Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 23 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

dmais@dgabc.com.br | 4435-8396

'Super Mario Maker 2' amplia possibilidades de montagem de fases

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Luís Felipe Soares
Do Diário do Grande ABC

28/07/2019 | 07:51


As possibilidades do público criar suas próprias fases para as aventuras de Mario foram ampliadas de todas as formas possíveis. Com novas ferramentas disponibilizadas e prontas para deixar as cenas e desafios ainda mais completos, Super Mario Maker 2 (Nintendo) tem tudo para superar a inventidade trazida por seu antecessor há quatro anos. O máximo possível – até de então – de elementos está pronto para ser usado conforme o limite da criatividade de cada jogador.

Para quem não está familiarizado com a ideia por trás da série, trata-se de game no qual você é capaz de montar os capítulos a serem trilhados pelo famoso personagem de bigode sem que elas já venham produzidas no cartucho. Itens como blocos, moedas, obstáculos, passagens secretas e inimigos ficam à disposição, assim como os temas (floresta, água ou deserto, por exemplo) e o estilo dos gráficos, este último abrindo espaço para design mostrado em títulos como Super Mario Bros. (1985) e Super Mario World (1990). A novidade fica por conta da pegada tridimensional de Super Mario 3D World (2013).

Pequenos avanços gráficos presentes no Nintendo Switch são notórios, mas nada que seja realmente relevante. Quem se acostumou no jogo anterior com a dinâmica de elaboração das fases com a ajuda da caneta intuitiva, pode sentir certa dificuldade e a dinâmica está um pouco diferente, sendo necessário fuçar bastante cada item. Combinações das mais inusitadas podem e devem ser feitas para deixar a brincadeira mais interessante. Jogar as etapas projetadas por si mesmo é divertido, mas o grande lance da série ainda é fazer com que o público compartilhe suas invenções on-line e haja troca de desafios por todo o mundo.

Destaque para a presença do inédito modo história em Super Mario Maker 2. Nele, Undo Dog pressiona botão que reinicia a história do castelo da Peach e o destrói, com Mario tendo a missão de reconstruir o local. Os reparos são feitos a partir do acúmulo de moedas a serem coletadas em série de fases que não estariam na saga oficial do personagem por serem malucas demais. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

'Super Mario Maker 2' amplia possibilidades de montagem de fases

Luís Felipe Soares
Do Diário do Grande ABC

28/07/2019 | 07:51


As possibilidades do público criar suas próprias fases para as aventuras de Mario foram ampliadas de todas as formas possíveis. Com novas ferramentas disponibilizadas e prontas para deixar as cenas e desafios ainda mais completos, Super Mario Maker 2 (Nintendo) tem tudo para superar a inventidade trazida por seu antecessor há quatro anos. O máximo possível – até de então – de elementos está pronto para ser usado conforme o limite da criatividade de cada jogador.

Para quem não está familiarizado com a ideia por trás da série, trata-se de game no qual você é capaz de montar os capítulos a serem trilhados pelo famoso personagem de bigode sem que elas já venham produzidas no cartucho. Itens como blocos, moedas, obstáculos, passagens secretas e inimigos ficam à disposição, assim como os temas (floresta, água ou deserto, por exemplo) e o estilo dos gráficos, este último abrindo espaço para design mostrado em títulos como Super Mario Bros. (1985) e Super Mario World (1990). A novidade fica por conta da pegada tridimensional de Super Mario 3D World (2013).

Pequenos avanços gráficos presentes no Nintendo Switch são notórios, mas nada que seja realmente relevante. Quem se acostumou no jogo anterior com a dinâmica de elaboração das fases com a ajuda da caneta intuitiva, pode sentir certa dificuldade e a dinâmica está um pouco diferente, sendo necessário fuçar bastante cada item. Combinações das mais inusitadas podem e devem ser feitas para deixar a brincadeira mais interessante. Jogar as etapas projetadas por si mesmo é divertido, mas o grande lance da série ainda é fazer com que o público compartilhe suas invenções on-line e haja troca de desafios por todo o mundo.

Destaque para a presença do inédito modo história em Super Mario Maker 2. Nele, Undo Dog pressiona botão que reinicia a história do castelo da Peach e o destrói, com Mario tendo a missão de reconstruir o local. Os reparos são feitos a partir do acúmulo de moedas a serem coletadas em série de fases que não estariam na saga oficial do personagem por serem malucas demais. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;