Fechar
Publicidade

Sábado, 29 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

OMS realiza encontro com especialistas para avançar no combate ao coronavírus

Pixabay Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


11/02/2020 | 09:48


A OMS (Organização Mundial de Saúde) convocou especialistas de fora da entidade nesta terça-feira para discutir testes, medicamentos e vacinas promissoras, que podem ajudar a conter o surto de coronavírus. O novo vírus foi identificado apenas no fim do ano passado na cidade chinesa de Wuhan e não há medicamentos ou vacinas licenciados para ele.

Vários laboratórios têm desenvolvido testes de diagnóstico, mas não há testes rápidos disponíveis para a doença. Mais de 300 cientistas devem participar remotamente da reunião de dois dias em Genebra, que começa nesta terça-feira. Até agora, o vírus já infectou mais de 43 mil pessoas e deixou 1.007 mortos, com 99% dos casos na China.

Diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus afirmou que a epidemia era uma "grande emergência" para a China, mas também uma "ameaça muito grave para o restante do mundo". Ele disse que ainda há uma janela de oportunidade para enfrentar o surto. Especialistas, por sua vez, avaliam que pode levar meses ou mesmo anos até que qualquer tratamento ou vacina seja desenvolvida. Fonte: Associated Press.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

OMS realiza encontro com especialistas para avançar no combate ao coronavírus


11/02/2020 | 09:48


A OMS (Organização Mundial de Saúde) convocou especialistas de fora da entidade nesta terça-feira para discutir testes, medicamentos e vacinas promissoras, que podem ajudar a conter o surto de coronavírus. O novo vírus foi identificado apenas no fim do ano passado na cidade chinesa de Wuhan e não há medicamentos ou vacinas licenciados para ele.

Vários laboratórios têm desenvolvido testes de diagnóstico, mas não há testes rápidos disponíveis para a doença. Mais de 300 cientistas devem participar remotamente da reunião de dois dias em Genebra, que começa nesta terça-feira. Até agora, o vírus já infectou mais de 43 mil pessoas e deixou 1.007 mortos, com 99% dos casos na China.

Diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus afirmou que a epidemia era uma "grande emergência" para a China, mas também uma "ameaça muito grave para o restante do mundo". Ele disse que ainda há uma janela de oportunidade para enfrentar o surto. Especialistas, por sua vez, avaliam que pode levar meses ou mesmo anos até que qualquer tratamento ou vacina seja desenvolvida. Fonte: Associated Press.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;