Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 19 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Mike Pompeo diz que México fez "progressos significativos" na questão migratória



21/07/2019 | 17:07


Secretário de Estado americano, Mike Pompeo reconheceu que o México fez "progressos significativos" na questão migratória. A declaração foi dada em meio a um encontro com o chanceler mexicano, Marcelo Ebrard.

O acordo de conter a imigração ilegal na fronteira que separa os Estados Unidos e o México veio após o presidente americano, Donald Trump, ameaçar a aplicação de tarifas sobre o país vizinho, caso medidas de controle não fossem tomadas.

As autoridades mexicanas dizem que aumentaram a fiscalização em suas fronteiras e as deportações. O México também está permitindo que os requerentes de asilo nos EUA aguardem suas audiências no país.

Ebard afirmou a jornalistas que, no encontro, pediu ajuda a Pompeo no combate ao tráfico de armas dos EUA para o México.

Além disso, o chanceler mexicano sugeriu os dois países devem trabalhar juntos para recuperar os ativos do traficante Joaquin "El Chapo" Guzmanm, condenado à prisão perpétua.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mike Pompeo diz que México fez "progressos significativos" na questão migratória


21/07/2019 | 17:07


Secretário de Estado americano, Mike Pompeo reconheceu que o México fez "progressos significativos" na questão migratória. A declaração foi dada em meio a um encontro com o chanceler mexicano, Marcelo Ebrard.

O acordo de conter a imigração ilegal na fronteira que separa os Estados Unidos e o México veio após o presidente americano, Donald Trump, ameaçar a aplicação de tarifas sobre o país vizinho, caso medidas de controle não fossem tomadas.

As autoridades mexicanas dizem que aumentaram a fiscalização em suas fronteiras e as deportações. O México também está permitindo que os requerentes de asilo nos EUA aguardem suas audiências no país.

Ebard afirmou a jornalistas que, no encontro, pediu ajuda a Pompeo no combate ao tráfico de armas dos EUA para o México.

Além disso, o chanceler mexicano sugeriu os dois países devem trabalhar juntos para recuperar os ativos do traficante Joaquin "El Chapo" Guzmanm, condenado à prisão perpétua.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;