Fechar
Publicidade

Domingo, 8 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Idosa de 72 anos envia texto para o Desafio de Redação

Nario Barbosa/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Leitora do Diário há mais de 30 anos, moradora de S.Bernardo usou colagens para criar homenagem ao concurso literário


Aline Melo
Do Diário do Grande ABC

10/11/2019 | 07:29


Com quantas palavras se faz uma redação? De quantas formas? Para a dona de casa Maria Gloria Silva, 72 anos, moradora do bairro Alves Dias, em São Bernardo, são muitas as possibilidades. Leitora do Diário há mais de 30 anos, ela usa letras recortadas de jornais e revistas para criar cartões, cartas e enfeites de Natal. Foi dessa forma, com palavras escritas à mão e com colagens, que criou texto e enviou simbolicamente para o 13º Desafio de Redação. O tema deste ano é A Região Que Eu Quero em 2030, e a idosa deseja que daqui a dez anos o Grande ABC tenha “bons políticos, boas pessoas e boa vizinhança”. “O resto depende da gente”, completou.

Em sua carta, a moradora escreveu que também deseja “progresso, emprego e paz”. Elogiou a atual gestão de São Bernardo – sob o comando de Orlando Morando (PSDB) – e a continuidade de obras que foram começadas no governo anterior (Luiz Marinho - PT), como o corredor de ônibus que está sendo construído nas imediações do seu bairro. “A cidade está de cara nova, o progresso virá depois”, ponderou.

Vinda da cidade mineira de Barbacena, há cerca de 50 anos, Maria Gloria cursou magistério, mas exerceu pouco a profissão de professora. Ainda em Minas Gerais, chegou a atuar como docente substituta em escolas públicas, mas desde que se casou não trabalhou mais. Por sua influência, muitas primas e sobrinhas se formaram professora. Atualmente, tenta passar o gosto por leitura para a bisneta de 5 anos. “Hoje em dia (as crianças) não se interessam tanto pela leitura. Sempre leio os livros que ela traz da escola para relembrar o que aprendi no passado”, afirmou.

Atenta às notícias, a moradora de São Bernardo achou inusitado o tema escolhido para a redação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) deste ano, Democratização do Acesso ao Cinema no Brasil. Maria Gloria lembrou-se que leu no Diário sobre aula de cursinho da região em uma sala de cinema e brincou com o assunto. “Talvez eles já soubessem”, falou aos risos.

A conversa sobre o cinema trouxe outras lembranças para Maria Gloria. Era esse o seu programa de lazer preferido na juventude. “Ia muito. Hoje em dia vou pouco. Fui algumas vezes com o grupo de ginástica da UBS (Unidade Básica de Saúde) do bairro, mas tenho sentido muitas dores e acabo não saindo”, lamentou.

A leitura do Diário é quase diária. Especialmente aos domingos, a moradora faz questão de acompanhar o jornal, pelo carinho especial que tem ao Diarinho. “É o que eu mais gosto, mas leio todas as notícias e colunas. A maioria guardo para ler novamente”, afirmou. Foi após denúncia do Diário que a idosa conseguiu realizar cirurgia de remoção de pedras nos rins, após aguardar dois anos pelo procedimento na rede estadual de saúde. A espera foi abordada em matéria na edição de 11 de setembro de 2018. Na ocasião, também escreveu carta com colagens para agradecer.

Maria Gloria agora está ansiosa pelo resultado do Desafio de Redação, que é realizado pelo Diário em parceria com a USCS (Universidade Municipal de São Caetano), patrocinado pelo Cemitério Vale dos Pinheirais e que tem apoio institucional do Saesa (Sistema de Água, Esgoto e Saneamento Ambiental) de São Caetano. Sabe que seu texto não poderá participar oficialmente da competição, destinada a alunos de escolas públicas e privadas da cidade, e que recebeu 102.604 redações. “Mas se quiserem me dar uma TV, eu aceito”, completou, aos risos. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Idosa de 72 anos envia texto para o Desafio de Redação

Leitora do Diário há mais de 30 anos, moradora de S.Bernardo usou colagens para criar homenagem ao concurso literário

Aline Melo
Do Diário do Grande ABC

10/11/2019 | 07:29


Com quantas palavras se faz uma redação? De quantas formas? Para a dona de casa Maria Gloria Silva, 72 anos, moradora do bairro Alves Dias, em São Bernardo, são muitas as possibilidades. Leitora do Diário há mais de 30 anos, ela usa letras recortadas de jornais e revistas para criar cartões, cartas e enfeites de Natal. Foi dessa forma, com palavras escritas à mão e com colagens, que criou texto e enviou simbolicamente para o 13º Desafio de Redação. O tema deste ano é A Região Que Eu Quero em 2030, e a idosa deseja que daqui a dez anos o Grande ABC tenha “bons políticos, boas pessoas e boa vizinhança”. “O resto depende da gente”, completou.

Em sua carta, a moradora escreveu que também deseja “progresso, emprego e paz”. Elogiou a atual gestão de São Bernardo – sob o comando de Orlando Morando (PSDB) – e a continuidade de obras que foram começadas no governo anterior (Luiz Marinho - PT), como o corredor de ônibus que está sendo construído nas imediações do seu bairro. “A cidade está de cara nova, o progresso virá depois”, ponderou.

Vinda da cidade mineira de Barbacena, há cerca de 50 anos, Maria Gloria cursou magistério, mas exerceu pouco a profissão de professora. Ainda em Minas Gerais, chegou a atuar como docente substituta em escolas públicas, mas desde que se casou não trabalhou mais. Por sua influência, muitas primas e sobrinhas se formaram professora. Atualmente, tenta passar o gosto por leitura para a bisneta de 5 anos. “Hoje em dia (as crianças) não se interessam tanto pela leitura. Sempre leio os livros que ela traz da escola para relembrar o que aprendi no passado”, afirmou.

Atenta às notícias, a moradora de São Bernardo achou inusitado o tema escolhido para a redação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) deste ano, Democratização do Acesso ao Cinema no Brasil. Maria Gloria lembrou-se que leu no Diário sobre aula de cursinho da região em uma sala de cinema e brincou com o assunto. “Talvez eles já soubessem”, falou aos risos.

A conversa sobre o cinema trouxe outras lembranças para Maria Gloria. Era esse o seu programa de lazer preferido na juventude. “Ia muito. Hoje em dia vou pouco. Fui algumas vezes com o grupo de ginástica da UBS (Unidade Básica de Saúde) do bairro, mas tenho sentido muitas dores e acabo não saindo”, lamentou.

A leitura do Diário é quase diária. Especialmente aos domingos, a moradora faz questão de acompanhar o jornal, pelo carinho especial que tem ao Diarinho. “É o que eu mais gosto, mas leio todas as notícias e colunas. A maioria guardo para ler novamente”, afirmou. Foi após denúncia do Diário que a idosa conseguiu realizar cirurgia de remoção de pedras nos rins, após aguardar dois anos pelo procedimento na rede estadual de saúde. A espera foi abordada em matéria na edição de 11 de setembro de 2018. Na ocasião, também escreveu carta com colagens para agradecer.

Maria Gloria agora está ansiosa pelo resultado do Desafio de Redação, que é realizado pelo Diário em parceria com a USCS (Universidade Municipal de São Caetano), patrocinado pelo Cemitério Vale dos Pinheirais e que tem apoio institucional do Saesa (Sistema de Água, Esgoto e Saneamento Ambiental) de São Caetano. Sabe que seu texto não poderá participar oficialmente da competição, destinada a alunos de escolas públicas e privadas da cidade, e que recebeu 102.604 redações. “Mas se quiserem me dar uma TV, eu aceito”, completou, aos risos. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;