Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 22 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Filha deTortorello ataca prefeito de S.Caetano


Sérgio Vieira
Do Diário do Grande ABC

09/02/2006 | 08:01


A ex-secretária de Assistência Social e Cidadania de São Caetano Marta Tortorello, filha do prefeito Luiz Tortorello morto em 2004, reagiu às críticas do prefeito de São Caetano, José Auricchio Júnior (PTB), e disse que ele pode perder o apoio político da família. Terça-feira, durante a posse de quatro secretários, entre eles Ramis Sayar na Assistência Social, Auricchio declarou que a secretaria chefiada por Marta “não teve o desempenho esperado”.

A ameaça de Marta torna público o racha da família Tortorello com Auricchio, informação que já circulava no meio político do município. A ex-secretária deixou claro que, se depender dela, seu grupo político não apoiará o prefeito se ele for candidato à reeleição em 2008. “Como apoiar, se ele está brigando com a gente? Essas coisas magoam muito”, disse Marta. Até vereadores governistas chegaram a defender o prefeito Luiz Tortorello na sessão de terça-feira.

“Se ele critica a minha gestão, o responsável é ele mesmo, que não priorizou o setor”, desabafa Marta, ao afirmar que no período em que esteve à frente da Assistência Social, entre janeiro e novembro do ano passado, só conseguiu falar com Auricchio duas vezes. “Todo mês eu tentava marcar uma audiência, mas ele sempre desmarcava.”

Exonerada um dia após ter pedido licença médica para realizar uma cirurgia, Marta diz não ter sido comunicada pelo prefeito de sua demissão. “Eu fiquei sabendo que sairia pela imprensa. Quando cheguei no departamento, me mostraram a portaria que indicava a minha saída. Fui convidada por ele para ingressar na Prefeitura e o recebi na minha casa. Esperava que ele tivesse o mesmo respeito no momento da minha demissão”. “Cerca de 15 dias após a cirurgia, o procurei para entender minha exoneração. Tentei marcar reunião em seu gabinete, mas até hoje espero resposta. Nunca fui tão desrespeitada”, completa.                      


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;