Fechar
Publicidade

Sábado, 24 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Direção do Internacional estende contrato de Edenilson até dezembro de 2022



22/07/2019 | 16:08


Em meio à disputa de três competições - Copa Libertadores, Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil -, a direção do Internacional está de olho para não perder os seus principais jogadores. Nesta segunda-feira, o clube colorado anunciou a prorrogação do contrato do volante Edenilson, que terminaria em junho de 2021, para dezembro de 2022.

Natural de Porto Alegre, o atleta já soma 115 jogos e nove gols com a camisa do Internacional. Considerado peça fundamental do esquema do técnico Odair Hellmann, Edenilson, que chegou ao clube em 2017, foi alvo de times do exterior durante a janela de transferências internacionais.

O Al-Hilal, da Arábia Saudita, fez duas propostas por Edenilson, mas elas foram rejeitadas pela diretoria do Internacional, que priorizou a permanência do jogador para brigar por títulos em 2019. Com 28 jogos nesta temporada, é o terceiro atleta que mais atuou com a camisa do Internacional neste ano e soma três gols marcados.

Nesta segunda-feira, antes de assinar a extensão de seu contrato, Edenilson esteve em campo no único treinamento antes da viagem para Montevidéu, onde o Internacional enfrentará o Nacional, nesta quarta, pela rodada de ida das oitavas de final da Libertadores. Na atividade, que teve uma parte fechada e outra aberta à imprensa, o goleiro Marcelo Lomba e o lateral-direito Zeca trabalharam normalmente. Porém, somente o primeiro viajou.

A tendência é que o Internacional atue com: Marcelo Lomba; Bruno, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta e Uendel; Rodrigo Lindoso; Nico López, Edenílson, D'Alessandro e Patrick; Paolo Guerrero.

"Queremos (marcar fora), mas, o mais importante, é não tomar gols. Copa Libertadores é assim e o grupo sabe muito bem disso", ressaltou Guerrero, em entrevista no embarque da delegação do Internacional, no Aeroporto Salgado Filho, para Montevidéu.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Direção do Internacional estende contrato de Edenilson até dezembro de 2022


22/07/2019 | 16:08


Em meio à disputa de três competições - Copa Libertadores, Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil -, a direção do Internacional está de olho para não perder os seus principais jogadores. Nesta segunda-feira, o clube colorado anunciou a prorrogação do contrato do volante Edenilson, que terminaria em junho de 2021, para dezembro de 2022.

Natural de Porto Alegre, o atleta já soma 115 jogos e nove gols com a camisa do Internacional. Considerado peça fundamental do esquema do técnico Odair Hellmann, Edenilson, que chegou ao clube em 2017, foi alvo de times do exterior durante a janela de transferências internacionais.

O Al-Hilal, da Arábia Saudita, fez duas propostas por Edenilson, mas elas foram rejeitadas pela diretoria do Internacional, que priorizou a permanência do jogador para brigar por títulos em 2019. Com 28 jogos nesta temporada, é o terceiro atleta que mais atuou com a camisa do Internacional neste ano e soma três gols marcados.

Nesta segunda-feira, antes de assinar a extensão de seu contrato, Edenilson esteve em campo no único treinamento antes da viagem para Montevidéu, onde o Internacional enfrentará o Nacional, nesta quarta, pela rodada de ida das oitavas de final da Libertadores. Na atividade, que teve uma parte fechada e outra aberta à imprensa, o goleiro Marcelo Lomba e o lateral-direito Zeca trabalharam normalmente. Porém, somente o primeiro viajou.

A tendência é que o Internacional atue com: Marcelo Lomba; Bruno, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta e Uendel; Rodrigo Lindoso; Nico López, Edenílson, D'Alessandro e Patrick; Paolo Guerrero.

"Queremos (marcar fora), mas, o mais importante, é não tomar gols. Copa Libertadores é assim e o grupo sabe muito bem disso", ressaltou Guerrero, em entrevista no embarque da delegação do Internacional, no Aeroporto Salgado Filho, para Montevidéu.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;