Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 24 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Sem perda de mando, Botafogo é multado em R$ 52 mil por confusão em clássico



05/12/2019 | 19:25


Em julgamento realizado nesta quinta-feira no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), no Rio de Janeiro), o Botafogo foi julgado pelas confusões no clássico contra o Flamengo, no estádio do Engenhão, no último dia 7 de novembro, pela 31.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O clube alvinegro foi multado pela Terceira Comissão Disciplinar em R$ 52 mil, mas não houve a perda de mando de campo.

O Botafogo foi julgado em quatro artigos: 206 (atraso), 213 (desordens), 211 (infraestrutura) e 257 (rixa). Nos dois primeiros, foi considerado culpado e terá que pagar multas de R$ 2 mil por atraso e R$ 50 mil por desordens. Já nos dois últimos, o clube alvinegro foi absolvido.

Apesar da multa ser baixa e de não ter perdido mando de campo, que era a maior preocupação, o departamento jurídico do Botafogo informou após o julgamento que vai recorrer da decisão. A procuradoria do tribunal deve fazer o mesmo.

As brigas dentro e fora do estádio aconteceram principalmente porque torcedores do Flamengo compraram ingressos no setor destinado a alvinegros dentro do estádio do Engenhão. Um torcedor do Botafogo chegou a ser agredido pela própria torcida por acreditarem que era um flamenguista.

O atacante Luiz Fernando, expulso durante o clássico, também foi julgado pelo STJD e absolvido. O jogador já havia cumprido suspensão automática na rodada seguinte contra o Avaí.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sem perda de mando, Botafogo é multado em R$ 52 mil por confusão em clássico


05/12/2019 | 19:25


Em julgamento realizado nesta quinta-feira no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), no Rio de Janeiro), o Botafogo foi julgado pelas confusões no clássico contra o Flamengo, no estádio do Engenhão, no último dia 7 de novembro, pela 31.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O clube alvinegro foi multado pela Terceira Comissão Disciplinar em R$ 52 mil, mas não houve a perda de mando de campo.

O Botafogo foi julgado em quatro artigos: 206 (atraso), 213 (desordens), 211 (infraestrutura) e 257 (rixa). Nos dois primeiros, foi considerado culpado e terá que pagar multas de R$ 2 mil por atraso e R$ 50 mil por desordens. Já nos dois últimos, o clube alvinegro foi absolvido.

Apesar da multa ser baixa e de não ter perdido mando de campo, que era a maior preocupação, o departamento jurídico do Botafogo informou após o julgamento que vai recorrer da decisão. A procuradoria do tribunal deve fazer o mesmo.

As brigas dentro e fora do estádio aconteceram principalmente porque torcedores do Flamengo compraram ingressos no setor destinado a alvinegros dentro do estádio do Engenhão. Um torcedor do Botafogo chegou a ser agredido pela própria torcida por acreditarem que era um flamenguista.

O atacante Luiz Fernando, expulso durante o clássico, também foi julgado pelo STJD e absolvido. O jogador já havia cumprido suspensão automática na rodada seguinte contra o Avaí.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;