Fechar
Publicidade

Domingo, 15 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Desejos


Márcio Bernardes

11/11/2019 | 15:36


 As torcidas de Flamengo e Santos têm sentimentos convergentes e conflitantes. Os cariocas sabem que o título de 2019 está praticamente assegurado. E sabem também que o técnico Jorge de Jesus vai permanecer no clube na próxima temporada. Os santistas também reconhecem que o campeão está se confirmando na equipe carioca, sem polêmicas. Mas estão ansiosos quanto a permanência do técnico Jorge Sampaoli no Santos.

Os dois treinadores estrangeiros que estão brilhando no futebol brasileiro, têm seu nome em homenagem ao santo da Capadóccia. E estão conseguindo quebrar um tabu ou preconceito, como quiser o prezado leitor, sem precisar matar o dragão. Porque os treinadores brasileiros, em reservado, têm colocado resistências ao trabalho dos estrangeiros. Mas com competência, os Jorge estão dando conta do recado.

Flamengo e Santos jogam o melhor futebol neste momento junto com o Grêmio. Muito acima de elencos milionários que estão decepcionando. Nessa lista, Palmeiras, Cruzeiro, Atlético-MG e Internacional deixaram seus torcedores frustrados.

Jesus e Sampaoli têm lá seus equívocos. Como todo ser humano erram, mas o balanço é mais do que positivo.

É quase certo que o Flamengo terá a permanência do seu treinador em 2020. E não está nada certo que Sampaoli permaneça na Vila Belmiro. Vai depender da habilidade e inteligência da diretoria.

Quem viver, verá.

Dinheiro e diferenças

Flamengo e Palmeiras são dois times milionários. Orçamento recheado com boas verbas de televisão, patrocínios, arrecadação do Sócio-Torcedor, do pay-per-view, ótimas rendas e equilíbrio fiscal.

Mas a goleada dos cariocas nos paulistas nas contratações é indiscutível. Diego Alves, Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí, Filipe Luis, Gerson, Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol são os nove reforços de 2019.

No Palmeiras chegaram Carlos Eduardo, Zé Raphael, Felipe Pires, Matheus Fernandes, Victor Hugo, Luiz Adriano, Henrique Dourado e Ramirez. São os oito jogadores trazidos para a temporada.

O diretor de futebol do Flamengo é Marcos Braz. O diretor de futebol do Palmeiras é Alexandre Mattos.

Tire você mesmo as suas conclusões sobre a competência de cada um.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Desejos

Márcio Bernardes

11/11/2019 | 15:36


 As torcidas de Flamengo e Santos têm sentimentos convergentes e conflitantes. Os cariocas sabem que o título de 2019 está praticamente assegurado. E sabem também que o técnico Jorge de Jesus vai permanecer no clube na próxima temporada. Os santistas também reconhecem que o campeão está se confirmando na equipe carioca, sem polêmicas. Mas estão ansiosos quanto a permanência do técnico Jorge Sampaoli no Santos.

Os dois treinadores estrangeiros que estão brilhando no futebol brasileiro, têm seu nome em homenagem ao santo da Capadóccia. E estão conseguindo quebrar um tabu ou preconceito, como quiser o prezado leitor, sem precisar matar o dragão. Porque os treinadores brasileiros, em reservado, têm colocado resistências ao trabalho dos estrangeiros. Mas com competência, os Jorge estão dando conta do recado.

Flamengo e Santos jogam o melhor futebol neste momento junto com o Grêmio. Muito acima de elencos milionários que estão decepcionando. Nessa lista, Palmeiras, Cruzeiro, Atlético-MG e Internacional deixaram seus torcedores frustrados.

Jesus e Sampaoli têm lá seus equívocos. Como todo ser humano erram, mas o balanço é mais do que positivo.

É quase certo que o Flamengo terá a permanência do seu treinador em 2020. E não está nada certo que Sampaoli permaneça na Vila Belmiro. Vai depender da habilidade e inteligência da diretoria.

Quem viver, verá.

Dinheiro e diferenças

Flamengo e Palmeiras são dois times milionários. Orçamento recheado com boas verbas de televisão, patrocínios, arrecadação do Sócio-Torcedor, do pay-per-view, ótimas rendas e equilíbrio fiscal.

Mas a goleada dos cariocas nos paulistas nas contratações é indiscutível. Diego Alves, Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí, Filipe Luis, Gerson, Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol são os nove reforços de 2019.

No Palmeiras chegaram Carlos Eduardo, Zé Raphael, Felipe Pires, Matheus Fernandes, Victor Hugo, Luiz Adriano, Henrique Dourado e Ramirez. São os oito jogadores trazidos para a temporada.

O diretor de futebol do Flamengo é Marcos Braz. O diretor de futebol do Palmeiras é Alexandre Mattos.

Tire você mesmo as suas conclusões sobre a competência de cada um.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;