Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 17 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Alcolumbre: Congresso está conciliado com vontade do povo que elegeu Bolsonaro



18/07/2019 | 19:21


O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), afirmou nesta quinta-feira, 18, que a Nova Previdência é "importantíssima" para ajustar as contas públicas. Durante cerimônia de celebração dos 200 dias do governo Jair Bolsonaro, Alcolumbre fez um agradecimento aos deputados por terem aprovado o texto-base da reforma em primeiro turno na Câmara.

Segundo Alcolumbre, o Congresso está "conciliado com a vontade do povo que elegeu Bolsonaro". Ele também fez acenos ao presidente, dizendo que não tem dúvidas de que Bolsonaro "busca mais acertar do que errar".

"Só o fortalecimento das instituições, do Poder Judiciário, Legislativo e Executivo. Só assim poderemos dizer que vivemos em democracia consolidada e que estamos cumprindo esse papel. Parlamento estará à disposição para ajudar a construir esse País. Minha missão aqui hoje é estender a mão para o Executivo", discursou Alcolumbre.

Ele defendeu que a população "necessita desse caminho e dessa construção para o Brasil que Bolsonaro busca e nós queremos". "A votação da Reforma da Previdência é esse sinal. Um abraço deputados, eu agradeço", disse. "Fiz questão de estar aqui porque é uma data importante para um governo que constrói e que busca todos os dias acertar", elogiou.

Brincadeira

Na cerimônia, o presidente Jair Bolsonaro ironizou a cor da gravata do presidente do Senado. "Apesar da gravata rosa, ele (Alcolumbre) ainda é meu amigo", disse rindo. Em seguida, a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, "agradeceu" Alcolumbre por usar uma gravata "em sua homenagem".

Em janeiro, a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, se envolveu em polêmica ao dizer que "menino veste azul e menina veste rosa". Posteriormente, ela afirmou que a declaração era uma metáfora contra a ideologia de gênero.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Alcolumbre: Congresso está conciliado com vontade do povo que elegeu Bolsonaro


18/07/2019 | 19:21


O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), afirmou nesta quinta-feira, 18, que a Nova Previdência é "importantíssima" para ajustar as contas públicas. Durante cerimônia de celebração dos 200 dias do governo Jair Bolsonaro, Alcolumbre fez um agradecimento aos deputados por terem aprovado o texto-base da reforma em primeiro turno na Câmara.

Segundo Alcolumbre, o Congresso está "conciliado com a vontade do povo que elegeu Bolsonaro". Ele também fez acenos ao presidente, dizendo que não tem dúvidas de que Bolsonaro "busca mais acertar do que errar".

"Só o fortalecimento das instituições, do Poder Judiciário, Legislativo e Executivo. Só assim poderemos dizer que vivemos em democracia consolidada e que estamos cumprindo esse papel. Parlamento estará à disposição para ajudar a construir esse País. Minha missão aqui hoje é estender a mão para o Executivo", discursou Alcolumbre.

Ele defendeu que a população "necessita desse caminho e dessa construção para o Brasil que Bolsonaro busca e nós queremos". "A votação da Reforma da Previdência é esse sinal. Um abraço deputados, eu agradeço", disse. "Fiz questão de estar aqui porque é uma data importante para um governo que constrói e que busca todos os dias acertar", elogiou.

Brincadeira

Na cerimônia, o presidente Jair Bolsonaro ironizou a cor da gravata do presidente do Senado. "Apesar da gravata rosa, ele (Alcolumbre) ainda é meu amigo", disse rindo. Em seguida, a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, "agradeceu" Alcolumbre por usar uma gravata "em sua homenagem".

Em janeiro, a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, se envolveu em polêmica ao dizer que "menino veste azul e menina veste rosa". Posteriormente, ela afirmou que a declaração era uma metáfora contra a ideologia de gênero.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;