Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 10 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Exposição fotográfica especial festeja história e aniversário de Mauá

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

No mês em que a cidade completa 65 anos, a Pinacoteca Municipal presta sua homenagem à aniversariante


Luís Felipe Soares

10/12/2019 | 07:05


As lentes das câmeras ajudam a observar e eternizar cenas de maneira diferenciada. Fotógrafos utilizam a conexão entre a sensibilidade pessoal e os serviços da máquina para potencializar detalhes e maximizar cliques que podem merecer destaque. Entre possibilidades artísticas, Mauá foi fonte de trabalho para que sete artistas das imagens registradas pudessem demonstrar seu próprio ponto de vista em torno do local.

No mês em que a cidade completa 65 anos, celebrados em 8 de dezembro, a Pinacoteca Municipal presta sua homenagem à aniversariante com a exposição Olhares Urbanos. O projeto é formado pela reunião de 50 fotos de diferentes tipos que revelam como o grupo se viu influenciado pela história e pelos momentos protagonizados pela cidade, sem se esquecer de seu presente.

A equipe participante é formada por Arthuro Cordume, Cecília Camargo, Dalton Filho, Dudicastro, Karla Santos, Miriã Regis Urbano e Victor Rodrigues. Foram realizadas duas saídas fotográficas e os resultados podem ser vistos gratuitamente no saguão do Teatro Municipal, endereço que abriga a Pinacoteca, até 9 de fevereiro. 

“Nós dividimos a exposição de acordo com diferentes pontos. Como é o exemplo da paieneira, um patrimônio tombado da cidade e que é a árvore símbolo de Mauá. Também temos o Centro, a estação de trem, a rodoviária, o chamado Prédio Redondo (atual sede da Secretaria de Educação)”, explica Cecília Camargo, curadora da Pinacoteca e que realizou alguns clique para a mostra. “Fomos contruindo a cidade aos poucos, com vários detalhes, e não poderíamos perder essas partes importantes e históricas.” 

A ideia inicial de Olhares Urbanos, nascida com Karla Santos, era de explorar os locais mais históricos do município. Em discussões, o conceito se ampliou. Segundo Cecília, “debater as ideias mostra que a pluralidade demonstrada é ótima. Todo esse aumento fez o projeto crescer muito. Misturamos arte, memória, história e registro.” Algumas imagens panorâmicas também fazem parte do acervo.

Fotos recentes buscam se conectar com o passado com a presença de três pinturas de Toshiharu Mitsunaga (1922-2003), artista que ficou conhecido por retratar Mauá ao longo do tempo. “Há espaço para esse contraponto entre gerações. É a visão dele junto com a visão atual.”

Quem também celebra a homenageada é a artista local Cristiane Carbone. Utilizando técnicas de aquarela, ela reproduziu lugares como o Museu Barão de Mauá e a Casa do Hip Hop em cartões-postais. Os desenhos – com tiragem limitada – são distribuídos de maneira gratuita na recepção. As recordações mauaenses são feitas para serem guardadas de todos os tipos. 

Olhares Urbanos Exposição. Na Pinacoteca de Mauá (saguão do Teatro Municipal) – Rua Gabriel Marques, 353. Segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. Grátis. Até 9 de fevereiro. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Exposição fotográfica especial festeja história e aniversário de Mauá

No mês em que a cidade completa 65 anos, a Pinacoteca Municipal presta sua homenagem à aniversariante

Luís Felipe Soares

10/12/2019 | 07:05


As lentes das câmeras ajudam a observar e eternizar cenas de maneira diferenciada. Fotógrafos utilizam a conexão entre a sensibilidade pessoal e os serviços da máquina para potencializar detalhes e maximizar cliques que podem merecer destaque. Entre possibilidades artísticas, Mauá foi fonte de trabalho para que sete artistas das imagens registradas pudessem demonstrar seu próprio ponto de vista em torno do local.

No mês em que a cidade completa 65 anos, celebrados em 8 de dezembro, a Pinacoteca Municipal presta sua homenagem à aniversariante com a exposição Olhares Urbanos. O projeto é formado pela reunião de 50 fotos de diferentes tipos que revelam como o grupo se viu influenciado pela história e pelos momentos protagonizados pela cidade, sem se esquecer de seu presente.

A equipe participante é formada por Arthuro Cordume, Cecília Camargo, Dalton Filho, Dudicastro, Karla Santos, Miriã Regis Urbano e Victor Rodrigues. Foram realizadas duas saídas fotográficas e os resultados podem ser vistos gratuitamente no saguão do Teatro Municipal, endereço que abriga a Pinacoteca, até 9 de fevereiro. 

“Nós dividimos a exposição de acordo com diferentes pontos. Como é o exemplo da paieneira, um patrimônio tombado da cidade e que é a árvore símbolo de Mauá. Também temos o Centro, a estação de trem, a rodoviária, o chamado Prédio Redondo (atual sede da Secretaria de Educação)”, explica Cecília Camargo, curadora da Pinacoteca e que realizou alguns clique para a mostra. “Fomos contruindo a cidade aos poucos, com vários detalhes, e não poderíamos perder essas partes importantes e históricas.” 

A ideia inicial de Olhares Urbanos, nascida com Karla Santos, era de explorar os locais mais históricos do município. Em discussões, o conceito se ampliou. Segundo Cecília, “debater as ideias mostra que a pluralidade demonstrada é ótima. Todo esse aumento fez o projeto crescer muito. Misturamos arte, memória, história e registro.” Algumas imagens panorâmicas também fazem parte do acervo.

Fotos recentes buscam se conectar com o passado com a presença de três pinturas de Toshiharu Mitsunaga (1922-2003), artista que ficou conhecido por retratar Mauá ao longo do tempo. “Há espaço para esse contraponto entre gerações. É a visão dele junto com a visão atual.”

Quem também celebra a homenageada é a artista local Cristiane Carbone. Utilizando técnicas de aquarela, ela reproduziu lugares como o Museu Barão de Mauá e a Casa do Hip Hop em cartões-postais. Os desenhos – com tiragem limitada – são distribuídos de maneira gratuita na recepção. As recordações mauaenses são feitas para serem guardadas de todos os tipos. 

Olhares Urbanos Exposição. Na Pinacoteca de Mauá (saguão do Teatro Municipal) – Rua Gabriel Marques, 353. Segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. Grátis. Até 9 de fevereiro. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;