Fechar
Publicidade

Domingo, 21 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Inverno Seguro registra mais de 180 chamados durante o feriado em São Caetano


Do Dgabc.com.br

12/07/2019 | 15:48


A Prefeitura de São Caetano lançou, na última semana, o Programa Inverno Seguro, idealizado pelas secretarias de Assistência e Inclusão Social, Saúde e Segurança. A iniciativa visa o acolhimento e o encaminhamento das pessoas em situação de rua para abrigos ou, quando necessário, unidades de saúde.

“De sexta a quarta-feira (5 a 10/7), foram registrados 181 atendimentos pelo telefone do SOS Cidadão 156, 78 acolhimentos para abrigos e 29 encaminhamentos para a UPA”, avalia o secretário da Seais, Daniel Córdoba. “Além disso, 280 cobertores foram entregues”, finaliza.

Por meio do telefone 0800-7000-156, a população também pode colaborar. Quem encontrar uma pessoa dormindo na rua, em noite com baixas temperaturas, pode acionar as equipes para que seja feito o primeiro atendimento. Caso haja aceitação, a pessoa será encaminhada para acolhimento em abrigo, receber alimentação e higiene, ou, em caso de problemas de saúde, será levada para a UPA.

ABORDAGENS
Ao longo da semana, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, a equipe do Creas (Centro de Referência Especializado de Assistência Social), composta por educadores e agentes sociais, realiza abordagens às pessoas em situação de rua. Além da oferta de pernoites, acolhimento, alimentação e higiene diárias, são realizados encaminhamentos e a viabilização à documentação, serviços de saúde e inserção em programas municipais de trabalho, além da busca pelas famílias e rede de apoio, com vistas à reinserção familiar e social.

No período de inverno, intensifica-se a abordagem social, com o intuito de sensibilizar em relação aos riscos da exposição às baixas temperaturas e garantir aos mesmos o acesso aos serviços disponíveis na rede socioassistencial, com apoio 24h da equipe de emergência 156. Vale ressaltar que nem todos os abordados aceitam o encaminhamento, uma vez que fatores como dependência química e transtornos mentais podem, também, ser associados à frequente recusa aos serviços.
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Inverno Seguro registra mais de 180 chamados durante o feriado em São Caetano

Do Dgabc.com.br

12/07/2019 | 15:48


A Prefeitura de São Caetano lançou, na última semana, o Programa Inverno Seguro, idealizado pelas secretarias de Assistência e Inclusão Social, Saúde e Segurança. A iniciativa visa o acolhimento e o encaminhamento das pessoas em situação de rua para abrigos ou, quando necessário, unidades de saúde.

“De sexta a quarta-feira (5 a 10/7), foram registrados 181 atendimentos pelo telefone do SOS Cidadão 156, 78 acolhimentos para abrigos e 29 encaminhamentos para a UPA”, avalia o secretário da Seais, Daniel Córdoba. “Além disso, 280 cobertores foram entregues”, finaliza.

Por meio do telefone 0800-7000-156, a população também pode colaborar. Quem encontrar uma pessoa dormindo na rua, em noite com baixas temperaturas, pode acionar as equipes para que seja feito o primeiro atendimento. Caso haja aceitação, a pessoa será encaminhada para acolhimento em abrigo, receber alimentação e higiene, ou, em caso de problemas de saúde, será levada para a UPA.

ABORDAGENS
Ao longo da semana, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, a equipe do Creas (Centro de Referência Especializado de Assistência Social), composta por educadores e agentes sociais, realiza abordagens às pessoas em situação de rua. Além da oferta de pernoites, acolhimento, alimentação e higiene diárias, são realizados encaminhamentos e a viabilização à documentação, serviços de saúde e inserção em programas municipais de trabalho, além da busca pelas famílias e rede de apoio, com vistas à reinserção familiar e social.

No período de inverno, intensifica-se a abordagem social, com o intuito de sensibilizar em relação aos riscos da exposição às baixas temperaturas e garantir aos mesmos o acesso aos serviços disponíveis na rede socioassistencial, com apoio 24h da equipe de emergência 156. Vale ressaltar que nem todos os abordados aceitam o encaminhamento, uma vez que fatores como dependência química e transtornos mentais podem, também, ser associados à frequente recusa aos serviços.
 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;