Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 22 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Contrato com oficina também abrange veículos zero em Diadema


Junior Carvalho
Do Diário do Grande ABC

17/07/2019 | 07:41


Apesar de a Câmara de Diadema atribuir a renovação do contrato, na ordem de R$ 300 mil, para manutenção dos veículos da frota à necessidade de consertos de carros antigos que ainda existem na casa, o acordo prevê que os serviços sejam feitos em todos os 26 veículos pertencentes ao Legislativo. Desse total, porém, 21 são carros zero-quilômetro e possuem garantia total de três anos da fábrica.

O Diário mostrou na segunda-feira que a Câmara de Diadema aditou contrato com a oficina Auto Mecânica Fábio (Fábio Eduardo da Silva Mecânica ME), localizada na região central da cidade, dias depois de comprar os novos Volkswagen Voyages, por R$ 1,17 milhão, justamente sob o argumento de que os gastos com a manutenção da frota antiga estavam altos. A casa alegou que a existência de contrato desse tipo é determinação do TCE (Tribunal de Contas do Estado).

A corte confirmou que há essa recomendação, mas alertou para a falta da proporcionalidade. No caso de Diadema, o contrato cheio, foi renovado por causa de, em tese, apenas cinco veículos da frota antiga que ainda estão na casa.

A Câmara diademense alegou que apenas aumentou o prazo de vigência do contrato e que manteve o valor – o acordo original era de R$ 232 mil. “O orçamento deste ano para eventuais despesas com carros certamente será diferente”. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Contrato com oficina também abrange veículos zero em Diadema

Junior Carvalho
Do Diário do Grande ABC

17/07/2019 | 07:41


Apesar de a Câmara de Diadema atribuir a renovação do contrato, na ordem de R$ 300 mil, para manutenção dos veículos da frota à necessidade de consertos de carros antigos que ainda existem na casa, o acordo prevê que os serviços sejam feitos em todos os 26 veículos pertencentes ao Legislativo. Desse total, porém, 21 são carros zero-quilômetro e possuem garantia total de três anos da fábrica.

O Diário mostrou na segunda-feira que a Câmara de Diadema aditou contrato com a oficina Auto Mecânica Fábio (Fábio Eduardo da Silva Mecânica ME), localizada na região central da cidade, dias depois de comprar os novos Volkswagen Voyages, por R$ 1,17 milhão, justamente sob o argumento de que os gastos com a manutenção da frota antiga estavam altos. A casa alegou que a existência de contrato desse tipo é determinação do TCE (Tribunal de Contas do Estado).

A corte confirmou que há essa recomendação, mas alertou para a falta da proporcionalidade. No caso de Diadema, o contrato cheio, foi renovado por causa de, em tese, apenas cinco veículos da frota antiga que ainda estão na casa.

A Câmara diademense alegou que apenas aumentou o prazo de vigência do contrato e que manteve o valor – o acordo original era de R$ 232 mil. “O orçamento deste ano para eventuais despesas com carros certamente será diferente”. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;