Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 21 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Bebê de 1 ano é morto por cão rottweiler no Rio Grande do Sul



09/10/2019 | 14:08


O menino Otto Baum Nascimento, de 1 ano e 3 meses, morreu após ser atacado por um cão da raça rottweiler na terça-feira, 8, em Sapiranga, na região do Vale dos Sinos, no Rio Grande do Sul. De acordo com a Polícia Civil, a criança estava na casa da avó quando o cachorro escapou do canil e a atacou.

"O menino estava com a avó, no pátio da residência, quando de repente o cão saiu do canil e o atacou. Na tentativa de proteger o neto, a avó também sofreu algumas escoriações", disse o delegado Clovis da Silva.

O menino foi conduzido pelos agentes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao Hospital Sapiranga, mas não resistiu aos graves ferimentos na face, no pescoço, no tórax e na região da cintura.

A Polícia Civil do município vai investigar as circunstâncias da ocorrência.

O corpo de Otto foi velado na manhã desta quarta-feira, 9, na Funerária Krause, em Novo Hamburgo.

O enterro ocorreu no final da manhã no Cemitério Jardim da Memória.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Bebê de 1 ano é morto por cão rottweiler no Rio Grande do Sul


09/10/2019 | 14:08


O menino Otto Baum Nascimento, de 1 ano e 3 meses, morreu após ser atacado por um cão da raça rottweiler na terça-feira, 8, em Sapiranga, na região do Vale dos Sinos, no Rio Grande do Sul. De acordo com a Polícia Civil, a criança estava na casa da avó quando o cachorro escapou do canil e a atacou.

"O menino estava com a avó, no pátio da residência, quando de repente o cão saiu do canil e o atacou. Na tentativa de proteger o neto, a avó também sofreu algumas escoriações", disse o delegado Clovis da Silva.

O menino foi conduzido pelos agentes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao Hospital Sapiranga, mas não resistiu aos graves ferimentos na face, no pescoço, no tórax e na região da cintura.

A Polícia Civil do município vai investigar as circunstâncias da ocorrência.

O corpo de Otto foi velado na manhã desta quarta-feira, 9, na Funerária Krause, em Novo Hamburgo.

O enterro ocorreu no final da manhã no Cemitério Jardim da Memória.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;