Fechar
Publicidade

Sábado, 19 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

PM morre atropelada por ladrão durante perseguição de veículo roubado

Divulgação/PM Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Criminosos foram presos; Sargento Tais Valéria Fanasca Melloni pertencia a equipe do 38º Batalhão


Do Dgabc.com.br

03/09/2019 | 09:18


Atualizada às 17h29

A PM (Policial Militar) Sargento Tais Valéria Fanasca Melloni, do 38º Batalhão, morreu atropelada na manhã desta terça-feira (3), durante tentativa de abordarem de veículo roubado, no Jardim Zaíra, em Mauá. Ela foi socorrida pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e levada para o Hospital Nardini, mas não resistiu aos ferimentos.

Janderson Cardoso, 37 anos, e Douglas Alves dos Santos, 22, que eram perseguidos pela Sargento e seus companheiros foram presos em flagrante e enquadrados por homicídio, roubo e tentativa de roubo.

Segundo BO (Boletim de Ocorrência) registrado no 4º DP (Jardim Zaíra), do município, os criminosos estavam em GM Corsa roubado, quando tentaram roubar um GM Onix e não conseguiram, levando apenas os pertences do proprietário e abandonando o local. No trajeto, abordaram o dono de um Fiat Palio vermelho, que foi escoltado pelo Corsa.

Durante a fuga, foram seguidos por viaturas policiais e tomaram rumos diferentes. Na tentativa de fuga, Cardoso, que conduzia o Palio vermelho, atropelou a Sargento e evadiu-se do local, sendo seguido. No trajeto, entrou na contramão na Av. Almirante Tamandaré e colidiu contra um outro Corsa, subindo no passeio público e batendo o carro, sendo abordado e preso. Condutor do Corsa , Santos abandonou o veículo e fugiu a pé, sendo alcançado pelos Pms e detido.

Com os criminosos, os agentes encontraram um simulacro de pistola, diversos documentos pessoais das vítimas, cartões bancários, três celulares e R$ 690 em espécie.

No Twitter, o Governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB) lamentou o caso. "Meus sentimentos aos familiares e amigos", escreveu.

   

Fotos: Divulgação/PM



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

PM morre atropelada por ladrão durante perseguição de veículo roubado

Criminosos foram presos; Sargento Tais Valéria Fanasca Melloni pertencia a equipe do 38º Batalhão

Do Dgabc.com.br

03/09/2019 | 09:18


Atualizada às 17h29

A PM (Policial Militar) Sargento Tais Valéria Fanasca Melloni, do 38º Batalhão, morreu atropelada na manhã desta terça-feira (3), durante tentativa de abordarem de veículo roubado, no Jardim Zaíra, em Mauá. Ela foi socorrida pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e levada para o Hospital Nardini, mas não resistiu aos ferimentos.

Janderson Cardoso, 37 anos, e Douglas Alves dos Santos, 22, que eram perseguidos pela Sargento e seus companheiros foram presos em flagrante e enquadrados por homicídio, roubo e tentativa de roubo.

Segundo BO (Boletim de Ocorrência) registrado no 4º DP (Jardim Zaíra), do município, os criminosos estavam em GM Corsa roubado, quando tentaram roubar um GM Onix e não conseguiram, levando apenas os pertences do proprietário e abandonando o local. No trajeto, abordaram o dono de um Fiat Palio vermelho, que foi escoltado pelo Corsa.

Durante a fuga, foram seguidos por viaturas policiais e tomaram rumos diferentes. Na tentativa de fuga, Cardoso, que conduzia o Palio vermelho, atropelou a Sargento e evadiu-se do local, sendo seguido. No trajeto, entrou na contramão na Av. Almirante Tamandaré e colidiu contra um outro Corsa, subindo no passeio público e batendo o carro, sendo abordado e preso. Condutor do Corsa , Santos abandonou o veículo e fugiu a pé, sendo alcançado pelos Pms e detido.

Com os criminosos, os agentes encontraram um simulacro de pistola, diversos documentos pessoais das vítimas, cartões bancários, três celulares e R$ 690 em espécie.

No Twitter, o Governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB) lamentou o caso. "Meus sentimentos aos familiares e amigos", escreveu.

   

Fotos: Divulgação/PM

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;