Fechar
Publicidade

Domingo, 19 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

BNDES tem quatro formas de vender participações do banco em empresas



20/11/2019 | 16:37


O presidente do BNDES, Gustavo Montezano, apontou que "se houver oportunidade, pode acontecer neste ano ou não" a venda de participações do banco oficial em empresas. A instituição oficial anunciou na terça-feira alienação de ações da JBS através do BNDESPar, negócio que pode chegar a R$ 8 bilhões, segundo fontes de mercado.

"Temos quatro formas de vender participações: na mesa, vender um pouco ao mercado; pode vender em bloco; pode fazer uma oferta e uma operação privada, que é mais demorada", destacou Montezano. "Operação privada demora muito tempo, as outras três podem ser feitas de forma mais rápida. Se houver janela, pode acontecer neste ano ou não."

Questionado pelo Broadcast se a eleição de Marcelo Serfaty para o Conselho de Administração do BNDES tinha como foco acelerar as vendas de participações da instituição oficial em companhias, Montezano respondeu que ele é um executivo de alto renome, com muita experiência no mercado de capitais e banco de investimento e vai ajudar no projeto do banco oficial como um todo.

"Naturalmente, a venda de participação é ponto relevante. Ele tem uma vasta experiência nisso e fez também no Banco do Brasil. Ele já está se familiarizando ao BNDES e temos certeza que vai agregar muito à estratégia." Ele fez os comentários depois de proferir palestra no Bradesco CEO Forum em Nova York.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

BNDES tem quatro formas de vender participações do banco em empresas


20/11/2019 | 16:37


O presidente do BNDES, Gustavo Montezano, apontou que "se houver oportunidade, pode acontecer neste ano ou não" a venda de participações do banco oficial em empresas. A instituição oficial anunciou na terça-feira alienação de ações da JBS através do BNDESPar, negócio que pode chegar a R$ 8 bilhões, segundo fontes de mercado.

"Temos quatro formas de vender participações: na mesa, vender um pouco ao mercado; pode vender em bloco; pode fazer uma oferta e uma operação privada, que é mais demorada", destacou Montezano. "Operação privada demora muito tempo, as outras três podem ser feitas de forma mais rápida. Se houver janela, pode acontecer neste ano ou não."

Questionado pelo Broadcast se a eleição de Marcelo Serfaty para o Conselho de Administração do BNDES tinha como foco acelerar as vendas de participações da instituição oficial em companhias, Montezano respondeu que ele é um executivo de alto renome, com muita experiência no mercado de capitais e banco de investimento e vai ajudar no projeto do banco oficial como um todo.

"Naturalmente, a venda de participação é ponto relevante. Ele tem uma vasta experiência nisso e fez também no Banco do Brasil. Ele já está se familiarizando ao BNDES e temos certeza que vai agregar muito à estratégia." Ele fez os comentários depois de proferir palestra no Bradesco CEO Forum em Nova York.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;