Fechar
Publicidade

Sábado, 14 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Pole em Interlagos, Verstappen sonha com vitória para se redimir de erro em 2018



16/11/2019 | 17:33


A pole position para o GP do Brasil de Fórmula 1, conquistada neste sábado, em Interlagos, deixa o holandês Max Verstappen, da Red Bull, confiante em conseguir uma espécie de redenção. Se no ano passado ele liderou a prova por mais de 20 voltas e deixou escapar a chance de ganhar, o piloto disse que adquiriu experiência e está confiante para obter um resultado melhor na corrida deste domingo.

"Nós temos evoluído a cada temporada. No último ano fomos mal em Interlagos. Neste ano, aprendemos com os erros e podemos ir melhor", afirmou o holandês após cravar a pole com o tempo de 1min07s508. Sebastian Vettel, da Ferrari, e Lewis Hamilton, da Mercedes, vão sair na segunda e terceira posições, respectivamente. A corrida terá a largada às 14h10.

Verstappen era o favorito a ganhar o GP do Brasil de 2018. Com vantagem confortável para o segundo colocado, Hamilton, o holandês liderava a prova até ser tocado pelo retardatário Estaban Ocon enquanto tentava dar uma volta no francês da Force India. Com o carro danificado, Verstappen precisou parar nos boxes, perdeu a posição, terminou a corrida em segundo e depois foi discutir de forma ríspida com Ocon, em quem até deu um empurrão.

Interlagos sempre foi um local de bons resultados para Verstappen. Uma das corrida mais incríveis da carreira dele foi no Brasil, em 2016. Sob chuva forte, ele ganhou 11 posições nas 16 voltas finais, chegou em terceiro lugar e ganhou aplausos do público. Já no ano seguinte, em 2017, o holandês teve outra prova muito competitiva ao marcar a volta mais rápida e terminar na quinta posição.

"Nosso carro não estava tão mal no treino de sexta-feira e agora, no sábado, melhorou. Acho que pode ser ainda superior na corrida. Temos de ver como será", comentou Verstappen. A pole no Brasil foi a segunda da carreira dele. A primeira foi neste ano, ao largar na primeira posição na Hungria. Nesta temporada, o piloto da Red Bull ganhou dois GPs - na Áustria e na Alemanha.

"Algumas corridas nossas têm sido muito boas, com o ritmo forte. Nosso carro está equilibrado. Pelo menos na parte final do treino a pista ficou mais quente e isso me ajudou a marcar uma volta", avaliou o piloto. Verstappen é o quarto colocado no Mundial de Pilotos desta temporada.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Pole em Interlagos, Verstappen sonha com vitória para se redimir de erro em 2018


16/11/2019 | 17:33


A pole position para o GP do Brasil de Fórmula 1, conquistada neste sábado, em Interlagos, deixa o holandês Max Verstappen, da Red Bull, confiante em conseguir uma espécie de redenção. Se no ano passado ele liderou a prova por mais de 20 voltas e deixou escapar a chance de ganhar, o piloto disse que adquiriu experiência e está confiante para obter um resultado melhor na corrida deste domingo.

"Nós temos evoluído a cada temporada. No último ano fomos mal em Interlagos. Neste ano, aprendemos com os erros e podemos ir melhor", afirmou o holandês após cravar a pole com o tempo de 1min07s508. Sebastian Vettel, da Ferrari, e Lewis Hamilton, da Mercedes, vão sair na segunda e terceira posições, respectivamente. A corrida terá a largada às 14h10.

Verstappen era o favorito a ganhar o GP do Brasil de 2018. Com vantagem confortável para o segundo colocado, Hamilton, o holandês liderava a prova até ser tocado pelo retardatário Estaban Ocon enquanto tentava dar uma volta no francês da Force India. Com o carro danificado, Verstappen precisou parar nos boxes, perdeu a posição, terminou a corrida em segundo e depois foi discutir de forma ríspida com Ocon, em quem até deu um empurrão.

Interlagos sempre foi um local de bons resultados para Verstappen. Uma das corrida mais incríveis da carreira dele foi no Brasil, em 2016. Sob chuva forte, ele ganhou 11 posições nas 16 voltas finais, chegou em terceiro lugar e ganhou aplausos do público. Já no ano seguinte, em 2017, o holandês teve outra prova muito competitiva ao marcar a volta mais rápida e terminar na quinta posição.

"Nosso carro não estava tão mal no treino de sexta-feira e agora, no sábado, melhorou. Acho que pode ser ainda superior na corrida. Temos de ver como será", comentou Verstappen. A pole no Brasil foi a segunda da carreira dele. A primeira foi neste ano, ao largar na primeira posição na Hungria. Nesta temporada, o piloto da Red Bull ganhou dois GPs - na Áustria e na Alemanha.

"Algumas corridas nossas têm sido muito boas, com o ritmo forte. Nosso carro está equilibrado. Pelo menos na parte final do treino a pista ficou mais quente e isso me ajudou a marcar uma volta", avaliou o piloto. Verstappen é o quarto colocado no Mundial de Pilotos desta temporada.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;