Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 14 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Que bom...


Márcio Bernardes

15/07/2019 | 14:38


Criou-se uma expectativa diferente com a volta do Brasileiro. Antes da Copa América os técnicos pediam tempo para aprimorar seus times. Havia dúvidas e com os jogos da 10ª. Rodada a sinalização é positiva.

O Palmeiras já havia mostrado contra o Internacional pela Copa do Brasil e confirmou no clássico contra o São Paulo, mesmo com várias alterações providas por Felipão, que a torcida não vai sofrer. Pelo contrário. O clássico terminou com um placar modesto, mas os dois goleiros fizeram defesas espetaculares. Até por isso, Thiago Volpe não pode ser crucificado pelo lance do gol palmeirense. Acho que foi uma baita infelicidade. O São Paulo voltou melhor da pausa e Cuca deu um jeito na defesa e no meio.

Conclusão: o Palmeiras está vivíssimo nas três competições e o São Paulo pode evoluir.

Bambambã

Com um elenco limitado o Santos brilha no Brasileiro-19. Venceu o Bahia em Salvador, fez 23 pontos e está a 3 do líder Palmeiras. Sampaoli está tirando leite de pedra e a torcida agradece.

Com protestos contra o VAR o Vasco da Gama perdeu de virada para o Grêmio, porém, mostrou que houve uma evolução com o comando de Luxemburgo. Idem o Fortaleza que ganhou do Avaí por 2 x 0 e vem comprovando o que o técnico Rogério Ceni prometeu; deixar o seu time em situação intermediária na tabela.

Que bom, que ruim...

No domingo o Flamengo fez como o sol no Maracanã; brilhou, esquentou e queimou o filme do Goiás. Goleada implacável de 6 x 1. No Itaquerão o Corinthians penou para vencer o pobre CSA. Resultado de 1 x 0 não convence ninguém. Atenção Carille que a torcida está ficando impaciente com seu esquema.

O Atlético-PR ganhou do Internacional, resultado esperado, tanto quanto o 0x0 de Cruzeiro e Botafogo.

Espetacular

Muito a se falar do jogo decisivo em Wimbledon. Mas o adjetivo do título sintetiza o que fizeram Novak Djokovic e Roger Federer. Dá prazer ver um jogo com esse nível técnico, tático e físico. Dizer mais o quê?



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Que bom...

Márcio Bernardes

15/07/2019 | 14:38


Criou-se uma expectativa diferente com a volta do Brasileiro. Antes da Copa América os técnicos pediam tempo para aprimorar seus times. Havia dúvidas e com os jogos da 10ª. Rodada a sinalização é positiva.

O Palmeiras já havia mostrado contra o Internacional pela Copa do Brasil e confirmou no clássico contra o São Paulo, mesmo com várias alterações providas por Felipão, que a torcida não vai sofrer. Pelo contrário. O clássico terminou com um placar modesto, mas os dois goleiros fizeram defesas espetaculares. Até por isso, Thiago Volpe não pode ser crucificado pelo lance do gol palmeirense. Acho que foi uma baita infelicidade. O São Paulo voltou melhor da pausa e Cuca deu um jeito na defesa e no meio.

Conclusão: o Palmeiras está vivíssimo nas três competições e o São Paulo pode evoluir.

Bambambã

Com um elenco limitado o Santos brilha no Brasileiro-19. Venceu o Bahia em Salvador, fez 23 pontos e está a 3 do líder Palmeiras. Sampaoli está tirando leite de pedra e a torcida agradece.

Com protestos contra o VAR o Vasco da Gama perdeu de virada para o Grêmio, porém, mostrou que houve uma evolução com o comando de Luxemburgo. Idem o Fortaleza que ganhou do Avaí por 2 x 0 e vem comprovando o que o técnico Rogério Ceni prometeu; deixar o seu time em situação intermediária na tabela.

Que bom, que ruim...

No domingo o Flamengo fez como o sol no Maracanã; brilhou, esquentou e queimou o filme do Goiás. Goleada implacável de 6 x 1. No Itaquerão o Corinthians penou para vencer o pobre CSA. Resultado de 1 x 0 não convence ninguém. Atenção Carille que a torcida está ficando impaciente com seu esquema.

O Atlético-PR ganhou do Internacional, resultado esperado, tanto quanto o 0x0 de Cruzeiro e Botafogo.

Espetacular

Muito a se falar do jogo decisivo em Wimbledon. Mas o adjetivo do título sintetiza o que fizeram Novak Djokovic e Roger Federer. Dá prazer ver um jogo com esse nível técnico, tático e físico. Dizer mais o quê?

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;