Fechar
Publicidade

Domingo, 17 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Em Curitiba, Athletico-PR derrota o Ceará por 1 a 0 e se reabilita no Brasileirão



31/08/2019 | 21:29


Sem poupar os titulares para o jogo de quarta-feira contra o Grêmio, pela semifinal da Copa do Brasil, o Athletico-PR reencontrou o caminho das vitórias no Campeonato Brasileiro neste sábado ao bater o Ceará por 1 a 0, na Arena da Baixada, em Curitiba, pela 17.ª rodada.

O Athletico-PR vinha de quatro derrotas nos últimos cinco jogos - uma delas por 2 a 0 diante do Grêmio, em Porto Alegre, na partida de ida da semifinal da Copa do Brasil. A vitória coloca o time paranaense na oitava colocação com 25 pontos, dois a menos que o sexto colocado Atlético-MG.

Por outro lado, o Ceará não conseguiu entrar na zona de classificação para a Copa Sul-Americana. Essa foi a terceira derrota seguida do time alvinegro, que estacionou nos 20 pontos e está na 13.ª colocação.

Jogando em casa e precisando da reabilitação para não perder o pelotão da frente de vista, o Athletico-PR começou a partida encurralando o Ceará. Faltava, porém, o time rubro-negro paranaense criar lances de perigo. Aos 23 minutos, Rony passou por Cristovam e bateu para boa defesa do goleiro Diogo Silva.

Em uma de suas poucas subidas, o Ceará quase abriu o placar com Thiago Galhardo, que bateu e o goleiro Santos espalmou pela linha de fundo. Na sequência, cada time reclamou de um pênalti não marcado pelo árbitro gaúcho Leandro Pedro Vuaden.

Quando parecia que o primeiro tempo terminaria empatado, o Athletico-PR abriu o placar aos 49 minutos. O argentino Marco Ruben recebeu de Rony e cruzou rasteiro para dentro da área. Nikão chegou batendo de primeira e Diogo Silva nada pôde fazer.

Logo aos quatro minutos da segunda etapa, Nikão aproveitou falha de Diogo Silva e estufou as redes, mas o árbitro anulou depois de ter sido avisado pelo VAR (árbitro de vídeo) que a bola pegou na mão do atacante.

Do outro lado, em uma falha de Pedro Henrique, Felippe Cardoso recebeu dentro da área e exigiu boa defesa de Santos. O Ceará ia começando a gostar do jogo. Chico cobrou falta e o goleiro atleticano espalmou para longe.

Aproveitando a vantagem no placar, o Athletico-PR valorizou a posse de bola nos minutos finais, sem dar chances para o Ceará buscar o empate.

O Athletico-PR volta a campo no próximo domingo contra o Santos, às 16 horas, no estádio da Vila Belmiro, em Santos, enquanto que o Ceará enfrenta o Corinthians, às 11 horas do sábado, na Arena Corinthians, em São Paulo. Os jogos são válidos pela 18.ª rodada, a penúltima do primeiro turno.

FICHA TÉCNICA

ATHLETICO-PR 1 x 0 CEARÁ

ATHLETICO-PR - Santos; Madson, Pedro Henrique, Bambu e Adriano (Márcio Azevedo); Wellington, Bruno Guimarães e Nikão; Marcelo Cirino (Léo Cittadini), Rony e Marco Ruben (Tonny Anderson). Técnico: Tiago Nunes.

CEARÁ - Diogo Silva; Cristovam, Valdo, Tiago Alves e João Lucas; Fabinho, Pedro Ken (Bergson), Thiago Galhardo (Wescley); Fernando Sobral, Mateus Gonçalves (Chico) e Felippe Cardoso. Técnico: Enderson Moreira.

GOL - Nikão, aos 49 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS - Wellington (Athletico-PR); Chico, Cristovam e Mateus Gonçalves (Ceará).

ÁRBITRO - Leandro Pedro Vuaden (RS).

RENDA - R$ 142.860,00.

PÚBLICO - 10.075 torcedores.

LOCAL - Arena da Baixada, em Curitiba (PR).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Em Curitiba, Athletico-PR derrota o Ceará por 1 a 0 e se reabilita no Brasileirão


31/08/2019 | 21:29


Sem poupar os titulares para o jogo de quarta-feira contra o Grêmio, pela semifinal da Copa do Brasil, o Athletico-PR reencontrou o caminho das vitórias no Campeonato Brasileiro neste sábado ao bater o Ceará por 1 a 0, na Arena da Baixada, em Curitiba, pela 17.ª rodada.

O Athletico-PR vinha de quatro derrotas nos últimos cinco jogos - uma delas por 2 a 0 diante do Grêmio, em Porto Alegre, na partida de ida da semifinal da Copa do Brasil. A vitória coloca o time paranaense na oitava colocação com 25 pontos, dois a menos que o sexto colocado Atlético-MG.

Por outro lado, o Ceará não conseguiu entrar na zona de classificação para a Copa Sul-Americana. Essa foi a terceira derrota seguida do time alvinegro, que estacionou nos 20 pontos e está na 13.ª colocação.

Jogando em casa e precisando da reabilitação para não perder o pelotão da frente de vista, o Athletico-PR começou a partida encurralando o Ceará. Faltava, porém, o time rubro-negro paranaense criar lances de perigo. Aos 23 minutos, Rony passou por Cristovam e bateu para boa defesa do goleiro Diogo Silva.

Em uma de suas poucas subidas, o Ceará quase abriu o placar com Thiago Galhardo, que bateu e o goleiro Santos espalmou pela linha de fundo. Na sequência, cada time reclamou de um pênalti não marcado pelo árbitro gaúcho Leandro Pedro Vuaden.

Quando parecia que o primeiro tempo terminaria empatado, o Athletico-PR abriu o placar aos 49 minutos. O argentino Marco Ruben recebeu de Rony e cruzou rasteiro para dentro da área. Nikão chegou batendo de primeira e Diogo Silva nada pôde fazer.

Logo aos quatro minutos da segunda etapa, Nikão aproveitou falha de Diogo Silva e estufou as redes, mas o árbitro anulou depois de ter sido avisado pelo VAR (árbitro de vídeo) que a bola pegou na mão do atacante.

Do outro lado, em uma falha de Pedro Henrique, Felippe Cardoso recebeu dentro da área e exigiu boa defesa de Santos. O Ceará ia começando a gostar do jogo. Chico cobrou falta e o goleiro atleticano espalmou para longe.

Aproveitando a vantagem no placar, o Athletico-PR valorizou a posse de bola nos minutos finais, sem dar chances para o Ceará buscar o empate.

O Athletico-PR volta a campo no próximo domingo contra o Santos, às 16 horas, no estádio da Vila Belmiro, em Santos, enquanto que o Ceará enfrenta o Corinthians, às 11 horas do sábado, na Arena Corinthians, em São Paulo. Os jogos são válidos pela 18.ª rodada, a penúltima do primeiro turno.

FICHA TÉCNICA

ATHLETICO-PR 1 x 0 CEARÁ

ATHLETICO-PR - Santos; Madson, Pedro Henrique, Bambu e Adriano (Márcio Azevedo); Wellington, Bruno Guimarães e Nikão; Marcelo Cirino (Léo Cittadini), Rony e Marco Ruben (Tonny Anderson). Técnico: Tiago Nunes.

CEARÁ - Diogo Silva; Cristovam, Valdo, Tiago Alves e João Lucas; Fabinho, Pedro Ken (Bergson), Thiago Galhardo (Wescley); Fernando Sobral, Mateus Gonçalves (Chico) e Felippe Cardoso. Técnico: Enderson Moreira.

GOL - Nikão, aos 49 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS - Wellington (Athletico-PR); Chico, Cristovam e Mateus Gonçalves (Ceará).

ÁRBITRO - Leandro Pedro Vuaden (RS).

RENDA - R$ 142.860,00.

PÚBLICO - 10.075 torcedores.

LOCAL - Arena da Baixada, em Curitiba (PR).

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;