Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 22 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Guarda Ambiental acaba com tráfico de aves silvestres

Divulgação/Guarda Ambiental Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Animais foram recuperados no Jardim Calux, eram trazidos da Bahia para serem revendidos em todo o Estado


Do Dgabc.com.br

17/09/2019 | 16:28


Em mais uma ação de combate ao crime, a Guarda Ambiental de São Bernardo colocou fim a esquema de tráfico de aves silvestres, após ronda no bairro Jardim Calux. Um homem foi preso em flagrante e multado em R$ 90 mil, após ter confessado que comercializava os animais trazidos da Bahia para serem revendidos em São Paulo. No local, 54 aves Silvestres e 12 exóticas foram recuperadas.

Além das 66 aves encontradas na residência, havia dois vidros de chumbinho nome popular a um raticida de uso proibido pela Anvisa no Brasil, sete viveiros grandes, gaiolas, rações, dezenas de caixas de café vazias que eram utilizadas no transporte das aves e cadernos de controle com valores e quantidade de animais repassados.

A ação efetiva da Guarda Ambiental se deu graças a uma denúncia e a ágil atuação de toda equipe que esteve na residência logo cedo, evitando que o restante dos animais fosse comercializado. Após registro da ocorrência a investigação está sobre responsabilidade da Policia Civil de São Paulo que vai apurar o caso investigar os outros envolvidos.

“É muito triste saber que este mercado ainda é bem movimentado, e não está longe de nós. Contudo, a equipe da Guarda Ambiental da cidade é preparada e vem acabando com estas ações ilegais a cada dia. São Bernardo não tolera violência contra animal e ou desrespeito cm o Meio Ambiente”, destacou o prefeito Orlando Morando (PSDB).

PROTEÇÃO ANIMAL –
Desde 2017 mais de 3.000 aves, cujas posses eram irregulares ou submetidas a rinhas e outros maus tratos foram recuperados. E mais de 60 pessoas foram autuadas, com multas ambientais que chegaram a quase R$ 7 milhões. Para inibir a caça e pose ilegal de animais Silvestres a Guarda Ambiental aumentou as rondas ostensivas em toda cidade, principalmente em áreas de mananciais onde estes crimes ocorrem com mais freqüência. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Guarda Ambiental acaba com tráfico de aves silvestres

Animais foram recuperados no Jardim Calux, eram trazidos da Bahia para serem revendidos em todo o Estado

Do Dgabc.com.br

17/09/2019 | 16:28


Em mais uma ação de combate ao crime, a Guarda Ambiental de São Bernardo colocou fim a esquema de tráfico de aves silvestres, após ronda no bairro Jardim Calux. Um homem foi preso em flagrante e multado em R$ 90 mil, após ter confessado que comercializava os animais trazidos da Bahia para serem revendidos em São Paulo. No local, 54 aves Silvestres e 12 exóticas foram recuperadas.

Além das 66 aves encontradas na residência, havia dois vidros de chumbinho nome popular a um raticida de uso proibido pela Anvisa no Brasil, sete viveiros grandes, gaiolas, rações, dezenas de caixas de café vazias que eram utilizadas no transporte das aves e cadernos de controle com valores e quantidade de animais repassados.

A ação efetiva da Guarda Ambiental se deu graças a uma denúncia e a ágil atuação de toda equipe que esteve na residência logo cedo, evitando que o restante dos animais fosse comercializado. Após registro da ocorrência a investigação está sobre responsabilidade da Policia Civil de São Paulo que vai apurar o caso investigar os outros envolvidos.

“É muito triste saber que este mercado ainda é bem movimentado, e não está longe de nós. Contudo, a equipe da Guarda Ambiental da cidade é preparada e vem acabando com estas ações ilegais a cada dia. São Bernardo não tolera violência contra animal e ou desrespeito cm o Meio Ambiente”, destacou o prefeito Orlando Morando (PSDB).

PROTEÇÃO ANIMAL –
Desde 2017 mais de 3.000 aves, cujas posses eram irregulares ou submetidas a rinhas e outros maus tratos foram recuperados. E mais de 60 pessoas foram autuadas, com multas ambientais que chegaram a quase R$ 7 milhões. Para inibir a caça e pose ilegal de animais Silvestres a Guarda Ambiental aumentou as rondas ostensivas em toda cidade, principalmente em áreas de mananciais onde estes crimes ocorrem com mais freqüência. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;