterrado em Osasco, oitava vítima de temporais em SP


18/02/2020 | 09:06


O menino Kauê Tavares, de 7 anos, que ficou soterrado em um deslizamento de terra causado pelas chuvas no último dia 10, em Osasco, morreu no domingo, dia 16, no hospital em que estava internado, em Barueri, na região metropolitana de São Paulo. A criança havia ficado soterrada por cerca de 30 minutos, depois que sua casa, na Vila Socó, foi destruída pelo escorregamento de um barranco.

Retirado com vida, o menino estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Municipal de Barueri, que confirmou o óbito. O corpo da criança foi levado para o estado do Piauí, onde o sepultamento acontece nesta terça-feira, 18.

Com a morte de Kauê, sobe para oito o número de vítimas dos temporais que atingiram o Estado de São Paulo no último dia 10. Três mortes foram registradas no distrito de Vitoriana, em Botucatu. As vítimas estavam em um carro arrastado por uma enchente que cobriu a estrada.

Outras duas pessoas morreram quando o veículo que elas dirigiam caiu em crateras abertas pelas chuvas em rodovias, em Botucatu e Júlio de Mesquita.

As inundações causaram as outras mortes em Araçariguama - um homem foi arrastado pela correnteza - e em Cabreúva, onde um idoso morreu após ter a casa invadida pelas águas da cheia no Rio Tietê.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;