Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 15 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Com gol de brasileiro, Lecce bate Torino e deixa zona de rebaixamento do Italiano



16/09/2019 | 18:41


Com um gol marcado pelo atacante brasileiro Diego Farias, o Lecce surpreendeu nesta segunda-feira ao vencer o Torino por 2 a 1, fora de casa, no confronto que fechou a terceira rodada do Campeonato Italiano. Com o triunfo, os visitantes somaram os seus três primeiros pontos na competição e ficaram logo acima da zona de rebaixamento, em 17º lugar.

Diego Farias marcou o gol que abriu o placar do triunfo de seu time nesta segunda, no estádio Olímpico de Turim, aos 35 minutos do primeiro tempo. Na etapa final, Andrea Belotti empatou o jogo cobrando pênalti, aos 13, mas Marco Mancuso balançou as redes para os visitantes aos 28 e garantiu a vitória.

Formado como jogador pelo Campo Grande, do Rio, o jogador brasileiro de 29 anos que deixou a sua marca nesta segunda-feira atua profissionalmente na Itália desde o início de sua carreira profissional. Começou esta trajetória pelo Chievo, em 2009, e depois passou por Verona, Foggia, Nocerina, Padova, Sassuolo, Cagliari e Empoli antes de finalmente ir para o Lecce.

Com o decepcionante resultado, o Torino estacionou nos seis pontos e deixou de ter 100% de aproveitamento no Italiano, no qual ocupa a quarta posição, fechando a zona de classificação para a Liga dos Campeões. A equipe tinha uma boa chance de vencer e se igualar à Inter de Milão, que soma nove pontos no topo da tabela.

No próximo domingo, pela sexta rodada da competição nacional, o Torino vai encarar a Sampdoria fora de casa, enquanto o Lecce atuará como mandante contra o Napoli.

NA INGLATERRA - Em outro duelo disputado nesta segunda-feira em outro torneio doméstico de elite na Europa, com muita correria e pouca técnica, Aston Villa e West Ham empataram, sem gols, no Villa Park, em Birmingham, no jogo que fechou a quinta rodada do Campeonato Inglês.

O resultado foi melhor para o West Ham, que atuou desde os 22 minutos do segundo tempo com um jogador a menos por causa da expulsão de Masuaku. O time de Londres é o oitavo colocado, com oito pontos, sete atrás do líder Liverpool, que soma cinco vitórias consecutivas.

O Aston Villa está na 17ª colocação, com apenas quatro pontos, mesma pontuação do Newcastle, primeiro time na zona de rebaixamento e em 18º por ter saldo de gols pior. A equipe empatou pela primeira vez, após três derrotas e uma vitória em sua campanha.

O jogo foi disputado de forma intensa, com os dois times criando boas jogadas, mas falhando nas finalizações. Um lance curioso foi a discussão entre o zagueiro Mings e o atacante El Ghazi, ambos do West Ham, que por pouco não se transformou em uma briga.

O fim do primeiro tempo foi marcado pelo domínio do Aston Villa, que pelo menos em três oportunidades esteve perto de abrir o placar. Após a expulsão de Masuaku, curiosamente, quem se apresentou melhor foi o West Ham.

As duas equipes terão compromissos difíceis, domingo, na próxima rodada do Inglês. O West Ham vai receber o Manchester United, enquanto o Aston Villa visitará o Arsenal.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Com gol de brasileiro, Lecce bate Torino e deixa zona de rebaixamento do Italiano


16/09/2019 | 18:41


Com um gol marcado pelo atacante brasileiro Diego Farias, o Lecce surpreendeu nesta segunda-feira ao vencer o Torino por 2 a 1, fora de casa, no confronto que fechou a terceira rodada do Campeonato Italiano. Com o triunfo, os visitantes somaram os seus três primeiros pontos na competição e ficaram logo acima da zona de rebaixamento, em 17º lugar.

Diego Farias marcou o gol que abriu o placar do triunfo de seu time nesta segunda, no estádio Olímpico de Turim, aos 35 minutos do primeiro tempo. Na etapa final, Andrea Belotti empatou o jogo cobrando pênalti, aos 13, mas Marco Mancuso balançou as redes para os visitantes aos 28 e garantiu a vitória.

Formado como jogador pelo Campo Grande, do Rio, o jogador brasileiro de 29 anos que deixou a sua marca nesta segunda-feira atua profissionalmente na Itália desde o início de sua carreira profissional. Começou esta trajetória pelo Chievo, em 2009, e depois passou por Verona, Foggia, Nocerina, Padova, Sassuolo, Cagliari e Empoli antes de finalmente ir para o Lecce.

Com o decepcionante resultado, o Torino estacionou nos seis pontos e deixou de ter 100% de aproveitamento no Italiano, no qual ocupa a quarta posição, fechando a zona de classificação para a Liga dos Campeões. A equipe tinha uma boa chance de vencer e se igualar à Inter de Milão, que soma nove pontos no topo da tabela.

No próximo domingo, pela sexta rodada da competição nacional, o Torino vai encarar a Sampdoria fora de casa, enquanto o Lecce atuará como mandante contra o Napoli.

NA INGLATERRA - Em outro duelo disputado nesta segunda-feira em outro torneio doméstico de elite na Europa, com muita correria e pouca técnica, Aston Villa e West Ham empataram, sem gols, no Villa Park, em Birmingham, no jogo que fechou a quinta rodada do Campeonato Inglês.

O resultado foi melhor para o West Ham, que atuou desde os 22 minutos do segundo tempo com um jogador a menos por causa da expulsão de Masuaku. O time de Londres é o oitavo colocado, com oito pontos, sete atrás do líder Liverpool, que soma cinco vitórias consecutivas.

O Aston Villa está na 17ª colocação, com apenas quatro pontos, mesma pontuação do Newcastle, primeiro time na zona de rebaixamento e em 18º por ter saldo de gols pior. A equipe empatou pela primeira vez, após três derrotas e uma vitória em sua campanha.

O jogo foi disputado de forma intensa, com os dois times criando boas jogadas, mas falhando nas finalizações. Um lance curioso foi a discussão entre o zagueiro Mings e o atacante El Ghazi, ambos do West Ham, que por pouco não se transformou em uma briga.

O fim do primeiro tempo foi marcado pelo domínio do Aston Villa, que pelo menos em três oportunidades esteve perto de abrir o placar. Após a expulsão de Masuaku, curiosamente, quem se apresentou melhor foi o West Ham.

As duas equipes terão compromissos difíceis, domingo, na próxima rodada do Inglês. O West Ham vai receber o Manchester United, enquanto o Aston Villa visitará o Arsenal.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;