Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 22 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Garagem de ônibus pega fogo em Santo André

Bia Moço/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Cinco viaturas foram enviadas ao local, que fica na Avenida Firestone; dois veículos foram atingidos


Do Dgabc.com.br

24/07/2019 | 14:00


Atualizada às 14h

Dois ônibus antigos pegaram fogo, na noite desta terça-feira (23), na avenida Firestone, 1.000, no Casa Branca, em Santo André. Cinco viaturas dos Bombeiros foram enviadas ao local, que é uma garagem de ônibus, chamada BTL Turismo.

A causa do incêndio ainda não foi concluída. A investigação aguarda laudo da perícia, que deve sair nos próximos dias. A princpípio, a preliminar constatou que não houve pane elétrica na garagem ou bateria dos veículos. O caso foi registrado no 1º DP (Centro).

De acordo com a polícia, os dois veículos incendiados pertencem ao colecionador Valter Francisco da Costa, 55 anos, que informou que abriga os ônibus no local "há algum tempo", entretanto, não tem contrapartida do espaço. Costa mantinha as "relíquias" guardadas, sendo um Monobloco O-360, ano 1991, e um Buscar Jum Buss 360, do mesmo ano. Os veículos rodoviários eram usados para exposições e alugueis.

Já o dono da garagem, José Roberto Totti Dias, proprietário do terreno e da transportadora, informou que não possui seguro do local.

Além dos dois ônibus atingidos, o espaço abrigava mais um modelo (Irizar PB) que foi danificado pelas chamar, e outros carros, todos pertencentes a BTL. Ao analisarem os veículos, a polícia constatou que uma unidade tinha registro de roubo no dia 10 de janeiro. O veículo, entretanto, pertence a Dias -- embora não tenha registro no nome do proprietário -- e, segundo ele, após deixar o carro com mecânico de sua confiança, o encontrou estacionada na rua, em frente ao local. Por segurança, guinchou e levou até seu estacionamento.

O mecânico confirmou a história. Ele informou a polícia que ao notar a ausência do carro realizou registro de ocorrência e, posteriormente, soube que Dias havia levado a propriedade. 

Por falta de documentação o  veículo foi apreendido pela polícia e encaminhado ao pátio municipal. O local deverá permanecer fechado até o fim da investigação.

Diário não obteve retorno do dono do espaço.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Garagem de ônibus pega fogo em Santo André

Cinco viaturas foram enviadas ao local, que fica na Avenida Firestone; dois veículos foram atingidos

Do Dgabc.com.br

24/07/2019 | 14:00


Atualizada às 14h

Dois ônibus antigos pegaram fogo, na noite desta terça-feira (23), na avenida Firestone, 1.000, no Casa Branca, em Santo André. Cinco viaturas dos Bombeiros foram enviadas ao local, que é uma garagem de ônibus, chamada BTL Turismo.

A causa do incêndio ainda não foi concluída. A investigação aguarda laudo da perícia, que deve sair nos próximos dias. A princpípio, a preliminar constatou que não houve pane elétrica na garagem ou bateria dos veículos. O caso foi registrado no 1º DP (Centro).

De acordo com a polícia, os dois veículos incendiados pertencem ao colecionador Valter Francisco da Costa, 55 anos, que informou que abriga os ônibus no local "há algum tempo", entretanto, não tem contrapartida do espaço. Costa mantinha as "relíquias" guardadas, sendo um Monobloco O-360, ano 1991, e um Buscar Jum Buss 360, do mesmo ano. Os veículos rodoviários eram usados para exposições e alugueis.

Já o dono da garagem, José Roberto Totti Dias, proprietário do terreno e da transportadora, informou que não possui seguro do local.

Além dos dois ônibus atingidos, o espaço abrigava mais um modelo (Irizar PB) que foi danificado pelas chamar, e outros carros, todos pertencentes a BTL. Ao analisarem os veículos, a polícia constatou que uma unidade tinha registro de roubo no dia 10 de janeiro. O veículo, entretanto, pertence a Dias -- embora não tenha registro no nome do proprietário -- e, segundo ele, após deixar o carro com mecânico de sua confiança, o encontrou estacionada na rua, em frente ao local. Por segurança, guinchou e levou até seu estacionamento.

O mecânico confirmou a história. Ele informou a polícia que ao notar a ausência do carro realizou registro de ocorrência e, posteriormente, soube que Dias havia levado a propriedade. 

Por falta de documentação o  veículo foi apreendido pela polícia e encaminhado ao pátio municipal. O local deverá permanecer fechado até o fim da investigação.

Diário não obteve retorno do dono do espaço.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;