Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 17 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Lava Jato recupera mais R$ 67 milhões no exterior

Pixabay Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Valores foram desviados em crimes praticados em contrato entre Petrobras e Odebrecht



18/07/2019 | 17:47


A força-tarefa Lava Jato do Ministério Público Federal em Curitiba recuperou mais R$ 67.051.695,52 para os cofres públicos. Segundo a Procuradoria, os valores, desviados em decorrência de crimes praticados para a celebração de contrato entre a Petrobras e a Odebrecht, haviam sido direcionados a três condenados em uma ação penal da Lava Jato - Aluísio Teles Ferreira Filho, Ulisses Sobral Calile e Mário Ildeu de Miranda em contas no exterior.

Os três, condenados na ação penal nº 5023942-46.2018.4.04.7000/PR, "confessaram os crimes e renunciaram aos valores depositados em contas-correntes mantidas em bancos suíços", informou a força-tarefa da Lava Jato.

Os valores foram transferidos para contas judiciais vinculadas ao processo e integram os mais de R$ 13 bilhões que são alvo de recuperação pela Lava Jato ao longo de cinco anos de operação, destaca a Procuradoria.

Somente no primeiro semestre de 2019, o Ministério Público Federal recuperou efetivamente mais de R$ 1,5 bilhão e apresentou 14 denúncias - número superior a 2018 e o mesmo verificado em 2017.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Lava Jato recupera mais R$ 67 milhões no exterior

Valores foram desviados em crimes praticados em contrato entre Petrobras e Odebrecht


18/07/2019 | 17:47


A força-tarefa Lava Jato do Ministério Público Federal em Curitiba recuperou mais R$ 67.051.695,52 para os cofres públicos. Segundo a Procuradoria, os valores, desviados em decorrência de crimes praticados para a celebração de contrato entre a Petrobras e a Odebrecht, haviam sido direcionados a três condenados em uma ação penal da Lava Jato - Aluísio Teles Ferreira Filho, Ulisses Sobral Calile e Mário Ildeu de Miranda em contas no exterior.

Os três, condenados na ação penal nº 5023942-46.2018.4.04.7000/PR, "confessaram os crimes e renunciaram aos valores depositados em contas-correntes mantidas em bancos suíços", informou a força-tarefa da Lava Jato.

Os valores foram transferidos para contas judiciais vinculadas ao processo e integram os mais de R$ 13 bilhões que são alvo de recuperação pela Lava Jato ao longo de cinco anos de operação, destaca a Procuradoria.

Somente no primeiro semestre de 2019, o Ministério Público Federal recuperou efetivamente mais de R$ 1,5 bilhão e apresentou 14 denúncias - número superior a 2018 e o mesmo verificado em 2017.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;