Fechar
Publicidade

Domingo, 5 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Governo francês quer que Papon volte a ser preso


Do Diário OnLine

19/09/2002 | 11:35


O governo da França, frente a protestos populares, está buscando meios de levar de volta à prisão o colaborador nazista Maurice Papon, libertado na quarta-feira devido a problemas de saúde.

O funcionário do regime de Vichy foi condenado por ter ajudado a enviar judeus para o campo de extermínio de Auschwitz durante a Segunda Guerra Mundial.

Diversos manifestantes bateram panelas em frente à casa de Papon, nos arredores de Paris, na manhã desta quinta-feira. Os assessores do ministro da Justiça, Dominique Perben, estão estudando as leis para avaliar se a sua libertação, decidida por uma corte de apelação com base em seu estado de saúde, poderia ser cancelada em razão do furor público que tem causado.

Papon cumpriu apenas três anos de sua sentença de dez anos. Com base em dois exames médicos realizados em Papon, que teve um marca-passos implantado há dois anos, a corte determinou que ele possui uma "severa e avançada patologia cardiovascular que leva a um declínio em seu estado geral de saúde".

No entanto, os protestantes se revoltaram ao ver o colaborador nazista deixar o presídio e entrar no carro sem a ajuda de ninguém.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;