Fechar
Publicidade

Domingo, 20 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Polícia divulga retrato falado de suspeito pela morte da motorista de aplicativo em Diadema

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Homem teria entre 20 e 25 anos, cor parda, 1,70 metros de altura, cabelos curtos e cavanhaque


Do Dgabc.com.br

17/09/2019 | 20:24


A Polícia Civil divulgou nesta terça-feira (17) o retrato falado suspeito pela morte da motorista de aplicativo Adriana Márcia de Almeida, 46 anos, no último domingo (15), enquanto trabalhava no Jardim Casa Grande, em Diadema.

A expectativa da polícia é que com a divulgação da imagem o homem seja identificado e preso. O retrato falado foi feito com base no depoimento de testemunhas. Ele teria cerca de 20 a 25 anos, cor parda, 1,70 metros de altura, cabelos curtos e cavanhaque.

Crime aconteceu por volta das 23h. Adriana foi atingida no pescoço quando buscava duas passageiras que solicitaram a corrida em um baile funk. Enquanto as duas mulheres entravam no carro, o criminoso teria abordado a vítima, que acelerou o carro na tentativa de fugir e foi atingida. Pouco antes, no mesmo endereço, outro motorista de aplicativo já tinha sido assaltado.

O caso está sendo investigado no 2º DP (Casa Grande) de Diadema.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Polícia divulga retrato falado de suspeito pela morte da motorista de aplicativo em Diadema

Homem teria entre 20 e 25 anos, cor parda, 1,70 metros de altura, cabelos curtos e cavanhaque

Do Dgabc.com.br

17/09/2019 | 20:24


A Polícia Civil divulgou nesta terça-feira (17) o retrato falado suspeito pela morte da motorista de aplicativo Adriana Márcia de Almeida, 46 anos, no último domingo (15), enquanto trabalhava no Jardim Casa Grande, em Diadema.

A expectativa da polícia é que com a divulgação da imagem o homem seja identificado e preso. O retrato falado foi feito com base no depoimento de testemunhas. Ele teria cerca de 20 a 25 anos, cor parda, 1,70 metros de altura, cabelos curtos e cavanhaque.

Crime aconteceu por volta das 23h. Adriana foi atingida no pescoço quando buscava duas passageiras que solicitaram a corrida em um baile funk. Enquanto as duas mulheres entravam no carro, o criminoso teria abordado a vítima, que acelerou o carro na tentativa de fugir e foi atingida. Pouco antes, no mesmo endereço, outro motorista de aplicativo já tinha sido assaltado.

O caso está sendo investigado no 2º DP (Casa Grande) de Diadema.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;