Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 11 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Senado inicia votação da reforma da Previdência em segundo turno

Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Após texto principal, senadores vão votar separadamente quatro tentativas de alteração da medida



22/10/2019 | 18:20


O Senado iniciou a votação, em segundo turno, da reforma da Previdência. Esse é o último teste da proposta apresentada pelo governo no Congresso. Após os partidos orientarem como cada bancada deve votar, a votação será encerrada e o resultado será divulgado. A tramitação deve ser concluída ainda nesta terça-feira, 22.

Após a votação do texto principal, os senadores vão votar separadamente quatro tentativas de alteração no conteúdo da medida. O governo calcula ter 58 ou 59 votos para aprovar o texto principal da reforma. São necessários 49 senadores favoráveis para que a reforma seja aprovada no Senado. O governo precisa ainda de 49 votos entre os 81 parlamentares para derrubar cada tentativa de alteração na votação dos destaques.

O relator da reforma no Senado, Tasso Jereissati (PSDB-CE), declarou que "não tem a menor possibilidade" de aprovação de qualquer alteração que exija uma nova votação da proposta na Câmara dos Deputados.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Senado inicia votação da reforma da Previdência em segundo turno

Após texto principal, senadores vão votar separadamente quatro tentativas de alteração da medida


22/10/2019 | 18:20


O Senado iniciou a votação, em segundo turno, da reforma da Previdência. Esse é o último teste da proposta apresentada pelo governo no Congresso. Após os partidos orientarem como cada bancada deve votar, a votação será encerrada e o resultado será divulgado. A tramitação deve ser concluída ainda nesta terça-feira, 22.

Após a votação do texto principal, os senadores vão votar separadamente quatro tentativas de alteração no conteúdo da medida. O governo calcula ter 58 ou 59 votos para aprovar o texto principal da reforma. São necessários 49 senadores favoráveis para que a reforma seja aprovada no Senado. O governo precisa ainda de 49 votos entre os 81 parlamentares para derrubar cada tentativa de alteração na votação dos destaques.

O relator da reforma no Senado, Tasso Jereissati (PSDB-CE), declarou que "não tem a menor possibilidade" de aprovação de qualquer alteração que exija uma nova votação da proposta na Câmara dos Deputados.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;