Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 22 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Sequestrador ameaça colocar fogo em ônibus, Ponte Rio-Niterói segue interditada

Reprodução Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

De acordo com a Polícia Militar, 16 pessoas continuam no veículo; 6 reféns foram liberados



20/08/2019 | 08:09


Um homem armado faz passageiros de um ônibus da Viação Galo Branco de reféns na ponte Rio-Niterói por volta das 5h30 da manhã desta terça-feira, 20, de acordo com a Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro. As pistas em ambos os sentidos estão totalmente interditadas.

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF), da Polícia Militar, do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e dos Bombeiros cercam o veículo que está parado na altura do Vão Central. Viaturas do Corpo de Bombeiros chegaram ao local por volta das 7h10.

Em entrevista à GloboNews, a porta-voz da PRF, Sheila Sena, afirmou que cinco reféns já foram liberados, sendo três mulheres e dois homens, e 18 seguem dentro do veículo. Um policial está negociando as demais liberações com o sequestrador, que, segundo ela, está ameaçando colocar fogo no veículo.

O homem, que se identificou como policial militar para entrar no ônibus, não fez nenhuma demanda específica para liberar os reféns, de acordo com a porta-voz.

A linha de ônibus 2520D da Viação Galo Branco saiu do Jardim Alcântara, em São Gonçalo, em direção a Estácio, na região central do Rio.

Segundo o Centro de Operações da Prefeitura do Rio, a Ponte Rio-Niterói está totalmente interditada nos dois sentidos.

No Facebook, o Centro pediu para que os passageiros que chegam de Niterói utilizem o serviço de barcas para fazer a travessia.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sequestrador ameaça colocar fogo em ônibus, Ponte Rio-Niterói segue interditada

De acordo com a Polícia Militar, 16 pessoas continuam no veículo; 6 reféns foram liberados


20/08/2019 | 08:09


Um homem armado faz passageiros de um ônibus da Viação Galo Branco de reféns na ponte Rio-Niterói por volta das 5h30 da manhã desta terça-feira, 20, de acordo com a Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro. As pistas em ambos os sentidos estão totalmente interditadas.

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF), da Polícia Militar, do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e dos Bombeiros cercam o veículo que está parado na altura do Vão Central. Viaturas do Corpo de Bombeiros chegaram ao local por volta das 7h10.

Em entrevista à GloboNews, a porta-voz da PRF, Sheila Sena, afirmou que cinco reféns já foram liberados, sendo três mulheres e dois homens, e 18 seguem dentro do veículo. Um policial está negociando as demais liberações com o sequestrador, que, segundo ela, está ameaçando colocar fogo no veículo.

O homem, que se identificou como policial militar para entrar no ônibus, não fez nenhuma demanda específica para liberar os reféns, de acordo com a porta-voz.

A linha de ônibus 2520D da Viação Galo Branco saiu do Jardim Alcântara, em São Gonçalo, em direção a Estácio, na região central do Rio.

Segundo o Centro de Operações da Prefeitura do Rio, a Ponte Rio-Niterói está totalmente interditada nos dois sentidos.

No Facebook, o Centro pediu para que os passageiros que chegam de Niterói utilizem o serviço de barcas para fazer a travessia.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;