Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 28 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Ignácio de Loyola Brandão participa amanhã de ‘Sempre Um Papo’

Projeto gratuito no Sesc debaterá obra recém-lançada do escritor


Miriam Gimenes

24/09/2019 | 07:00


O romancista, jornalista, contista, cronista, biógrafo, escritor de livros infantojuvenis e não ficção Ignácio de Loyola Brandão participa amanhã, a partir das 20h, no Sesc de Santo André (Rua Tamarutaca, 302), do projeto Sempre Um Papo, com entrada gratuita. Os ingressos devem ser retirados uma hora antes do evento. 

No espaço da região ele debate o lançamento de Desta Terra Nada Vai Sobrar, a Não Ser o Vento que Sopra Sobre Ela (Global Editora).

No livro, a narrativa transcorre num futuro indeterminado, em que, ao nascer, todos recebem tornozeleiras eletrônicas. Nesta terra estranha, e ao mesmo tempo tão próxima de nós, a peste se tornou epidemia que dissolve os corpos. A autoeutanásia foi legalizada para idosos. Para o governo, quanto mais longevos morrerem, melhor. A mensagem é altamente impactante.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ignácio de Loyola Brandão participa amanhã de ‘Sempre Um Papo’

Projeto gratuito no Sesc debaterá obra recém-lançada do escritor

Miriam Gimenes

24/09/2019 | 07:00


O romancista, jornalista, contista, cronista, biógrafo, escritor de livros infantojuvenis e não ficção Ignácio de Loyola Brandão participa amanhã, a partir das 20h, no Sesc de Santo André (Rua Tamarutaca, 302), do projeto Sempre Um Papo, com entrada gratuita. Os ingressos devem ser retirados uma hora antes do evento. 

No espaço da região ele debate o lançamento de Desta Terra Nada Vai Sobrar, a Não Ser o Vento que Sopra Sobre Ela (Global Editora).

No livro, a narrativa transcorre num futuro indeterminado, em que, ao nascer, todos recebem tornozeleiras eletrônicas. Nesta terra estranha, e ao mesmo tempo tão próxima de nós, a peste se tornou epidemia que dissolve os corpos. A autoeutanásia foi legalizada para idosos. Para o governo, quanto mais longevos morrerem, melhor. A mensagem é altamente impactante.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;