Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 18 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Ramalhão faz outra vítima e segue como sensação do Paulistão

Inter de Limeira/Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Gol de Ronaldo no início garante vitória sobre a Inter de Limeira e a liderança isolada do Estadual


Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

15/02/2020 | 00:03


Todo bom time precisa ter sorte e o Santo André mostrou ontem que a maré, definitivamente, está a favor. Mesmo no seu pior jogo na temporada, o Ramalhão segurou a pressão da Inter de Limeira e venceu por 1 a 0, em pleno Estádio Major Levy Sobrinho, no Interior.

Foi a quinta vitória do Santo André em seis jogos no Campeonato Paulista, o que lhe garante a melhor campanha mesmo com o complemento da rodada. O time ainda soma mais um resultado positivo no ano, quando goleou o Criciúma por 4 a 1, na primeira fase da Copa do Brasil. Com 15 pontos no Grupo B, o Ramalhão abriu cinco em relação ao Palmeiras e seis do Novorizontino – só os dois primeiros avançam. Santo André está paralelamente na disputa por vaga na Série D do Brasileiro e a Inter de Limeira é um dos adversários, assim como Mirassol, Água Santa e Novorizontino – apenas os três melhores se classificam para a edição 2021.

No primeiro tempo, o Santo André conseguiu encaixar seu jogo de transição rápida e precisou de três minutos movimentando a bola até que Branquinho encontrasse Ronaldo em ótima condição. O atacante tocou por cima do goleiro para abrir o placar: 1 a 0.

O gol deixou o Ramalhão em situação cômoda, pronto para contra-atacar, como gosta a equipe do técnico Paulo Roberto. Foram mais três excelentes oportunidades, mas faltou capricho para ampliar.

Na segunda etapa, porém, foi outro jogo. A Inter voltou diferente e deu liberdade para os laterais. O time da casa vinha em grande momento no Paulistão (três vitórias em quatro partidas) e vendeu caro a derrota. O Leão se impôs e criou dificuldade para o Santo André, que se precipitava na saída da defesa e não via a cor da bola. Os anfitriões estiveram perto de empatar, mas a sorte estava do lado ramalhino.

No fim, a Inter perdeu o lateral colombiano Elácio, expulso por impedir avanço de Guilherme Garré, que sairia na cara do arqueiro Rafael Pin. Com um a mais, Fernandinho, sem goleiro, desperdiçou chance incrível para ampliar. Quase que a displicência no ataque comprometeu. No último lance da partida, o árbitro facilitou a vida do Santo André ao parar o jogo em lance no qual Tcharlles sairia na frente do goleiro Fernando Henrique – os anfitriões reclamaram muito da não aplicação da vantagem.

Na saída, os ramalhinos celebraram. “Só a gente acreditava (em cinco vitórias). É fruto da pré-temporada. Mas desperdiçamos chances no primeiro tempo. Tem de matar o jogo”, cobrou Vitinho. “Além do gol, tive outra chance, vi o goleiro mal posicionado, mas faltou caprichar”, lamentou Ronaldo.

COPA DO BRASIL
A CBF definiu ontem que o jogo contra o Goiás, pela segunda fase do torneio, será dia 4, às 19h15, no Bruno Daniel. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;