Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 17 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Soares e parceira dos EUA perdem nas quartas nas duplas mistas de Wimbledon



11/07/2019 | 14:45


O tênis do Brasil não tem mais representantes em Wimbledon, o terceiro Grand Slam da temporada. Nesta quinta-feira, o mineiro Bruno Soares e a norte-americana Nicole Melichar foram eliminados nas quartas de final da chave de duplas mistas ao serem derrotados pelo holandês Matwe Middelkoop e pela chinesa Zhaoxuan Yang por 2 sets a 0 - com parciais de 6/4 e 6/3, após 1 hora e 6 minutos.

Cabeças de chave número 1 no Grand Slam disputado na grama, em Londres, Bruno Soares e Nicole Melichar haviam conquistado no dia anterior uma vitória significativa na competição. Os dois bateram a dupla formada pelo britânico Andy Murray e a norte-americana Serena Williams, dois ex-números 1 do mundo em simples.

Parceiros habituais em Grand Slams, o desempenho do brasileiro e da norte-americana em Wimbledon ficou abaixo da expectativa diante do que aconteceu neste ano no Aberto da Austrália, em Melbourne, em janeiro, e em Roland Garros, em Paris, no mês passado, quando conseguiram alcançar as semifinais.

Bruno Soares buscava o quarto título de Grand Slams em duplas mistas. Os títulos anteriores foram no US Open (em 2012, com a russa Ekaterina Makarova, e em 2014, com a indiana Sania Mirza), além do Aberto da Austrália (em 2016, com a russa Elena Vesnina). O mineiro ainda foi campeão de duplas masculinas, com o britânico Jamie Murray, no Aberto da Austrália e no US Open.

Classificados às semifinais, Matwe Middelkoop e Zhaoxuan Yang ainda não sabem quem terão pela frente. Os adversários serão os vencedores do duelo entre a dupla cabeça de chave 12 formada pelo ucraniano Franko Skugor e pela romena Raluca Olaru e a parceria feita pelo veterano sueco Robert Lindstedt com a letã Jelena Ostapenko.

No primeiro set, Bruno Soares e Nicole Melichar fizeram um jogo equilibrado. A parcial saiu de controle quando os adversários conseguiram a quebra no terceiro game. O brasileiro e a norte-americana ainda mostraram força no último game, mas deixaram passar duas chances seguidas de break point.

Na segunda parcial, o equilíbrio na quadra foi ainda maior. Ambas as duplas confirmaram os seus serviços até o sétimo game. No oitavo, Nicole Melichar não mostrou segurança no saque, facilitando a devolução dos adversários, que conseguiram a vantagem no placar. Por fim, foi a vez de Bruno Soares mostrar fragilidade no saque, tanto que o ponto final saiu justamente em uma dupla falta cometida pelo brasileiro.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Soares e parceira dos EUA perdem nas quartas nas duplas mistas de Wimbledon


11/07/2019 | 14:45


O tênis do Brasil não tem mais representantes em Wimbledon, o terceiro Grand Slam da temporada. Nesta quinta-feira, o mineiro Bruno Soares e a norte-americana Nicole Melichar foram eliminados nas quartas de final da chave de duplas mistas ao serem derrotados pelo holandês Matwe Middelkoop e pela chinesa Zhaoxuan Yang por 2 sets a 0 - com parciais de 6/4 e 6/3, após 1 hora e 6 minutos.

Cabeças de chave número 1 no Grand Slam disputado na grama, em Londres, Bruno Soares e Nicole Melichar haviam conquistado no dia anterior uma vitória significativa na competição. Os dois bateram a dupla formada pelo britânico Andy Murray e a norte-americana Serena Williams, dois ex-números 1 do mundo em simples.

Parceiros habituais em Grand Slams, o desempenho do brasileiro e da norte-americana em Wimbledon ficou abaixo da expectativa diante do que aconteceu neste ano no Aberto da Austrália, em Melbourne, em janeiro, e em Roland Garros, em Paris, no mês passado, quando conseguiram alcançar as semifinais.

Bruno Soares buscava o quarto título de Grand Slams em duplas mistas. Os títulos anteriores foram no US Open (em 2012, com a russa Ekaterina Makarova, e em 2014, com a indiana Sania Mirza), além do Aberto da Austrália (em 2016, com a russa Elena Vesnina). O mineiro ainda foi campeão de duplas masculinas, com o britânico Jamie Murray, no Aberto da Austrália e no US Open.

Classificados às semifinais, Matwe Middelkoop e Zhaoxuan Yang ainda não sabem quem terão pela frente. Os adversários serão os vencedores do duelo entre a dupla cabeça de chave 12 formada pelo ucraniano Franko Skugor e pela romena Raluca Olaru e a parceria feita pelo veterano sueco Robert Lindstedt com a letã Jelena Ostapenko.

No primeiro set, Bruno Soares e Nicole Melichar fizeram um jogo equilibrado. A parcial saiu de controle quando os adversários conseguiram a quebra no terceiro game. O brasileiro e a norte-americana ainda mostraram força no último game, mas deixaram passar duas chances seguidas de break point.

Na segunda parcial, o equilíbrio na quadra foi ainda maior. Ambas as duplas confirmaram os seus serviços até o sétimo game. No oitavo, Nicole Melichar não mostrou segurança no saque, facilitando a devolução dos adversários, que conseguiram a vantagem no placar. Por fim, foi a vez de Bruno Soares mostrar fragilidade no saque, tanto que o ponto final saiu justamente em uma dupla falta cometida pelo brasileiro.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;