Fechar
Publicidade

Sábado, 25 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Tecnologia

tecnologia@dgabc.com.br | 4435-8301

Confira as tendências em cibersegurança para 2020

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Da Redação
Do 33Giga

13/12/2019 | 18:18


De acordo com as previsões do Gartner para 2020, mais de 25% dos ataques identificados nas organizações envolverão IoT, embora a tecnologia represente menos de 10% dos orçamentos de segurança de TI.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

No mais recente relatório da ESET sobre tendências em segurança, os pesquisadores revelaram os principais desafios que os usuários e as empresas terão que enfrentar ao longo do novo ano.

Tendências em cibersegurança para 2020

1 – Fake News

O termo “notícias falsas” (fake news) ganhou fama devido ao protesto contra a manipulação de informações e dados nas eleições de 2016 nos EUA. No Brasil, teve força também nas últimas eleições presidenciais e será uma questão importante paras as campanhas eleitorais municipais, em 2020.

Leia mais:
Confira 8 dicas de cibersegurança para melhorar sua navegação
33% dos incidentes de cibersegurança ocorrem por falha humana

Para o Embaixador da Indústria da ESET Tony Anscombe, falsificar informações é um tema que ainda será destaque no ano que vem.

“Estamos testemunhando violações de dados e também o comprometimento de sistema em empresas e departamentos governamentais, então por que os processos de tecnologia ou de votação estão isentos a ataques semelhantes?”, diz o especialista.

2 – Machine Learning

O Machine Learning está avançando como uma das principais tecnologias do mercado. Embora isso apresente possibilidades interessantes para o setor de segurança cibernética, os criminosos também o usarão para aumentar a escala e a complexidade de seus ataques. Uma técnica que usa o ML é o deepfake.

“Os deepfakes estão aumentando sua qualidade a um ritmo impressionante”, diz o especialista em segurança da informação da ESET, Jake Moore. “Infelizmente, essa tecnologia se tornará comum para prejudicar figuras públicas, fazendo com que pareçam falar o que os criminosos desejam. Os usuários devem aprender a tratar todos os vídeos com uma pitada de ceticismo”.

3 – Privacidade de dados

Durante 2019, mundialmente foram discutidas, aprovadas ou implementadas algumas leis de proteção de dados. No entanto, o sentimento de desconfiança em relação ao uso de dados permanece presente.

Lysa Myers, pesquisadora de segurança da ESET, argumenta que, até que as multas por violação de privacidade acumulem uma porcentagem maior do que a receita das megacorporações, esse problema não desaparecerá.

“As empresas que alcançam esse feito provavelmente têm uma vantagem de mercado significativa”, afirma. Ela também destaca a diminuição da confiança em relação a nomes de usuário e senhas, com a necessidade de as organizações desenvolverem autenticação multifatorial.

4 – Cidades inteligentes

Mais de 80% dos novos edifícios incorporam pelo menos alguns elementos da IoT. No entanto, os especialistas expressam preocupação com o fato de as cidades inteligentes estarem em constante crescimento, mas que a capacidade de garantir sua segurança não mantenha o mesmo ritmo.

5 – Transformação digital

Não é nova a noção de que as empresas que precisam se adaptar a um mundo cada vez mais digitalizado. E um dos principais desafios das organizações é lidar com o crescimento da mobilidade dos funcionários, associada à transformação digital.

O BYOD (Bring Your Own Device) pode ser uma ameaça às organizações quando não bem administrado.

“O aumento da velocidade de adoção da tecnologia móvel geralmente ocorre sem a devida consideração pela segurança. Nos próximos meses, veremos as organizações implementando mudanças importantes em quase todas as áreas de seus negócios. O fio condutor de tudo isso será como eles lidam com as informações e os dados envolvidos em suas operações “, finaliza Camilo Gutiérrez, chefe do laboratório de pesquisa da ESET na América Latina.

Álbum: todos os eletrônicos testados pelo 33Giga

Neste álbum, você confere todos os eletrônicos já testados pelo 33Giga. Todas as imagens são de divulgação.

 
 
  • novo-kindle-2019
  • beats-studio3-wireless
  • JBL Tune 110 BT. O teste completo você vê em http://tinyurl.com/yb6ecbmf
  • Sony_Xperia XZ2_Preto
  • Fone JBL T450BT. O teste completo em https://wp.me/p7AVMp-eKM
  • Testamos: por R$ 330, caixa de som Pulse é resistente à água e dura mais de cinco horas
<
>

 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Confira as tendências em cibersegurança para 2020

Da Redação
Do 33Giga

13/12/2019 | 18:18


De acordo com as previsões do Gartner para 2020, mais de 25% dos ataques identificados nas organizações envolverão IoT, embora a tecnologia represente menos de 10% dos orçamentos de segurança de TI.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

No mais recente relatório da ESET sobre tendências em segurança, os pesquisadores revelaram os principais desafios que os usuários e as empresas terão que enfrentar ao longo do novo ano.

Tendências em cibersegurança para 2020

1 – Fake News

O termo “notícias falsas” (fake news) ganhou fama devido ao protesto contra a manipulação de informações e dados nas eleições de 2016 nos EUA. No Brasil, teve força também nas últimas eleições presidenciais e será uma questão importante paras as campanhas eleitorais municipais, em 2020.

Leia mais:
Confira 8 dicas de cibersegurança para melhorar sua navegação
33% dos incidentes de cibersegurança ocorrem por falha humana

Para o Embaixador da Indústria da ESET Tony Anscombe, falsificar informações é um tema que ainda será destaque no ano que vem.

“Estamos testemunhando violações de dados e também o comprometimento de sistema em empresas e departamentos governamentais, então por que os processos de tecnologia ou de votação estão isentos a ataques semelhantes?”, diz o especialista.

2 – Machine Learning

O Machine Learning está avançando como uma das principais tecnologias do mercado. Embora isso apresente possibilidades interessantes para o setor de segurança cibernética, os criminosos também o usarão para aumentar a escala e a complexidade de seus ataques. Uma técnica que usa o ML é o deepfake.

“Os deepfakes estão aumentando sua qualidade a um ritmo impressionante”, diz o especialista em segurança da informação da ESET, Jake Moore. “Infelizmente, essa tecnologia se tornará comum para prejudicar figuras públicas, fazendo com que pareçam falar o que os criminosos desejam. Os usuários devem aprender a tratar todos os vídeos com uma pitada de ceticismo”.

3 – Privacidade de dados

Durante 2019, mundialmente foram discutidas, aprovadas ou implementadas algumas leis de proteção de dados. No entanto, o sentimento de desconfiança em relação ao uso de dados permanece presente.

Lysa Myers, pesquisadora de segurança da ESET, argumenta que, até que as multas por violação de privacidade acumulem uma porcentagem maior do que a receita das megacorporações, esse problema não desaparecerá.

“As empresas que alcançam esse feito provavelmente têm uma vantagem de mercado significativa”, afirma. Ela também destaca a diminuição da confiança em relação a nomes de usuário e senhas, com a necessidade de as organizações desenvolverem autenticação multifatorial.

4 – Cidades inteligentes

Mais de 80% dos novos edifícios incorporam pelo menos alguns elementos da IoT. No entanto, os especialistas expressam preocupação com o fato de as cidades inteligentes estarem em constante crescimento, mas que a capacidade de garantir sua segurança não mantenha o mesmo ritmo.

5 – Transformação digital

Não é nova a noção de que as empresas que precisam se adaptar a um mundo cada vez mais digitalizado. E um dos principais desafios das organizações é lidar com o crescimento da mobilidade dos funcionários, associada à transformação digital.

O BYOD (Bring Your Own Device) pode ser uma ameaça às organizações quando não bem administrado.

“O aumento da velocidade de adoção da tecnologia móvel geralmente ocorre sem a devida consideração pela segurança. Nos próximos meses, veremos as organizações implementando mudanças importantes em quase todas as áreas de seus negócios. O fio condutor de tudo isso será como eles lidam com as informações e os dados envolvidos em suas operações “, finaliza Camilo Gutiérrez, chefe do laboratório de pesquisa da ESET na América Latina.

Álbum: todos os eletrônicos testados pelo 33Giga

Neste álbum, você confere todos os eletrônicos já testados pelo 33Giga. Todas as imagens são de divulgação.

 
 
  • novo-kindle-2019
  • beats-studio3-wireless
  • JBL Tune 110 BT. O teste completo você vê em http://tinyurl.com/yb6ecbmf
  • Sony_Xperia XZ2_Preto
  • Fone JBL T450BT. O teste completo em https://wp.me/p7AVMp-eKM
  • Testamos: por R$ 330, caixa de som Pulse é resistente à água e dura mais de cinco horas
<
>

 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;