Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 27 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Homem que matou a ex-companheira em São Caetano morreu no hospital

Na manhã de segunda-feira, segurança atirou contra a ex-companheira e depois disparou contra o próprio peito


Aline Melo

10/12/2019 | 15:45


O segurança Elercione Almeida Nascimento, 42 anos, morreu na tarde de ontem após atirar contra o próprio peito. O homem matou a tiros, na manhã de ontem, a ex-companheira Naira Naomi Motoki Tanaka, 42, na Rua Conselheiro Lafayette, altura do número 773, no bairro Barcelona, em São Caetano. Logo que disparou contra a mulher Nascimento atentou contra a própria vida, mas foi socorrido com vida para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da cidade. A Prefeitura de São Caetano confirmou que o segurança morreu às 15h20.

Naira foi a 11ª vítima de feminicídio no ano no Grande ABC. Segundo o boletim de ocorrência, o casal viveu juntos por cerca de um ano, em um relacionamento conturbado. A mulher chegou a registrar queixa contra o ex-companheiro na DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) de São Bernardo e conseguiu uma medida protetiva contra o mesmo. No entanto, há pouco tempo, teria comprado um imóvel a poucos metros de distância de onde Nascimento morava.

Câmeras de segurança registraram que o casal andava pela rua, no sentido bairro-centro, quando o segurança segurou Naira pelo braço, que se desvencilhou e seguiu andando à sua frente. Nascimento sacou a arma da cintura e disparou contra ela. O agressor chegou perto do corpo já caído no chão e atirou novamente. Em seguido, disparou contra o próprio peito. Uma pistola calibre 7.65 com a numeração raspada foi apreendida perto ao local do crime. Foram disparados 14 tiros.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Homem que matou a ex-companheira em São Caetano morreu no hospital

Na manhã de segunda-feira, segurança atirou contra a ex-companheira e depois disparou contra o próprio peito

Aline Melo

10/12/2019 | 15:45


O segurança Elercione Almeida Nascimento, 42 anos, morreu na tarde de ontem após atirar contra o próprio peito. O homem matou a tiros, na manhã de ontem, a ex-companheira Naira Naomi Motoki Tanaka, 42, na Rua Conselheiro Lafayette, altura do número 773, no bairro Barcelona, em São Caetano. Logo que disparou contra a mulher Nascimento atentou contra a própria vida, mas foi socorrido com vida para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da cidade. A Prefeitura de São Caetano confirmou que o segurança morreu às 15h20.

Naira foi a 11ª vítima de feminicídio no ano no Grande ABC. Segundo o boletim de ocorrência, o casal viveu juntos por cerca de um ano, em um relacionamento conturbado. A mulher chegou a registrar queixa contra o ex-companheiro na DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) de São Bernardo e conseguiu uma medida protetiva contra o mesmo. No entanto, há pouco tempo, teria comprado um imóvel a poucos metros de distância de onde Nascimento morava.

Câmeras de segurança registraram que o casal andava pela rua, no sentido bairro-centro, quando o segurança segurou Naira pelo braço, que se desvencilhou e seguiu andando à sua frente. Nascimento sacou a arma da cintura e disparou contra ela. O agressor chegou perto do corpo já caído no chão e atirou novamente. Em seguido, disparou contra o próprio peito. Uma pistola calibre 7.65 com a numeração raspada foi apreendida perto ao local do crime. Foram disparados 14 tiros.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;