Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 24 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Tulica volta aos campos andreenses

Começou sábado a quarta taça que leva o nome do craque, glória eterna do futebol da cidade


Ademir Medici
Do Diário do Grande ABC

14/01/2020 | 00:01


Alberto Soares de Araujo, Tulica

(Santo André, 22-10-1952 – 21-2-2012)

Tulica nasceu e morreu em Santo André. Foi descoberto para o futebol na então rica várzea de Utinga. Jogou e foi olheiro do EC Santo André, marcando pelo menos 55 gols com a camisa do clube, seu maior artilheiro até hoje – outra estatística fala em 63 gols.

Sugestão aos organizadores da Taça Tulica: pesquisem, partida a partida, gol a gol, a carreira do craque ramalhinho, organizando uma publicação para ser lançada quando da V Taça Tulica, em 2021.

Uma dica: o Diário do Grande ABC cobriu todos os jogos do Santo André do período e deve ser a fonte mais confiável para este levantamento estatístico. Mãos à obra, pois...

A CARREIRA

O primeiro grande título de Tulica foi o de campeão dos Jogos Abertos do Interior, em 1970, em Bauru, defendendo a Seleção de Santo André e vencendo Santos, do treinador Pepe, na final.

Pelo Santo André, foi vice-campeão em 1974 e campeão em 1975 da Segunda Divisão paulista.

Além do Ramalhão, Tulica jogou no Santos, Atlético Carazinho-RS, Fluminense, Vila Nova, Atlético Goianense e Grêmio Mauaense, onde encerrou a carreira de jogador, iniciando a de técnico.

Ao Diário, disse o ex-jogador Lance, quando da morte de Tulica:

- Foi um dos maiores jogadores que atuaram no Santo André, se não foi o maior. 

- Joguei algumas partidas contra ele e foi meu olheiro quando fui técnico do Santo André em 1996. 

- Conhecia muito de futebol.

- Tulica era a bandeira, o símbolo deste clube, é uma perda inestimável.

Quase oito anos após a morte de Tulica, Sérgio Ventura, um dos organizadores da IV Taça Tulica, declarou ao repórter Mauricio Silva, do Diário, que acompanhará todo o certame, especialmente para a página Memória:

- O mais importante é que a memória do Tulica não caia no esquecimento.

A derrota do campeão de 2019

Cobertura: Mauricio Silva

Pelo quarto ano seguido amigos do craque se reúnem para prestar homenagem a Tulica.

Os jogos serão realizados no campo do Nacional, na Cidade dos Meninos, nas manhãs de sábado.

Disputam a IV Taça Tulica nove clubes: Amigos da Melhor Idade, São Jorge, General Motores, Santo André, Icontafisco, Asa de Águia, Nacional, Talibans e Unidos do Poliesportivo.

PRIMEIRA RODADA

(Sábado, 11-2-2020)

Santo André 1, GM 1

Icontafisco 7, Asa de Águia 0

Nacional 2, Talibans 2

São Jorge 2, Amigos da Melhor Idade (campeão de 2019) 1

Folgou: Unidos do Poliesportivo

SEGUNDA RODADA

(Sábado, 18-2-2020)

Icontafisco x Unidos do Poliesportivo

Nacional x GM

São Jorge x Asa de Águia

Talibans x Santo André

Folgará: Amigos da Melhor Idade

Um são-caetanense em Portugal

Um Olhar Jamais Visto – Fotos ampliadas em azulejos focalizando monumentos históricos de Portugal

Autor: Antonio Coelho

Local: Consulado de Portugal

Endereço: Rua Canadá, 324, Jardim América, São Paulo

Abertura: sábado, 18 de janeiro

Horário: 15h

Entrada franca

Terças das mulheres

Encontros artísticos semanais. Como hoje é terça, é só se dirigir à casa da Sueli de Moraes.

Endereço – Rua Cuiabá, 153, Vila Alzira, Santo André.

Vocês a conhecem. É aquela moça que promove a arte nos portões, por inspiração de um programa semelhante realizado na França.

Vá. Conheça o espaço. E depois relate o que acharam.

É bem legal.

Diário há 30 anos

Domingo, 14 de janeiro de 1990 – Ano 32, edição 7276

Manchete –  Collor presidente eleito da República) volta de viagem pelo Exterior e discute o Plano Zélia (Cardoso de Mello, que tantas dores de cabeça dariam ao povo brasileiro).

Em 14 de janeiro de...

1960 – Livraria José Olympio Editora lança a História do Brasil, do professor Pedro Calmon. Edição ilustrada com 940 gravuras. Sete volumes. Sessenta desenhos de J. Wasth Rodrigues: Das Caravelas de Cabral aos Nossos Dias.

1980 – Instalado o Rotary Club de Diadema

2000 – Corinthians conquista o Mundial de Clubes.

Hoje

- Dia do Lavador e Motorista de Carros

- Dia do Treinador de Futebol

Santos do dia

- Dácio

- Odorico de Pordenone

- Ida

- Bv. Pedro Donders. Holandês, nascido em 1809. Foi ordenado sacerdote em 1841. Dedicou-se à Pastoral dos Enfermos e faleceu em 14 de janeiro de 1887.


Municípios brasileiros

Celebram aniversários em 14 de janeiro:

- Em São Paulo, Miguelópolis

- Em Santa Catarina, Bom Retiro

- No Ceará, Cruz

- No Maranhão, Paço do Lumiar

- Em Tocantins, Porto Alegre do Tocantins

- Em Goiás, Simolândia

Fonte:IBGE.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Tulica volta aos campos andreenses

Começou sábado a quarta taça que leva o nome do craque, glória eterna do futebol da cidade

Ademir Medici
Do Diário do Grande ABC

14/01/2020 | 00:01


Alberto Soares de Araujo, Tulica

(Santo André, 22-10-1952 – 21-2-2012)

Tulica nasceu e morreu em Santo André. Foi descoberto para o futebol na então rica várzea de Utinga. Jogou e foi olheiro do EC Santo André, marcando pelo menos 55 gols com a camisa do clube, seu maior artilheiro até hoje – outra estatística fala em 63 gols.

Sugestão aos organizadores da Taça Tulica: pesquisem, partida a partida, gol a gol, a carreira do craque ramalhinho, organizando uma publicação para ser lançada quando da V Taça Tulica, em 2021.

Uma dica: o Diário do Grande ABC cobriu todos os jogos do Santo André do período e deve ser a fonte mais confiável para este levantamento estatístico. Mãos à obra, pois...

A CARREIRA

O primeiro grande título de Tulica foi o de campeão dos Jogos Abertos do Interior, em 1970, em Bauru, defendendo a Seleção de Santo André e vencendo Santos, do treinador Pepe, na final.

Pelo Santo André, foi vice-campeão em 1974 e campeão em 1975 da Segunda Divisão paulista.

Além do Ramalhão, Tulica jogou no Santos, Atlético Carazinho-RS, Fluminense, Vila Nova, Atlético Goianense e Grêmio Mauaense, onde encerrou a carreira de jogador, iniciando a de técnico.

Ao Diário, disse o ex-jogador Lance, quando da morte de Tulica:

- Foi um dos maiores jogadores que atuaram no Santo André, se não foi o maior. 

- Joguei algumas partidas contra ele e foi meu olheiro quando fui técnico do Santo André em 1996. 

- Conhecia muito de futebol.

- Tulica era a bandeira, o símbolo deste clube, é uma perda inestimável.

Quase oito anos após a morte de Tulica, Sérgio Ventura, um dos organizadores da IV Taça Tulica, declarou ao repórter Mauricio Silva, do Diário, que acompanhará todo o certame, especialmente para a página Memória:

- O mais importante é que a memória do Tulica não caia no esquecimento.

A derrota do campeão de 2019

Cobertura: Mauricio Silva

Pelo quarto ano seguido amigos do craque se reúnem para prestar homenagem a Tulica.

Os jogos serão realizados no campo do Nacional, na Cidade dos Meninos, nas manhãs de sábado.

Disputam a IV Taça Tulica nove clubes: Amigos da Melhor Idade, São Jorge, General Motores, Santo André, Icontafisco, Asa de Águia, Nacional, Talibans e Unidos do Poliesportivo.

PRIMEIRA RODADA

(Sábado, 11-2-2020)

Santo André 1, GM 1

Icontafisco 7, Asa de Águia 0

Nacional 2, Talibans 2

São Jorge 2, Amigos da Melhor Idade (campeão de 2019) 1

Folgou: Unidos do Poliesportivo

SEGUNDA RODADA

(Sábado, 18-2-2020)

Icontafisco x Unidos do Poliesportivo

Nacional x GM

São Jorge x Asa de Águia

Talibans x Santo André

Folgará: Amigos da Melhor Idade

Um são-caetanense em Portugal

Um Olhar Jamais Visto – Fotos ampliadas em azulejos focalizando monumentos históricos de Portugal

Autor: Antonio Coelho

Local: Consulado de Portugal

Endereço: Rua Canadá, 324, Jardim América, São Paulo

Abertura: sábado, 18 de janeiro

Horário: 15h

Entrada franca

Terças das mulheres

Encontros artísticos semanais. Como hoje é terça, é só se dirigir à casa da Sueli de Moraes.

Endereço – Rua Cuiabá, 153, Vila Alzira, Santo André.

Vocês a conhecem. É aquela moça que promove a arte nos portões, por inspiração de um programa semelhante realizado na França.

Vá. Conheça o espaço. E depois relate o que acharam.

É bem legal.

Diário há 30 anos

Domingo, 14 de janeiro de 1990 – Ano 32, edição 7276

Manchete –  Collor presidente eleito da República) volta de viagem pelo Exterior e discute o Plano Zélia (Cardoso de Mello, que tantas dores de cabeça dariam ao povo brasileiro).

Em 14 de janeiro de...

1960 – Livraria José Olympio Editora lança a História do Brasil, do professor Pedro Calmon. Edição ilustrada com 940 gravuras. Sete volumes. Sessenta desenhos de J. Wasth Rodrigues: Das Caravelas de Cabral aos Nossos Dias.

1980 – Instalado o Rotary Club de Diadema

2000 – Corinthians conquista o Mundial de Clubes.

Hoje

- Dia do Lavador e Motorista de Carros

- Dia do Treinador de Futebol

Santos do dia

- Dácio

- Odorico de Pordenone

- Ida

- Bv. Pedro Donders. Holandês, nascido em 1809. Foi ordenado sacerdote em 1841. Dedicou-se à Pastoral dos Enfermos e faleceu em 14 de janeiro de 1887.


Municípios brasileiros

Celebram aniversários em 14 de janeiro:

- Em São Paulo, Miguelópolis

- Em Santa Catarina, Bom Retiro

- No Ceará, Cruz

- No Maranhão, Paço do Lumiar

- Em Tocantins, Porto Alegre do Tocantins

- Em Goiás, Simolândia

Fonte:IBGE.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;