Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 20 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

R. Unido: documentos vazados alertam para problemas em Brexit sem acordo



18/08/2019 | 08:56


Documentos vazados do governo britânico alertaram para problemas em todo o país caso o Reino Unido deixe a União Europeia sem um acordo comercial com o bloco em 31 de outubro. O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, disse estar preparado para sair da UE, independentemente de ser capaz de renegociar o acordo Brexit firmado com Bruxelas por sua antecessora, Theresa May, nas próximas dez semanas.

O Sunday Times publicou o que afirma serem memorandos confidenciais do governo descrevendo as consequências de desconsiderar o acordo costurado por May. Os documentos alertam que uma súbita saída britânica poderia levar a uma diminuição na oferta de alimentos frescos, além de interrupções "significativas" no fornecimento de medicamentos que podem durar até seis meses. O Gabinete do Governo do Reino Unido não respondeu imediatamente a um pedido de comentário. Fonte: Associated Press.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

R. Unido: documentos vazados alertam para problemas em Brexit sem acordo


18/08/2019 | 08:56


Documentos vazados do governo britânico alertaram para problemas em todo o país caso o Reino Unido deixe a União Europeia sem um acordo comercial com o bloco em 31 de outubro. O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, disse estar preparado para sair da UE, independentemente de ser capaz de renegociar o acordo Brexit firmado com Bruxelas por sua antecessora, Theresa May, nas próximas dez semanas.

O Sunday Times publicou o que afirma serem memorandos confidenciais do governo descrevendo as consequências de desconsiderar o acordo costurado por May. Os documentos alertam que uma súbita saída britânica poderia levar a uma diminuição na oferta de alimentos frescos, além de interrupções "significativas" no fornecimento de medicamentos que podem durar até seis meses. O Gabinete do Governo do Reino Unido não respondeu imediatamente a um pedido de comentário. Fonte: Associated Press.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;