Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 19 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Lagarde diz que mais incentivo fiscal faria política monetária ter mais efeito



23/01/2020 | 11:57


A presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, disse hoje em coletiva de imprensa que mais medidas de incentivo fiscal fariam a política monetária da instituição ter "muito mais" impacto.

Lagarde defendeu que outras áreas colaborem de maneira "mais decisiva" para sustentar a economia da zona do euro e disse que países muito endividados da região devem adotar "políticas prudentes".

Lagarde também agradeceu ao Eurogrupo - que reúne os ministros de Finanças da zona do euro - por ter feito um apelo por "respostas fiscais diferenciadas".

Lagarde comentou ainda que a política monetária acomodatícia do BCE criou milhões de empregos, mas disse estar preocupada com os baixos níveis dos juros, uma vez que vieram na esteira da fraca taxa de crescimento da região.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Lagarde diz que mais incentivo fiscal faria política monetária ter mais efeito


23/01/2020 | 11:57


A presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, disse hoje em coletiva de imprensa que mais medidas de incentivo fiscal fariam a política monetária da instituição ter "muito mais" impacto.

Lagarde defendeu que outras áreas colaborem de maneira "mais decisiva" para sustentar a economia da zona do euro e disse que países muito endividados da região devem adotar "políticas prudentes".

Lagarde também agradeceu ao Eurogrupo - que reúne os ministros de Finanças da zona do euro - por ter feito um apelo por "respostas fiscais diferenciadas".

Lagarde comentou ainda que a política monetária acomodatícia do BCE criou milhões de empregos, mas disse estar preocupada com os baixos níveis dos juros, uma vez que vieram na esteira da fraca taxa de crescimento da região.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;