Fechar
Publicidade

Domingo, 15 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Polêmicas com o VAR


Márcio Bernardes

23/08/2019 | 18:48


 Quando se esperava a solução de todos os problemas de arbitragem no futebol, eis que o VAR transforma certezas em grandes dúvidas. E há ainda quem não concorde com a tecnologia. Muitos torcedores, são muitos mesmo! afirmam que a beleza da polêmica acabou com os lances discutíveis. Não se fala mais dos lances e sim dos erros grotescos do VAR

As estatísticas que estão sendo divulgadas não correspondem a realidade. São fake News. Desconfio que os poderosos interessados em afastar discussões sobre os erros do VAR andam espalhando números e porcentagens que não são reais. Estou falando sobre o tempo de decisão aplicado na Copa da Rússia; 1 minuto e 30 segundos não é nem de longe o mesmo tempo perdido pela arbitragem brasileira para decidir os lances. Aqui a demora é irritante e deixa a dúvida que jogadas e decisões podem ser manipuladas.

A primeira coisa que a CBF precisa acabar é com aquele monte de gente palpitando na sala de tecnologia. São quatro, cinco pessoas influenciando na decisão do árbitro central. Este, por sua vez, lava as mãos como Pilatos e decide lances escorado nas imagens que lhe mostram, muitas vezes imprecisas e de um ângulo duvidoso. Sem contar os palpites verbais.

A partir de agora, enquanto os árbitros discutem a validade da jogada, as imagens serão compartilhadas com os telespectadores. Para quem está no estádio somente no final do jogo as cenas serão liberadas no telão.

A CBF precisa entender que as decisões tem de ser rápidas. Rapidíssimas. O torcedor está perdendo a paciência. E o VAR não pode perder a sua importância de transformar em acertos os erros da arbitragem que muitas vezes são grotescos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Polêmicas com o VAR

Márcio Bernardes

23/08/2019 | 18:48


 Quando se esperava a solução de todos os problemas de arbitragem no futebol, eis que o VAR transforma certezas em grandes dúvidas. E há ainda quem não concorde com a tecnologia. Muitos torcedores, são muitos mesmo! afirmam que a beleza da polêmica acabou com os lances discutíveis. Não se fala mais dos lances e sim dos erros grotescos do VAR

As estatísticas que estão sendo divulgadas não correspondem a realidade. São fake News. Desconfio que os poderosos interessados em afastar discussões sobre os erros do VAR andam espalhando números e porcentagens que não são reais. Estou falando sobre o tempo de decisão aplicado na Copa da Rússia; 1 minuto e 30 segundos não é nem de longe o mesmo tempo perdido pela arbitragem brasileira para decidir os lances. Aqui a demora é irritante e deixa a dúvida que jogadas e decisões podem ser manipuladas.

A primeira coisa que a CBF precisa acabar é com aquele monte de gente palpitando na sala de tecnologia. São quatro, cinco pessoas influenciando na decisão do árbitro central. Este, por sua vez, lava as mãos como Pilatos e decide lances escorado nas imagens que lhe mostram, muitas vezes imprecisas e de um ângulo duvidoso. Sem contar os palpites verbais.

A partir de agora, enquanto os árbitros discutem a validade da jogada, as imagens serão compartilhadas com os telespectadores. Para quem está no estádio somente no final do jogo as cenas serão liberadas no telão.

A CBF precisa entender que as decisões tem de ser rápidas. Rapidíssimas. O torcedor está perdendo a paciência. E o VAR não pode perder a sua importância de transformar em acertos os erros da arbitragem que muitas vezes são grotescos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;