Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 21 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Prefeituras avançam em planos de obras para saneamento

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Paulo Serra anuncia investimento na rede; Auricchio fez tratativas para acordo com a CAF


Fábio Martins
Do Diário do Grande ABC

15/08/2019 | 07:00


As prefeituras de Santo André e São Caetano, chefiadas por Paulo Serra e José Auricchio Júnior (ambos do PSDB), respectivamente, deram avanço ontem a tratativas para concretizar plano de obras na área de saneamento. O tucano andreense visitou a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) para acertar detalhes do anúncio hoje de investimentos na cidade, enquanto o correligionário viajou a Brasília para prosseguimento do pedido de financiamento requerido junto à CAF (Corporação Andina de Fomento), banco de desenvolvimento da América Latina.

Paulo Serra divulga ao lado de integrantes da Sabesp, na sede do Paço, cronograma do início das intervenções para melhoria da rede de abastecimento, que visam colocar fim à falta de água em algumas regiões e ampliar a distribuição. Para essas obras, segundo a estatal, serão investidos R$ 21 milhões nesta primeira fase, beneficiando 400 mil moradores. No total, o acordo envolve quase R$ 1 bilhão. O tucano assinou no dia 31 de julho contrato de concessão dos serviços de água e esgoto. Em troca, o abatimento gradual da dívida de R$ 3,4 bilhões.

Antes do encontro, durante o caminho à Sabesp, na Capital, o prefeito andreense gravou vídeo em que adianta que fará coletiva de imprensa para anunciar começo de obras de infraestrutura e a recuperação da capacidade de investimento. A empresa promete findar o problema de intermitência no abastecimento até o verão.

Auricchio teve duas reuniões em Brasília. A primeira com técnicos da Secretaria de Assuntos Econômicos Internacionais, do Ministério da Economia, para tratar da pauta do empréstimo pleiteado na CAF no valor de US$ 50 milhões (o equivalente a R$ 199,7 milhões na última cotação), que passa por análise da Cofiex (Comissão de Financiamentos Externos) – a Prefeitura entra com compensação de US$ 12,5 milhões. “A expectativa prévia é que a audiência de avaliação aconteça em 19 de setembro. Há previsão de que missão da delegação na cidade possa se dar na sequência, na primeira quinzena de outubro”, afirmou o prefeito.

O segundo encontro ocorreu no escritório da própria CAF. A solicitação envolve obras de saneamento, como substituição da rede de água, drenagem, com a construção de galerias e reservatórios, e Mobilidade Urbana (ciclovia e novo terminal rodoviário). 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Prefeituras avançam em planos de obras para saneamento

Paulo Serra anuncia investimento na rede; Auricchio fez tratativas para acordo com a CAF

Fábio Martins
Do Diário do Grande ABC

15/08/2019 | 07:00


As prefeituras de Santo André e São Caetano, chefiadas por Paulo Serra e José Auricchio Júnior (ambos do PSDB), respectivamente, deram avanço ontem a tratativas para concretizar plano de obras na área de saneamento. O tucano andreense visitou a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) para acertar detalhes do anúncio hoje de investimentos na cidade, enquanto o correligionário viajou a Brasília para prosseguimento do pedido de financiamento requerido junto à CAF (Corporação Andina de Fomento), banco de desenvolvimento da América Latina.

Paulo Serra divulga ao lado de integrantes da Sabesp, na sede do Paço, cronograma do início das intervenções para melhoria da rede de abastecimento, que visam colocar fim à falta de água em algumas regiões e ampliar a distribuição. Para essas obras, segundo a estatal, serão investidos R$ 21 milhões nesta primeira fase, beneficiando 400 mil moradores. No total, o acordo envolve quase R$ 1 bilhão. O tucano assinou no dia 31 de julho contrato de concessão dos serviços de água e esgoto. Em troca, o abatimento gradual da dívida de R$ 3,4 bilhões.

Antes do encontro, durante o caminho à Sabesp, na Capital, o prefeito andreense gravou vídeo em que adianta que fará coletiva de imprensa para anunciar começo de obras de infraestrutura e a recuperação da capacidade de investimento. A empresa promete findar o problema de intermitência no abastecimento até o verão.

Auricchio teve duas reuniões em Brasília. A primeira com técnicos da Secretaria de Assuntos Econômicos Internacionais, do Ministério da Economia, para tratar da pauta do empréstimo pleiteado na CAF no valor de US$ 50 milhões (o equivalente a R$ 199,7 milhões na última cotação), que passa por análise da Cofiex (Comissão de Financiamentos Externos) – a Prefeitura entra com compensação de US$ 12,5 milhões. “A expectativa prévia é que a audiência de avaliação aconteça em 19 de setembro. Há previsão de que missão da delegação na cidade possa se dar na sequência, na primeira quinzena de outubro”, afirmou o prefeito.

O segundo encontro ocorreu no escritório da própria CAF. A solicitação envolve obras de saneamento, como substituição da rede de água, drenagem, com a construção de galerias e reservatórios, e Mobilidade Urbana (ciclovia e novo terminal rodoviário). 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;