Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 10 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Combate a fraudes em bilhetes eletrônicos de transporte prende um homem em Santo André

Kevin Costner/Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Ação integrada das polícias teve foco em grandes terminais de ônibus da Capital e Região Metropolitana


Do Dgabc.com.br

03/10/2019 | 16:43


O terminal de ônibus de Santo André foi alvo de uma operação nesta quinta-feira (3) deflagrada pela SSP (Secretaria de Segurança Pública) do Estado de São Paulo para combater fraudes e uso indevido de bilhetes eletrônicos de transporte.

O Diário apurou que três pessoas foram conduzidas para a Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) do município. Clodoaldo Correia foi preso em flagrante por contrabando. Os outros dois indivíduos foram liberados pois não foram encontrados bilhetes falsificados com eles.

De acordo com informações do 7º Baep (Batalhão de Ações Especiais da Polícia), a operação teve início há dois meses. A equipe se reuniu com representantes das polícias para discutir a ação e, após dez dias de diligências e serviços de inteligência para identificar o grupo, os policiais foram a campo.

A ação, que contou com o empenho de cerca de 80 policiais e 20 viaturas, foi realizada de forma simultânea em quatro grandes terminais de transporte público. Além de Santo André, Armênia e Perus, na Capital, e Carapicuíba, na Região Metropolitana.

Durante os trabalhos, as equipes identificaram um veículo que fazia o transporte dos cartões. Além disso, os policiais empenhados também descobriram uma casa na região de Perus que servia como quartel para praticar as fraudes.

Os fraudadores inseriam os créditos irregulares em cartões ilegais e compravam bilhetes de terceiros para uso indevido. Eles se posicionavam perto das catracas nas estações e janelas de ônibus e, desta forma, ofereciam o uso do bilhete irregular por um valor menor do que a tarifa.

As polícias detiveram 29 pessoas durante a operação – dentre eles dois adolescentes. Quatro notebooks, 1.255 cartões, oito celulares, cerca de R$ 4.000 e um caderno com anotações relacionadas ao esquema também foram apreendidos.

A 4ª Delegacia de Investigações sobre Fraudes Patrimoniais Praticadas por Meios Eletrônicos está realizando oitivas com apoio de técnicos da SPTrans para confirmar se cartões apreendidos possuem créditos fraudados.

Caso seja comprovado o crime, envolvidos poderão ser autuados por estelionato, associação e organização criminosa. As investigações prosseguem para identificar outros envolvidos, além de compradores e beneficiários.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Combate a fraudes em bilhetes eletrônicos de transporte prende um homem em Santo André

Ação integrada das polícias teve foco em grandes terminais de ônibus da Capital e Região Metropolitana

Do Dgabc.com.br

03/10/2019 | 16:43


O terminal de ônibus de Santo André foi alvo de uma operação nesta quinta-feira (3) deflagrada pela SSP (Secretaria de Segurança Pública) do Estado de São Paulo para combater fraudes e uso indevido de bilhetes eletrônicos de transporte.

O Diário apurou que três pessoas foram conduzidas para a Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) do município. Clodoaldo Correia foi preso em flagrante por contrabando. Os outros dois indivíduos foram liberados pois não foram encontrados bilhetes falsificados com eles.

De acordo com informações do 7º Baep (Batalhão de Ações Especiais da Polícia), a operação teve início há dois meses. A equipe se reuniu com representantes das polícias para discutir a ação e, após dez dias de diligências e serviços de inteligência para identificar o grupo, os policiais foram a campo.

A ação, que contou com o empenho de cerca de 80 policiais e 20 viaturas, foi realizada de forma simultânea em quatro grandes terminais de transporte público. Além de Santo André, Armênia e Perus, na Capital, e Carapicuíba, na Região Metropolitana.

Durante os trabalhos, as equipes identificaram um veículo que fazia o transporte dos cartões. Além disso, os policiais empenhados também descobriram uma casa na região de Perus que servia como quartel para praticar as fraudes.

Os fraudadores inseriam os créditos irregulares em cartões ilegais e compravam bilhetes de terceiros para uso indevido. Eles se posicionavam perto das catracas nas estações e janelas de ônibus e, desta forma, ofereciam o uso do bilhete irregular por um valor menor do que a tarifa.

As polícias detiveram 29 pessoas durante a operação – dentre eles dois adolescentes. Quatro notebooks, 1.255 cartões, oito celulares, cerca de R$ 4.000 e um caderno com anotações relacionadas ao esquema também foram apreendidos.

A 4ª Delegacia de Investigações sobre Fraudes Patrimoniais Praticadas por Meios Eletrônicos está realizando oitivas com apoio de técnicos da SPTrans para confirmar se cartões apreendidos possuem créditos fraudados.

Caso seja comprovado o crime, envolvidos poderão ser autuados por estelionato, associação e organização criminosa. As investigações prosseguem para identificar outros envolvidos, além de compradores e beneficiários.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;