Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 15 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Caça da Marinha sofre acidente durante decolagem em São Pedro da Aldeia



21/10/2019 | 20:09


Um caça naval AF-1 da Marinha brasileira sofreu um acidente na manhã desta segunda-feira (21), em São Pedro da Aldeia (Região dos Lagos fluminense). O único ocupante era o piloto, que não se feriu.

Segundo nota da Marinha, a aeronave do 1º Esquadrão de Interceptação e Ataque, "durante procedimento de decolagem na Base Aérea Naval de São Pedro da Aldeia, por volta das 7h, teve uma avaria e excedeu a pista de pouso".

Imagens que circulam pelas redes sociais mostram o avião fora da pista e com a parte frontal (o "nariz") no chão, com possível avaria no trem de pouso dianteiro.

A Marinha informou que "iniciou investigação da ocorrência aeronáutica, que em 180 dias deverá apresentar os resultados", ou seja, deverá indicar a causa do acidente.

Os caças AF-1 em serviço no Brasil foram comprados em 1997 da Força Aérea do Kuwait para operarem embarcados no porta-aviões São Paulo, já desativado. A unidade acidentada sofreu uma modernização e operava nessa nova versão desde setembro de 2018.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Caça da Marinha sofre acidente durante decolagem em São Pedro da Aldeia


21/10/2019 | 20:09


Um caça naval AF-1 da Marinha brasileira sofreu um acidente na manhã desta segunda-feira (21), em São Pedro da Aldeia (Região dos Lagos fluminense). O único ocupante era o piloto, que não se feriu.

Segundo nota da Marinha, a aeronave do 1º Esquadrão de Interceptação e Ataque, "durante procedimento de decolagem na Base Aérea Naval de São Pedro da Aldeia, por volta das 7h, teve uma avaria e excedeu a pista de pouso".

Imagens que circulam pelas redes sociais mostram o avião fora da pista e com a parte frontal (o "nariz") no chão, com possível avaria no trem de pouso dianteiro.

A Marinha informou que "iniciou investigação da ocorrência aeronáutica, que em 180 dias deverá apresentar os resultados", ou seja, deverá indicar a causa do acidente.

Os caças AF-1 em serviço no Brasil foram comprados em 1997 da Força Aérea do Kuwait para operarem embarcados no porta-aviões São Paulo, já desativado. A unidade acidentada sofreu uma modernização e operava nessa nova versão desde setembro de 2018.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;