Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 13 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Turismo

turismo@dgabc.com.br | 4435-8367

Jogos vão se estender por 11 locais para diminuir custos

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

17/10/2019 | 07:07


A Olimpíada é de Tóquio, mas não será apenas a Capital japonesa que será contemplada com os jogos. Para aproveitar estruturas já prontas e economizar no orçamento, o Comitê Organizador Local resolveu levar algumas modalidades para a Região Metropolitana e, no fim, 11 locais também vão receber disputas, o que abre ainda mais o leque para os turistas que desejam descentralizar os passeios.

“Quando nós nos candidatamos para sediar os Jogos, o plano era o de que todos esses locais ficassem em Tóquio, mas havia a questão do ‘elefante branco’. Como não queremos desperdiçar as construções depois da Olimpíada, decidimos aproveitar o máximo possível as instalações que já temos no país”, explicou Kentaro Kato, diretor de projetos de relações com a mídia do comitê.

O futebol é a modalidade que precisou de maior suporte e acontece em quatro cidades, inclusive em Miyagi, município mais distante da Capital, a 426 quilômetros de distância – facilmente acessada pelo trem-bala. A bola também rola em Yokohama, Sapporo e Kashima.

Um dos esportes com mais expectativas de medalha para o Brasil, o surfe, será disputado a cerca de 60 quilômetros de distância de Tóquio, na praia de Tsurigasaki, próxima ao município de Chiba, que receberá também as disputas de taekwondo e esgrima. A escolha do local agradou mais aos turistas do que aos atletas. Isso porque a praia é paradisíaca e, certamente, vai atrair centenas de visitantes, mas normalmente as ondas não geram grandes desafios aos surfistas.
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Jogos vão se estender por 11 locais para diminuir custos

Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

17/10/2019 | 07:07


A Olimpíada é de Tóquio, mas não será apenas a Capital japonesa que será contemplada com os jogos. Para aproveitar estruturas já prontas e economizar no orçamento, o Comitê Organizador Local resolveu levar algumas modalidades para a Região Metropolitana e, no fim, 11 locais também vão receber disputas, o que abre ainda mais o leque para os turistas que desejam descentralizar os passeios.

“Quando nós nos candidatamos para sediar os Jogos, o plano era o de que todos esses locais ficassem em Tóquio, mas havia a questão do ‘elefante branco’. Como não queremos desperdiçar as construções depois da Olimpíada, decidimos aproveitar o máximo possível as instalações que já temos no país”, explicou Kentaro Kato, diretor de projetos de relações com a mídia do comitê.

O futebol é a modalidade que precisou de maior suporte e acontece em quatro cidades, inclusive em Miyagi, município mais distante da Capital, a 426 quilômetros de distância – facilmente acessada pelo trem-bala. A bola também rola em Yokohama, Sapporo e Kashima.

Um dos esportes com mais expectativas de medalha para o Brasil, o surfe, será disputado a cerca de 60 quilômetros de distância de Tóquio, na praia de Tsurigasaki, próxima ao município de Chiba, que receberá também as disputas de taekwondo e esgrima. A escolha do local agradou mais aos turistas do que aos atletas. Isso porque a praia é paradisíaca e, certamente, vai atrair centenas de visitantes, mas normalmente as ondas não geram grandes desafios aos surfistas.
 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;