Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 28 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Tecnologia

tecnologia@dgabc.com.br | 4435-8301

Smartphones são alvo de furto e roubo durante o Carnaval; veja como se proteger

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Da Redação, com assessoria
Do 33Giga

13/02/2020 | 16:48


Conforme o Carnaval se aproxima, aumenta a ansiedade para participar dos bloquinhos que tomam conta do Brasil. E pode até ser que as fantasias e os adereços já estejam separados, mas é necessário pensar também na segurança. Os roubos e, principalmente, furtos de celulares ganham terreno nessa época. De acordo com dados da Polícia Civil, em 2019 foram levados 5,4 mil smartphones. O número, entretanto, é menor do que o mesmo período de 2018, quando houve 5,7 mil registros. “Os foliões que aproveitarão o feriado precisam estar protegidos. Uma opção é assinar um seguro por tempo determinado, válido apenas para os dias da folia”, aconselha o co-fundador e sócio da Kakau Seguros, Henrique Volpi. Confira outras dicas!

Leia mais:
Carnaval: saiba como proteger seu smartphone durante a folia
WhatsApp na folia: como o app pode te ajudar a curtir o Carnaval
Muleta, cooler e mais: Uber divulga itens esquecidos nos últimos carnavais

1. Não deixe o smartphone à mostra: A dica pode parecer boba, mas vale ressaltar. Só use o celular caso realmente seja necessário – e faça isso rápido. Se precisar utilizá-lo por mais tempo, entre em um estabelecimento comercial, pois é mais seguro.

2. Não leve o celular para a folia: Se for possível, deixe o smartphone em casa. Caso não consiga, uma dica importante é colocar o seu chip em um aparelho antigo, aquele que você deixa de backup caso algo aconteça com o oficial.

3. Proteja o smartphone: Usar uma pochete colorida ou uma doleira por dentro da roupa é uma boa saída. Se você tiver calça, shorts ou saia que tenham bolso com zíper ou uma bolsa mais ‘reforçada’, também vale a pena. Caso não, o bolso da frente é sempre mais seguro que o de trás. E nunca se esqueça: qualquer acessório deve sempre estar virado para frente!

4. Atenção ao ‘vuco vuco’: Comum em blocos maiores, o excesso de gente é o ambiente ideal para quem quer se aproveitar. Os ladrões costumam dar esbarrões e empurrões para agir. Se possível, mantenha uma distância segura das outras pessoas e fique atento a atitudes suspeitas.

5. Cuidado no transporte público: Não é porque você ainda não chegou ao bloquinho ou já foi embora que precisa relaxar. Como metrô, trem e ônibus costumam ficar mais cheios durante a época de Carnaval, pessoas mal intencionadas também costumam se aproveitar para furtar celulares. Mas no transporte público, além de empurrar e esbarrar, também é comum usar a ‘mão leve’. Não se esqueça de deixar bolsas e mochilas à frente do corpo!

6. Instale aplicativos antirroubo: É superfácil encontrar no Android e iOS aplicativos que protegem o aparelho caso ele seja roubado ou furtado. Alguns são gratuitos e permitem controlar o celular remotamente se algo acontecer.

7. Invista em um seguro: Contrate um seguro para o seu aparelho por um período de dois meses, por exemplo. A Kakau conta com plataformas que oferecem a opção de pausar e retomar o serviço a qualquer momento, sem custos adicionais.

Levaram meu celular na folia, e agora?

1. Entre em contato com a operadora para bloquear o IMEI do aparelho;

2. Registre um Boletim de Ocorrência. Se não houve violência, ele pode ser feito online;

3. Caso seja possível, localize o aparelho pelo sistema operacional;

4. Apague os dados do telefone remotamente;

5. Acione o seguro, caso tenha.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

Para entrar no ritmo do Carnaval, confira o ensaio com animais fantasiados feito pelo Pet Model Brasil:

 
 
<
>


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Smartphones são alvo de furto e roubo durante o Carnaval; veja como se proteger

Da Redação, com assessoria
Do 33Giga

13/02/2020 | 16:48


Conforme o Carnaval se aproxima, aumenta a ansiedade para participar dos bloquinhos que tomam conta do Brasil. E pode até ser que as fantasias e os adereços já estejam separados, mas é necessário pensar também na segurança. Os roubos e, principalmente, furtos de celulares ganham terreno nessa época. De acordo com dados da Polícia Civil, em 2019 foram levados 5,4 mil smartphones. O número, entretanto, é menor do que o mesmo período de 2018, quando houve 5,7 mil registros. “Os foliões que aproveitarão o feriado precisam estar protegidos. Uma opção é assinar um seguro por tempo determinado, válido apenas para os dias da folia”, aconselha o co-fundador e sócio da Kakau Seguros, Henrique Volpi. Confira outras dicas!

Leia mais:
Carnaval: saiba como proteger seu smartphone durante a folia
WhatsApp na folia: como o app pode te ajudar a curtir o Carnaval
Muleta, cooler e mais: Uber divulga itens esquecidos nos últimos carnavais

1. Não deixe o smartphone à mostra: A dica pode parecer boba, mas vale ressaltar. Só use o celular caso realmente seja necessário – e faça isso rápido. Se precisar utilizá-lo por mais tempo, entre em um estabelecimento comercial, pois é mais seguro.

2. Não leve o celular para a folia: Se for possível, deixe o smartphone em casa. Caso não consiga, uma dica importante é colocar o seu chip em um aparelho antigo, aquele que você deixa de backup caso algo aconteça com o oficial.

3. Proteja o smartphone: Usar uma pochete colorida ou uma doleira por dentro da roupa é uma boa saída. Se você tiver calça, shorts ou saia que tenham bolso com zíper ou uma bolsa mais ‘reforçada’, também vale a pena. Caso não, o bolso da frente é sempre mais seguro que o de trás. E nunca se esqueça: qualquer acessório deve sempre estar virado para frente!

4. Atenção ao ‘vuco vuco’: Comum em blocos maiores, o excesso de gente é o ambiente ideal para quem quer se aproveitar. Os ladrões costumam dar esbarrões e empurrões para agir. Se possível, mantenha uma distância segura das outras pessoas e fique atento a atitudes suspeitas.

5. Cuidado no transporte público: Não é porque você ainda não chegou ao bloquinho ou já foi embora que precisa relaxar. Como metrô, trem e ônibus costumam ficar mais cheios durante a época de Carnaval, pessoas mal intencionadas também costumam se aproveitar para furtar celulares. Mas no transporte público, além de empurrar e esbarrar, também é comum usar a ‘mão leve’. Não se esqueça de deixar bolsas e mochilas à frente do corpo!

6. Instale aplicativos antirroubo: É superfácil encontrar no Android e iOS aplicativos que protegem o aparelho caso ele seja roubado ou furtado. Alguns são gratuitos e permitem controlar o celular remotamente se algo acontecer.

7. Invista em um seguro: Contrate um seguro para o seu aparelho por um período de dois meses, por exemplo. A Kakau conta com plataformas que oferecem a opção de pausar e retomar o serviço a qualquer momento, sem custos adicionais.

Levaram meu celular na folia, e agora?

1. Entre em contato com a operadora para bloquear o IMEI do aparelho;

2. Registre um Boletim de Ocorrência. Se não houve violência, ele pode ser feito online;

3. Caso seja possível, localize o aparelho pelo sistema operacional;

4. Apague os dados do telefone remotamente;

5. Acione o seguro, caso tenha.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

Para entrar no ritmo do Carnaval, confira o ensaio com animais fantasiados feito pelo Pet Model Brasil:

 
 
<
>

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;