Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 17 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Plano de Ramiro no PDT chama atenção


Raphael Rocha

03/10/2019 | 07:00


Na semana passada, esta coluna mostrou que o PDT sondou a situação do ex-deputado estadual Ramiro Meves, de São Bernardo, com objetivo de lançá-lo como candidato a prefeito na eleição do ano que vem. A movimentação causou estranheza em quem acompanha de perto a política de São Bernardo. Ramiro estava afastado das urnas há décadas, ressurgiu como vice na chapa liderada pelo ex-secretário Tarcisio Secoli (PT) na eleição de 2016, uma parceria que se mostrou infrutífera – os dois sequer foram ao segundo turno. Dizem que até mesmo em regiões onde Ramiro mostrava influência – como Rudge Ramos e parte da Pauliceia –, o tradicional político perdeu força. Muitos tentam identificar quem foi o criador da estratégia pró-Ramiro no PDT.

BASTIDORES

Rebate
Ex-presidente do PSDB de Santo André e atual secretário de Esportes do governo de Paulo Serra (PSDB), Marcelo Chehade (PSDB) rebateu as declarações do ex-superintendente do Instituto de Previdência Miguel Heredia, que deixou o tucanato rumo ao Novo com críticas ao antigo partido. “Há rodízio na direção. Eu fui presidente, o Ricardo Torres também, agora é o Edson Salvo Melo. Não tem essa história de uma família dominar o partido. O Pedrinho (Botaro) sequer foi presidente”, disse. “Ele falou de alguns nomes que mancharam o nome do partido, como o Aécio Neves e o Beto Richa. Nisso concordo com ele. Mas, em Santo André, a legenda caminha bem. Tem o prefeito, vereadores, secretários. Na região também, com o Orlando Morando (em São Bernardo) e o (José) Auricchio (Júnior), em São Caetano.”

Justiça
Um dos autores do pedido de CPI da Suzantur na Câmara de Mauá, Fernando Rubinelli (PDT) transferiu para hoje a decisão de qual medida jurídica que vai adotar para reverter a rejeição, em plenário, de sua proposta. A tendência é a de que ele e o vereador Adelto Cachorrão (Avante), proponentes da comissão, ingressem na Justiça para emplacar o grupo com base no direito constitucional de minoria para instalações de CPI. O documento registrou oito assinaturas, quórum mínimo de abertura.

Afagos
Chamou atenção o elogio proferido pelo governador João Doria (PSDB) ao vice-prefeito de São Bernardo, Marcelo Lima (PSD), durante ato de início das obras de construção da Fábrica de Cultura, que será erguida no lugar onde antes seria feito o Museu do Trabalho e do Trabalhador. O pessedista, que foi candidato a deputado federal na coligação de Doria, foi chamado pelo tucano de “carregador de piano” e de “vice atuante” de São Bernardo.

Consórcio
Presidente do Consórcio Intermunicipal, o prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB), não esteve presente nas duas últimas assembleias menais da entidade regional – a última, na terça-feira, porque estava em viagem para a Espanha. Chama atenção também o fato de o tucano, nas reuniões em que presidiu, ter autorizado a participação, com registro em ata, de prefeitos que não retornaram oficialmente ao colegiado, como José Auricchio Júnior (PSDB, São Caetano), e Lauro Michels (PV, Diadema).

Frente parlamentar
A deputada estadual Carla Morando, líder do PSDB na Assembleia Legislativa e com domicílio eleitoral em São Bernardo, abre hoje a Frente Parlamentar pelo Desenvolvimento do Setor Têxtil e de Confecções do Estado de São Paulo. O evento será na sede do Parlamento paulista, a partir das 19h30. O objetivo é discutir políticas públicas de fomento ao setor.

Mudança
A Câmara de São Bernardo aprovou ontem, em primeiro turno, mudança na LOM (Lei Orgânica do Município) que permite o arquivamento automático de pedidos de impeachment cujo teor for semelhante a algum que já tenha sido apreciado pelo Legislativo. A segunda votação deve acontecer dentro de dez dias. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Plano de Ramiro no PDT chama atenção

Raphael Rocha

03/10/2019 | 07:00


Na semana passada, esta coluna mostrou que o PDT sondou a situação do ex-deputado estadual Ramiro Meves, de São Bernardo, com objetivo de lançá-lo como candidato a prefeito na eleição do ano que vem. A movimentação causou estranheza em quem acompanha de perto a política de São Bernardo. Ramiro estava afastado das urnas há décadas, ressurgiu como vice na chapa liderada pelo ex-secretário Tarcisio Secoli (PT) na eleição de 2016, uma parceria que se mostrou infrutífera – os dois sequer foram ao segundo turno. Dizem que até mesmo em regiões onde Ramiro mostrava influência – como Rudge Ramos e parte da Pauliceia –, o tradicional político perdeu força. Muitos tentam identificar quem foi o criador da estratégia pró-Ramiro no PDT.

BASTIDORES

Rebate
Ex-presidente do PSDB de Santo André e atual secretário de Esportes do governo de Paulo Serra (PSDB), Marcelo Chehade (PSDB) rebateu as declarações do ex-superintendente do Instituto de Previdência Miguel Heredia, que deixou o tucanato rumo ao Novo com críticas ao antigo partido. “Há rodízio na direção. Eu fui presidente, o Ricardo Torres também, agora é o Edson Salvo Melo. Não tem essa história de uma família dominar o partido. O Pedrinho (Botaro) sequer foi presidente”, disse. “Ele falou de alguns nomes que mancharam o nome do partido, como o Aécio Neves e o Beto Richa. Nisso concordo com ele. Mas, em Santo André, a legenda caminha bem. Tem o prefeito, vereadores, secretários. Na região também, com o Orlando Morando (em São Bernardo) e o (José) Auricchio (Júnior), em São Caetano.”

Justiça
Um dos autores do pedido de CPI da Suzantur na Câmara de Mauá, Fernando Rubinelli (PDT) transferiu para hoje a decisão de qual medida jurídica que vai adotar para reverter a rejeição, em plenário, de sua proposta. A tendência é a de que ele e o vereador Adelto Cachorrão (Avante), proponentes da comissão, ingressem na Justiça para emplacar o grupo com base no direito constitucional de minoria para instalações de CPI. O documento registrou oito assinaturas, quórum mínimo de abertura.

Afagos
Chamou atenção o elogio proferido pelo governador João Doria (PSDB) ao vice-prefeito de São Bernardo, Marcelo Lima (PSD), durante ato de início das obras de construção da Fábrica de Cultura, que será erguida no lugar onde antes seria feito o Museu do Trabalho e do Trabalhador. O pessedista, que foi candidato a deputado federal na coligação de Doria, foi chamado pelo tucano de “carregador de piano” e de “vice atuante” de São Bernardo.

Consórcio
Presidente do Consórcio Intermunicipal, o prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB), não esteve presente nas duas últimas assembleias menais da entidade regional – a última, na terça-feira, porque estava em viagem para a Espanha. Chama atenção também o fato de o tucano, nas reuniões em que presidiu, ter autorizado a participação, com registro em ata, de prefeitos que não retornaram oficialmente ao colegiado, como José Auricchio Júnior (PSDB, São Caetano), e Lauro Michels (PV, Diadema).

Frente parlamentar
A deputada estadual Carla Morando, líder do PSDB na Assembleia Legislativa e com domicílio eleitoral em São Bernardo, abre hoje a Frente Parlamentar pelo Desenvolvimento do Setor Têxtil e de Confecções do Estado de São Paulo. O evento será na sede do Parlamento paulista, a partir das 19h30. O objetivo é discutir políticas públicas de fomento ao setor.

Mudança
A Câmara de São Bernardo aprovou ontem, em primeiro turno, mudança na LOM (Lei Orgânica do Município) que permite o arquivamento automático de pedidos de impeachment cujo teor for semelhante a algum que já tenha sido apreciado pelo Legislativo. A segunda votação deve acontecer dentro de dez dias. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;