Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 17 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

PT define presidentes de olho em 2020


Raphael Rocha

07/09/2019 | 07:00


O PT organiza amanhã o PED (Processo de Eleição Direta), com objetivo de escolher os próximos presidentes de diretórios municipais. Há encaminhamento de vitória maciça da CNB (Construindo um Novo Brasil), corrente majoritária no petismo, mas muitos estão é de olho na construção do projeto para a eleição de 2020. No Grande ABC, o partido enfrenta seu pior momento. Em 2016, a legenda não elegeu prefeitos – algo inédito até então. Em algumas cidades, como Santo André e Mauá, o PED será o divisor de águas da calmaria pré-escolha do prefeiturável. Militantes que colocam o bloco na rua concordaram com espécie de armistício até o pleito interno. Passado esse processo, a turbulência deve voltar à tona.

Recado
O presidente da Câmara de São Bernardo, Ramon Ramos (PDT), entrou em contato com a coluna para comentar a nota de que seu nome foi especulado pelo ex-prefeito de São Bernardo Luiz Marinho (PT) como vice em sua tentativa de retornar à administração no ano que vem. “Fico honrado em ver meu nome comentado. Posso ser vice de diversos partidos, mas não serei do PT”, cravou o pedetista. Sobre possível saída do PDT – é especulado pelo DEM –, Ramon ressaltou que ainda não foi procurado pelo presidente nacional do partido, Carlos Lupi, para decidir o futuro eleitoral e que o martelo só será batido de fato em abril. “Por enquanto, sigo presidente do diretório constituído do PDT em São Bernardo.”

Polêmica
No PT de Mauá, chamou atenção um material divulgado por apoiadores de Valdenito Almeida, o Carioca, candidato à presidência do partido na eleição de amanhã. A peça, espalhada pelo WhatsApp, mostra o ex-prefeito Oswaldo Dias (PT) como suposto apoiador de Carioca – Oswaldo, na verdade, defende a reeleição de Getúlio Júnior, o Juninho. A estratégia foi criticada internamente e chamada de fake news petista.

Tentativa
No PT de Santo André, há quem diga que Dircon Bastos e Aylton Affonso estejam em ofensiva junto a militantes para levar o PED (Processo de Eleição Direta) andreense para o segundo turno. O favorito é Antonio Padre, que aglutinou apoio das principais forças do petismo local. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

PT define presidentes de olho em 2020

Raphael Rocha

07/09/2019 | 07:00


O PT organiza amanhã o PED (Processo de Eleição Direta), com objetivo de escolher os próximos presidentes de diretórios municipais. Há encaminhamento de vitória maciça da CNB (Construindo um Novo Brasil), corrente majoritária no petismo, mas muitos estão é de olho na construção do projeto para a eleição de 2020. No Grande ABC, o partido enfrenta seu pior momento. Em 2016, a legenda não elegeu prefeitos – algo inédito até então. Em algumas cidades, como Santo André e Mauá, o PED será o divisor de águas da calmaria pré-escolha do prefeiturável. Militantes que colocam o bloco na rua concordaram com espécie de armistício até o pleito interno. Passado esse processo, a turbulência deve voltar à tona.

Recado
O presidente da Câmara de São Bernardo, Ramon Ramos (PDT), entrou em contato com a coluna para comentar a nota de que seu nome foi especulado pelo ex-prefeito de São Bernardo Luiz Marinho (PT) como vice em sua tentativa de retornar à administração no ano que vem. “Fico honrado em ver meu nome comentado. Posso ser vice de diversos partidos, mas não serei do PT”, cravou o pedetista. Sobre possível saída do PDT – é especulado pelo DEM –, Ramon ressaltou que ainda não foi procurado pelo presidente nacional do partido, Carlos Lupi, para decidir o futuro eleitoral e que o martelo só será batido de fato em abril. “Por enquanto, sigo presidente do diretório constituído do PDT em São Bernardo.”

Polêmica
No PT de Mauá, chamou atenção um material divulgado por apoiadores de Valdenito Almeida, o Carioca, candidato à presidência do partido na eleição de amanhã. A peça, espalhada pelo WhatsApp, mostra o ex-prefeito Oswaldo Dias (PT) como suposto apoiador de Carioca – Oswaldo, na verdade, defende a reeleição de Getúlio Júnior, o Juninho. A estratégia foi criticada internamente e chamada de fake news petista.

Tentativa
No PT de Santo André, há quem diga que Dircon Bastos e Aylton Affonso estejam em ofensiva junto a militantes para levar o PED (Processo de Eleição Direta) andreense para o segundo turno. O favorito é Antonio Padre, que aglutinou apoio das principais forças do petismo local. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;