Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 18 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

CSN perde leilão da Corus, mas ações disparam


Do Diário OnLine
Com AFP

31/01/2007 | 13:38


A CSN (Companhia Siderúrgica Nacional) perdeu na noite de terça-feira para a indiana Tata Steel o leilão para a compra do grupo anglo-holandês de aço Corus. Se tivesse ganhado, a empresa teria se tornado a quinta maior no ramo de siderurgia.

Após a derrota, as ações da CSN dispararam na Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo) nesta quarta-feira e, por volta das 13h30, tinham alta de 4,24%, a R$ 63,28. Os investidores receberam bem a notícia porque consideravam que a empresa iria se endividar muito para adquirir a Corus.

A oferta da Tata Steel, equivalente a 7 bilhões de libras (US$ 13,7 bilhões), com a dívida incluída, convenceu a administração da Corus, que recomendou aos acionistas que dessem seu apoio à oferta. O regulador britânico de fusões-aquisições, o Takeover Panel, precisou que a empresa indiana ofereceu 608 pence por ação efetiva, superando a oferta final de 603 pence da CSN.

As duas empresas disputavam há três meses a Corus por mais de US$ 11 bilhões, num contexto mundial de consolidação do setor do aço. Esta batalha multibilionária também reflete a crescente importância econômica de dois grandes países emergentes, Brasil e Índia, que lutaram por adquirir uma das mais importantes siderúrgicas européias.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;