Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 14 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Emicida retoma parceria com o duo Ibeyi na nova música 'Libre'



19/09/2019 | 11:41


Há um novo disco de Emicida a caminho (ainda sem data de divulgação, porém), e nesta quinta-feira, 19, o rapper lança mais um single: Libre retoma sua parceria com o duo franco-cubano Ibeyi, e mistura um beat inspirado no funk com ritmos latinos para pregar uma mensagem de liberdade.

Emicida e Ibeyi se apresentam no Rock in Rio no dia 3 de outubro. A parceria já tinha rendido outra gravação, Hacia El Amor, de 2018. Gravada no Red Bull Studio, em São Paulo, e com produção de Nave, Libre já está disponível nas plataformas digitais e chegou com um clipe dirigido por Fred Ouro Preto, filmado na ocupação Ouvidor 63, no centro da capital paulista. Confira clicando aqui.

"Libre é um jeito de gritar liberdade, dizer que nós vamos estar livres, bonitos, fortes, elegantes e perfumados, sabe?", diz Emicida no material de divulgação da faixa. "A vibe dela é tipo a energia de quando você tá se arrumando para o baile para ir curtir com os seus amigos. Você só vive uma vez, vai viver!"

AmarElo, o álbum, ainda não tem data de lançamento confirmada, mas é interessante notar como Emicida segue na sua busca por ritmos para incorporar ao rap, ritmo que o lançou para o cenário nacional. Em Libre, por exemplo, ele canta no refrão e faz uma ponte rimando, mas o verso da canção é cantado por Naomi Diaz, metade do Ibeyi (Lisa-Kaindé completa o duo - elas são irmãs gêmeas).

Em junho, a faixa AmarElo, com Pabllo Vittar e Majur, repercutiu ao tocar em um tema sensível para o rap contemporâneo, a saúde mental. "No primeiro passo desse processo, a nossa intenção era que as pessoas se sentissem grandes ao olharem no espelho. Agora, a ideia é que elas observem ao redor e se enxerguem maiores do que os seus problemas, independente de quais sejam", disse Emicida na época. A música já tem mais de 4 milhões de visualizações no Youtube.

Em maio passado, o rapper lançou a primeira canção do novo disco, Eminência Parda, parceria com Dona Onete, Jé Santiago e Papillon, também produzida pelo produtor Nave. O último disco de inéditas lançado por Emicida foi Sobre Crianças, Quadris, Pesadelos e Lições de Casa?, em 2015.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Emicida retoma parceria com o duo Ibeyi na nova música 'Libre'


19/09/2019 | 11:41


Há um novo disco de Emicida a caminho (ainda sem data de divulgação, porém), e nesta quinta-feira, 19, o rapper lança mais um single: Libre retoma sua parceria com o duo franco-cubano Ibeyi, e mistura um beat inspirado no funk com ritmos latinos para pregar uma mensagem de liberdade.

Emicida e Ibeyi se apresentam no Rock in Rio no dia 3 de outubro. A parceria já tinha rendido outra gravação, Hacia El Amor, de 2018. Gravada no Red Bull Studio, em São Paulo, e com produção de Nave, Libre já está disponível nas plataformas digitais e chegou com um clipe dirigido por Fred Ouro Preto, filmado na ocupação Ouvidor 63, no centro da capital paulista. Confira clicando aqui.

"Libre é um jeito de gritar liberdade, dizer que nós vamos estar livres, bonitos, fortes, elegantes e perfumados, sabe?", diz Emicida no material de divulgação da faixa. "A vibe dela é tipo a energia de quando você tá se arrumando para o baile para ir curtir com os seus amigos. Você só vive uma vez, vai viver!"

AmarElo, o álbum, ainda não tem data de lançamento confirmada, mas é interessante notar como Emicida segue na sua busca por ritmos para incorporar ao rap, ritmo que o lançou para o cenário nacional. Em Libre, por exemplo, ele canta no refrão e faz uma ponte rimando, mas o verso da canção é cantado por Naomi Diaz, metade do Ibeyi (Lisa-Kaindé completa o duo - elas são irmãs gêmeas).

Em junho, a faixa AmarElo, com Pabllo Vittar e Majur, repercutiu ao tocar em um tema sensível para o rap contemporâneo, a saúde mental. "No primeiro passo desse processo, a nossa intenção era que as pessoas se sentissem grandes ao olharem no espelho. Agora, a ideia é que elas observem ao redor e se enxerguem maiores do que os seus problemas, independente de quais sejam", disse Emicida na época. A música já tem mais de 4 milhões de visualizações no Youtube.

Em maio passado, o rapper lançou a primeira canção do novo disco, Eminência Parda, parceria com Dona Onete, Jé Santiago e Papillon, também produzida pelo produtor Nave. O último disco de inéditas lançado por Emicida foi Sobre Crianças, Quadris, Pesadelos e Lições de Casa?, em 2015.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;