Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 24 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Família Teixeira em pé de guerra


Raphael Rocha

14/01/2020 | 00:08


A família Teixeira é uma das mais tradicionais da política do Grande ABC. Três de seus integrantes foram prefeitos – Aarão, José e Adler Kiko (os dois primeiros de Rio Grande da Serra e o terceiro, de Rio Grande e Ribeirão Pires). Além da tradição na política, outro fator marca os Teixeira: as brigas. Não é raro ver um criticando o outro. Desta vez, a discussão envolveu Polita Teixeira, filho de Aarão, e Kiko, seu tio. Polita foi a público criticar a troca no comando da Secretaria de Saúde do governo do tio – na semana passada, Patrícia de Freitas deu lugar a João Gabriel Vieira (Podemos). “O rapaz que virou secretário veio trabalhar porque a Patrícia o trouxe. Traidor e canalha são palavras fortes, porém, não conheço outras”, escreveu ele, que atua na Prefeitura de Ribeirão Pires como concursado. Na sequência, lamentou o fato de o setor ser loteado politicamente em ano de eleição. 

Explicação

 À coluna, Polita Teixeira explicou os motivos da crítica à mudança na Secretaria de Saúde de Ribeirão Pires. Disse que o questionamento não é direta ao novo secretário, João Gabriel Vieira, mas à situação, uma vez que ele foi levado à gestão de Adler Kiko Teixeira (PSB) pelas mãos de Patrícia de Freitas. Polita está filiado ao PV e deve ser candidato a vereador neste ano.

Turbulência

 O clima no PV de Santo André anda, no mínimo, agitado. Isso porque começaram a crescer insatisfações sobre o trabalho de Donizeti Pereira (PV) na montagem da chapa de candidatos a vereador na eleição deste ano. Alguns reclamam que estão sendo alijados dos debates e que estão sabendo por terceiros de uma possível filiação do ex-superintendente do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), o vereador Almir Cicote.

Potencial vice

 Vereadores da base de sustentação do prefeito Orlando Morando (PSDB), em São Bernardo, desdenharam da possibilidade de o parlamentar Pery Cartola (PSDB) ser vice do chefe do Executivo na eleição deste ano. Isso porque há descontentamento crescente sobre a atuação de Pery como líder do governo na casa. Tanto que há pedidos para troca da função. Por outro lado, o fato de ter sido o mais bem votado de São Bernardo em 2016 e ter atuação junto a entidades de cuidado aos animais tornam Pery em um dos postulantes à função de vice.

Crítica

 O deputado federal Alex Manente (Cidadania), de São Bernardo, criticou a qualidade do filme Democracia em Vertigem, indicado ao Oscar de melhor documentário da temporada. “Democracia em Vertigem é a maior ficção sobre a Lava Jato, o combate à corrupção e o fim de uma classe política corrupta. O filme, no fundo, defende não só o petismo, mas também uma classe de bandidos”, comentou o parlamentar.

Projeto

 Ex-secretário de Gestão de Pessoas de Diadema, Gesiel Duarte confirmou na sexta-feira filiação ao Republicanos, em ato que reuniu cerca de 150 pessoas em bufê no Centro da cidade. A ficha foi abonada por Erisson Pessoa, coordenador regional da legenda e que ratificou plano do partido em lançá-lo como candidato a prefeito de Diadema na eleição deste ano. “É possível, por meio da política, mudar a história de pessoas. Queremos organizar o partido, ter uma boa chapa para os vereadores”, comentou o pré-candidato. Em 2016, o Republicanos apostou em Vaguinho do Conselho como prefeiturável, mas ele perdeu para Lauro Michels (PV) no segundo turno.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Família Teixeira em pé de guerra

Raphael Rocha

14/01/2020 | 00:08


A família Teixeira é uma das mais tradicionais da política do Grande ABC. Três de seus integrantes foram prefeitos – Aarão, José e Adler Kiko (os dois primeiros de Rio Grande da Serra e o terceiro, de Rio Grande e Ribeirão Pires). Além da tradição na política, outro fator marca os Teixeira: as brigas. Não é raro ver um criticando o outro. Desta vez, a discussão envolveu Polita Teixeira, filho de Aarão, e Kiko, seu tio. Polita foi a público criticar a troca no comando da Secretaria de Saúde do governo do tio – na semana passada, Patrícia de Freitas deu lugar a João Gabriel Vieira (Podemos). “O rapaz que virou secretário veio trabalhar porque a Patrícia o trouxe. Traidor e canalha são palavras fortes, porém, não conheço outras”, escreveu ele, que atua na Prefeitura de Ribeirão Pires como concursado. Na sequência, lamentou o fato de o setor ser loteado politicamente em ano de eleição. 

Explicação

 À coluna, Polita Teixeira explicou os motivos da crítica à mudança na Secretaria de Saúde de Ribeirão Pires. Disse que o questionamento não é direta ao novo secretário, João Gabriel Vieira, mas à situação, uma vez que ele foi levado à gestão de Adler Kiko Teixeira (PSB) pelas mãos de Patrícia de Freitas. Polita está filiado ao PV e deve ser candidato a vereador neste ano.

Turbulência

 O clima no PV de Santo André anda, no mínimo, agitado. Isso porque começaram a crescer insatisfações sobre o trabalho de Donizeti Pereira (PV) na montagem da chapa de candidatos a vereador na eleição deste ano. Alguns reclamam que estão sendo alijados dos debates e que estão sabendo por terceiros de uma possível filiação do ex-superintendente do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), o vereador Almir Cicote.

Potencial vice

 Vereadores da base de sustentação do prefeito Orlando Morando (PSDB), em São Bernardo, desdenharam da possibilidade de o parlamentar Pery Cartola (PSDB) ser vice do chefe do Executivo na eleição deste ano. Isso porque há descontentamento crescente sobre a atuação de Pery como líder do governo na casa. Tanto que há pedidos para troca da função. Por outro lado, o fato de ter sido o mais bem votado de São Bernardo em 2016 e ter atuação junto a entidades de cuidado aos animais tornam Pery em um dos postulantes à função de vice.

Crítica

 O deputado federal Alex Manente (Cidadania), de São Bernardo, criticou a qualidade do filme Democracia em Vertigem, indicado ao Oscar de melhor documentário da temporada. “Democracia em Vertigem é a maior ficção sobre a Lava Jato, o combate à corrupção e o fim de uma classe política corrupta. O filme, no fundo, defende não só o petismo, mas também uma classe de bandidos”, comentou o parlamentar.

Projeto

 Ex-secretário de Gestão de Pessoas de Diadema, Gesiel Duarte confirmou na sexta-feira filiação ao Republicanos, em ato que reuniu cerca de 150 pessoas em bufê no Centro da cidade. A ficha foi abonada por Erisson Pessoa, coordenador regional da legenda e que ratificou plano do partido em lançá-lo como candidato a prefeito de Diadema na eleição deste ano. “É possível, por meio da política, mudar a história de pessoas. Queremos organizar o partido, ter uma boa chapa para os vereadores”, comentou o pré-candidato. Em 2016, o Republicanos apostou em Vaguinho do Conselho como prefeiturável, mas ele perdeu para Lauro Michels (PV) no segundo turno.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;