Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 8 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Sesi vira briga de Kiko e Maranhão


Raphael Rocha
Do dgabc.com.br

13/02/2020 | 00:01


Aliados políticos até 2017, os prefeitos de Ribeirão Pires, Adler Kiko Teixeira (PSB), e de Rio Grande da Serra, Gabriel Maranhão (Cidadania), se afastaram politicamente e, com certa frequência, se alfinetam. O mais recente episódio foi sobre a instalação de uma unidade do Sesi. A entidade tinha presença em Ribeirão e queria trocar de área para expandir sua atuação. O espaço escolhido havia sido terreno anexo à antiga Fábrica de Sal, mas o Ministério Público impediu a parceria pelo fato de a fábrica ser patrimônio tombado. Sem acordo, o Sesi anunciou que sairá de Ribeirão definitivamente. E quem se prontificou a receber uma escola da entidade? Maranhão. O prefeito de Rio Grande já deu andamento em papelada e áreas para oferecer ao Sesi e, assim, capitalizar politicamente com a falha do antigo padrinho, atual desafeto.

BASTIDORES

Alternativa
A despeito das declarações do ex-vice-prefeito Paulo Eugenio Pereira Júnior (PT) sobre abertura da vice para aliados na eleição deste ano, a cúpula do PT de Mauá analisa a situação jurídica do ex-prefeito Oswaldo Dias (PT), já escolhido para ser o número dois da chapa liderada pelo vereador Marcelo Oliveira (PT) no pleito de outubro. Oswaldo tem garantido que sua situação jurídica é confortável – em 2018, quando concorreu a uma cadeira na Assembleia Legislativa, teve candidatura indeferida. Porém, plano B já é articulado: se Oswaldo for inviabilizado, a ex-primeira-dama Celma Dias (PT) seria escolhida.

Expulsão
O PDT de Mauá confirmou que fechará as portas para candidaturas à reeleição dos vereadores Fernando Rubinelli e Cincinato Freire. A informação foi repassada pelo presidente do partido na cidade, Cláudio Donizeti Lourenço. O dirigente também declarou que metade das candidaturas à Câmara será feminina. “Desta forma, todos os pré-candidatos e pré-candidatas vão disputar o pleito de forma justa e igualitária”, disse.

Reunião
O vereador Fernando Rubinelli (PDT), de Mauá, se encontrou ontem com o jornalista Ziggy Quinete, que chegou a trabalhar para o Partido Democrata dos Estados Unidos. Os dois conversaram sobre a pré-candidatura a prefeito do ex-deputado federal Wagner Rubinelli (PTB), pai de Fernando, e sobre o cenário eleitoral de Mauá. O contato foi para traçar estratégias políticas para o pleito de outubro.

Curso
Pré-candidato do PSD à Prefeitura de Mauá, João Veríssimo promoveu na noite de terça-feira curso de gestão de cidades e conjuntura política para 70 pessoas. “Os desafios do nosso município são especialmente únicos, por isso precisamos estar preparados para assumir a mudança e resolver os problemas da saúde, educação, segurança pública e da falta de água”, comentou. O presidente municipal do Podemos, Evandro Izidoro, e o gestor público Fabrício Lopes estiveram no encontro.

Emenda
O prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB), fará emenda ao projeto de lei que institui a Atividade Delegada. Além do convênio com a PM (Polícia Militar), a proposta envolverá os GCMs (Guardas-Civis Municipais). O projeto prevê contratação dos servidores, com remuneração extra, em período de folga dos agentes de segurança. O texto tramita na Câmara.

Debate
O vereador Edison Parra (PSB), que assume de forma interina a presidência da Câmara de São Caetano a partir de hoje, anunciou que vai se reunir com secretários da Prefeitura e com o reitor da USCS (Universidade Municipal de São Caetano), Marcos Sidnei Bassi, para incrementar a comissão de desenvolvimento econômico, ciência, tecnologia e inovação, presidida pelo socialista. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sesi vira briga de Kiko e Maranhão

Raphael Rocha
Do dgabc.com.br

13/02/2020 | 00:01


Aliados políticos até 2017, os prefeitos de Ribeirão Pires, Adler Kiko Teixeira (PSB), e de Rio Grande da Serra, Gabriel Maranhão (Cidadania), se afastaram politicamente e, com certa frequência, se alfinetam. O mais recente episódio foi sobre a instalação de uma unidade do Sesi. A entidade tinha presença em Ribeirão e queria trocar de área para expandir sua atuação. O espaço escolhido havia sido terreno anexo à antiga Fábrica de Sal, mas o Ministério Público impediu a parceria pelo fato de a fábrica ser patrimônio tombado. Sem acordo, o Sesi anunciou que sairá de Ribeirão definitivamente. E quem se prontificou a receber uma escola da entidade? Maranhão. O prefeito de Rio Grande já deu andamento em papelada e áreas para oferecer ao Sesi e, assim, capitalizar politicamente com a falha do antigo padrinho, atual desafeto.

BASTIDORES

Alternativa
A despeito das declarações do ex-vice-prefeito Paulo Eugenio Pereira Júnior (PT) sobre abertura da vice para aliados na eleição deste ano, a cúpula do PT de Mauá analisa a situação jurídica do ex-prefeito Oswaldo Dias (PT), já escolhido para ser o número dois da chapa liderada pelo vereador Marcelo Oliveira (PT) no pleito de outubro. Oswaldo tem garantido que sua situação jurídica é confortável – em 2018, quando concorreu a uma cadeira na Assembleia Legislativa, teve candidatura indeferida. Porém, plano B já é articulado: se Oswaldo for inviabilizado, a ex-primeira-dama Celma Dias (PT) seria escolhida.

Expulsão
O PDT de Mauá confirmou que fechará as portas para candidaturas à reeleição dos vereadores Fernando Rubinelli e Cincinato Freire. A informação foi repassada pelo presidente do partido na cidade, Cláudio Donizeti Lourenço. O dirigente também declarou que metade das candidaturas à Câmara será feminina. “Desta forma, todos os pré-candidatos e pré-candidatas vão disputar o pleito de forma justa e igualitária”, disse.

Reunião
O vereador Fernando Rubinelli (PDT), de Mauá, se encontrou ontem com o jornalista Ziggy Quinete, que chegou a trabalhar para o Partido Democrata dos Estados Unidos. Os dois conversaram sobre a pré-candidatura a prefeito do ex-deputado federal Wagner Rubinelli (PTB), pai de Fernando, e sobre o cenário eleitoral de Mauá. O contato foi para traçar estratégias políticas para o pleito de outubro.

Curso
Pré-candidato do PSD à Prefeitura de Mauá, João Veríssimo promoveu na noite de terça-feira curso de gestão de cidades e conjuntura política para 70 pessoas. “Os desafios do nosso município são especialmente únicos, por isso precisamos estar preparados para assumir a mudança e resolver os problemas da saúde, educação, segurança pública e da falta de água”, comentou. O presidente municipal do Podemos, Evandro Izidoro, e o gestor público Fabrício Lopes estiveram no encontro.

Emenda
O prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB), fará emenda ao projeto de lei que institui a Atividade Delegada. Além do convênio com a PM (Polícia Militar), a proposta envolverá os GCMs (Guardas-Civis Municipais). O projeto prevê contratação dos servidores, com remuneração extra, em período de folga dos agentes de segurança. O texto tramita na Câmara.

Debate
O vereador Edison Parra (PSB), que assume de forma interina a presidência da Câmara de São Caetano a partir de hoje, anunciou que vai se reunir com secretários da Prefeitura e com o reitor da USCS (Universidade Municipal de São Caetano), Marcos Sidnei Bassi, para incrementar a comissão de desenvolvimento econômico, ciência, tecnologia e inovação, presidida pelo socialista. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;