Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 18 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Aprenda a dizer 'não'


Robert Half

13/08/2019 | 07:50


Imagine a seguinte situação: você está com muitas atividades para concluir, trabalhando em uma equipe bastante enxuta e, de repente, aparece alguém com mais demandas sobre a sua mesa. A cena lhe parece familiar? Pois é, em tempos de fazer mais com menos, muitos profissionais se veem nessa situação. Mas saiba que nem sempre é preciso acatar os pedidos de imediato. Veja algumas sugestões sobre como proceder.

1 – No lugar de dizer ‘não’, tente negociar
Para se sentir mais confortável, comece entendendo que um ‘não’ nem sempre significa negação definitiva. Ele pode ser o início de uma negociação. Questione os prazos e explique quais projetos estão em andamento sob a sua responsabilidade. Então, pergunte à pessoa sobre a possibilidade de atender a demanda em outro momento.

2 – Tenha atenção para não acumular tarefas
Se pensar em cair na tentação de dizer ‘sim’ apenas para parecer um bom profissional, procure antes ter certeza de que a nova demanda não vai resultar no atraso de entregas importantes ou conflito de prazos.

3 – Dizer ‘sim’ não é garantia de boa reputação
Bom profissional não é aquele que diz ‘sim’ o tempo todo. O valor está naquele que honra com seus compromissos, executa o trabalho com qualidade, estabelece prioridades e sabe dizer ‘não’ quando é necessário.

4 – Ponto de atenção ao dizer ‘não’
Com bom-senso e argumentos sólidos, o ‘não’ pode ser dito a gestores, pares ou subordinados. Apenas tenha atenção ao seguinte conselho: para dizer ‘não’ é preciso que você dê exemplo, evitando pedidos de última hora e respeitando planejamento das atividades dos demais profissionais.

5 – Grande risco ao acumular tarefas
Profissionais que acumulam atividades sem critério raramente têm tempo para se desenvolver na carreira e assumir novos desafios, correndo sérios riscos de estacionar na profissão e virar apenas ‘especialista em resolver problemas urgentes’. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Aprenda a dizer 'não'

Robert Half

13/08/2019 | 07:50


Imagine a seguinte situação: você está com muitas atividades para concluir, trabalhando em uma equipe bastante enxuta e, de repente, aparece alguém com mais demandas sobre a sua mesa. A cena lhe parece familiar? Pois é, em tempos de fazer mais com menos, muitos profissionais se veem nessa situação. Mas saiba que nem sempre é preciso acatar os pedidos de imediato. Veja algumas sugestões sobre como proceder.

1 – No lugar de dizer ‘não’, tente negociar
Para se sentir mais confortável, comece entendendo que um ‘não’ nem sempre significa negação definitiva. Ele pode ser o início de uma negociação. Questione os prazos e explique quais projetos estão em andamento sob a sua responsabilidade. Então, pergunte à pessoa sobre a possibilidade de atender a demanda em outro momento.

2 – Tenha atenção para não acumular tarefas
Se pensar em cair na tentação de dizer ‘sim’ apenas para parecer um bom profissional, procure antes ter certeza de que a nova demanda não vai resultar no atraso de entregas importantes ou conflito de prazos.

3 – Dizer ‘sim’ não é garantia de boa reputação
Bom profissional não é aquele que diz ‘sim’ o tempo todo. O valor está naquele que honra com seus compromissos, executa o trabalho com qualidade, estabelece prioridades e sabe dizer ‘não’ quando é necessário.

4 – Ponto de atenção ao dizer ‘não’
Com bom-senso e argumentos sólidos, o ‘não’ pode ser dito a gestores, pares ou subordinados. Apenas tenha atenção ao seguinte conselho: para dizer ‘não’ é preciso que você dê exemplo, evitando pedidos de última hora e respeitando planejamento das atividades dos demais profissionais.

5 – Grande risco ao acumular tarefas
Profissionais que acumulam atividades sem critério raramente têm tempo para se desenvolver na carreira e assumir novos desafios, correndo sérios riscos de estacionar na profissão e virar apenas ‘especialista em resolver problemas urgentes’. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;