Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 21 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Ex-mulher de Jeremy Renner diz que ator tentou suicídio e ameaçou matá-la



14/10/2019 | 15:10


Jeremy Renner, o Gavião Arqueiro da franquia Vingadores, se envolveu em uma polêmica recentemente. Segundo informações do site TMZ, ele e sua ex-mulher, Sonni Pacheco, estão brigando na Justiça pela custódia da filha, Ava, de seis anos de idade, e Sonni pede para que o juiz mude o acordo de guarda compartilhada para custódia total, com a possibilidade do ator fazer visitas monitoradas à menina. A atriz ainda fez diversas acusações sérias em relação ao ex-marido, que repercutiram bastante e chocou fãs do mundo todo.

Sonni alega que, em novembro do ano passado, Jeremy estava em uma balada sob efeito de cocaína e bebidas alcoólicas, e começou a dizer que iria matá-la, já que não podia mais lidar com ela e só queria que ela se fosse. Em outra ocasião, o ator teria colocado uma arma na boca, ameaçando cometer suicídio, e depois disparou o revólver no teto, com Ava dormindo no quarto ao lado.

A atriz ainda afirma que Jeremy tem um histórico de abuso de substâncias, além de assédio verbal e emocional. Os documentos legais dizem que Jeremy esteve sob a influência de drogas por diversas vezes quando tinha a custódia física de Ava. Certa vez, Jeremy ainda teria deixado cocaína em um balcão do banheiro, que era acessível por Ava.

Sonni alega que, em outra ocasião, a babá da filha ouviu Jeremy dizer que estava indo para a sua casa para matá-la e depois se matar, porque era melhor que Ava não tivesse pais do que ter [Sonni] como mãe. Ava ainda teria dito à mãe que várias mulheres iam e vinham da casa de Jeremy, e chegou a citar alguns nomes de parceiras sexuais do pai.

Um representante do ator enviou um comunicado ao TMZ sobre as acusações, como você pode ver a seguir:

O bem-estar de sua filha Ava sempre foi e continua sendo o foco principal de Jeremy. Esta é uma questão para o tribunal decidir. É importante observar que as dramatizações feitas na declaração de Sonni são um conto unilateral feita com um objetivo específico em mente.

E aí, o que você achou de tudo isso?



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ex-mulher de Jeremy Renner diz que ator tentou suicídio e ameaçou matá-la


14/10/2019 | 15:10


Jeremy Renner, o Gavião Arqueiro da franquia Vingadores, se envolveu em uma polêmica recentemente. Segundo informações do site TMZ, ele e sua ex-mulher, Sonni Pacheco, estão brigando na Justiça pela custódia da filha, Ava, de seis anos de idade, e Sonni pede para que o juiz mude o acordo de guarda compartilhada para custódia total, com a possibilidade do ator fazer visitas monitoradas à menina. A atriz ainda fez diversas acusações sérias em relação ao ex-marido, que repercutiram bastante e chocou fãs do mundo todo.

Sonni alega que, em novembro do ano passado, Jeremy estava em uma balada sob efeito de cocaína e bebidas alcoólicas, e começou a dizer que iria matá-la, já que não podia mais lidar com ela e só queria que ela se fosse. Em outra ocasião, o ator teria colocado uma arma na boca, ameaçando cometer suicídio, e depois disparou o revólver no teto, com Ava dormindo no quarto ao lado.

A atriz ainda afirma que Jeremy tem um histórico de abuso de substâncias, além de assédio verbal e emocional. Os documentos legais dizem que Jeremy esteve sob a influência de drogas por diversas vezes quando tinha a custódia física de Ava. Certa vez, Jeremy ainda teria deixado cocaína em um balcão do banheiro, que era acessível por Ava.

Sonni alega que, em outra ocasião, a babá da filha ouviu Jeremy dizer que estava indo para a sua casa para matá-la e depois se matar, porque era melhor que Ava não tivesse pais do que ter [Sonni] como mãe. Ava ainda teria dito à mãe que várias mulheres iam e vinham da casa de Jeremy, e chegou a citar alguns nomes de parceiras sexuais do pai.

Um representante do ator enviou um comunicado ao TMZ sobre as acusações, como você pode ver a seguir:

O bem-estar de sua filha Ava sempre foi e continua sendo o foco principal de Jeremy. Esta é uma questão para o tribunal decidir. É importante observar que as dramatizações feitas na declaração de Sonni são um conto unilateral feita com um objetivo específico em mente.

E aí, o que você achou de tudo isso?

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;