Fechar
Publicidade

Domingo, 15 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Seleção feminina de basquete perde para os EUA na estreia no Pré-Olímpico



14/11/2019 | 21:23


A seleção brasileira feminina de basquete fez um bom jogo diante da forte equipe dos Estados Unidos, que conta com atletas da WNBA, mas foi derrotada por 76 a 61, nesta quinta-feira, em seu primeiro jogo pelo Pré-Olímpico das Américas, em Bahía Blanca, na Argentina.

Érika se destacou com um "double-double", ao anotar dez pontos e 12 rebotes. Débora contribuiu com dez pontos e deu cinco assistências e Damiris fez 11 pontos, com quatro rebotes. Pelo lado das americanas, Sylvia Fowles e Chelsea Gray terminaram com 21 pontos cada uma.

A equipe do técnico José Neto folga nesta sexta-feira e volta à quadra no sábado, diante da Colômbia, às 18h30. A última partida será no domingo, às 21h, contra a Argentina. O Brasil precisa vencer os dois jogos para se garantir no Pré-Olímpico Mundial, em fevereiro do ano que vem.

O primeiro quarto foi todo da seleção brasileira. Damiris liderou o ataque, anotando oito pontos, e o Brasil conseguiu parar Sue Bird e Skylar Diggins. A parcial terminou 15 a 10 para as brasileiras.

Os EUA voltaram melhores no segundo período. Com 13 pontos de Chelsea Gray, as americanas viraram o placar, abrindo 27 a 22. Apesar da desvantagem, o Brasil seguiu atuando bem e foi para o intervalo perdendo por apenas dois pontos: 33 a 31.

O terceiro quarto acabou sendo decisivo. A seleção brasileira reclamou muito da arbitragem, o que gerou duas faltas técnicas. Os EUA anotaram 21 a 12 na parcial e foram para o derradeiro período com 11 pontos de vantagem: 54 a 43.

Sylvia Fowles e Chelsea Gray seguiram comandando o ataque e as americanas logo abriram 64 a 49. O Brasil ainda esboçou reação e, com sete pontos seguidos de Débora, diminuiu para 64 a 56. As americanas se reorganizaram após um tempo e fecharam o jogo com uma vitória por 76 a 61.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Seleção feminina de basquete perde para os EUA na estreia no Pré-Olímpico


14/11/2019 | 21:23


A seleção brasileira feminina de basquete fez um bom jogo diante da forte equipe dos Estados Unidos, que conta com atletas da WNBA, mas foi derrotada por 76 a 61, nesta quinta-feira, em seu primeiro jogo pelo Pré-Olímpico das Américas, em Bahía Blanca, na Argentina.

Érika se destacou com um "double-double", ao anotar dez pontos e 12 rebotes. Débora contribuiu com dez pontos e deu cinco assistências e Damiris fez 11 pontos, com quatro rebotes. Pelo lado das americanas, Sylvia Fowles e Chelsea Gray terminaram com 21 pontos cada uma.

A equipe do técnico José Neto folga nesta sexta-feira e volta à quadra no sábado, diante da Colômbia, às 18h30. A última partida será no domingo, às 21h, contra a Argentina. O Brasil precisa vencer os dois jogos para se garantir no Pré-Olímpico Mundial, em fevereiro do ano que vem.

O primeiro quarto foi todo da seleção brasileira. Damiris liderou o ataque, anotando oito pontos, e o Brasil conseguiu parar Sue Bird e Skylar Diggins. A parcial terminou 15 a 10 para as brasileiras.

Os EUA voltaram melhores no segundo período. Com 13 pontos de Chelsea Gray, as americanas viraram o placar, abrindo 27 a 22. Apesar da desvantagem, o Brasil seguiu atuando bem e foi para o intervalo perdendo por apenas dois pontos: 33 a 31.

O terceiro quarto acabou sendo decisivo. A seleção brasileira reclamou muito da arbitragem, o que gerou duas faltas técnicas. Os EUA anotaram 21 a 12 na parcial e foram para o derradeiro período com 11 pontos de vantagem: 54 a 43.

Sylvia Fowles e Chelsea Gray seguiram comandando o ataque e as americanas logo abriram 64 a 49. O Brasil ainda esboçou reação e, com sete pontos seguidos de Débora, diminuiu para 64 a 56. As americanas se reorganizaram após um tempo e fecharam o jogo com uma vitória por 76 a 61.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;